skip to Main Content
16 de janeiro de 2021 | 09:10 am

SINDICALISTA É AGREDIDO EM ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O dirigente de uma associação de usuários de transporte em Itabuna, Zenisson Soares, é acusado de agredir (“covardemente”) Josemiro Alves, diretor do Sindicato dos Rodoviários de Itabuna (Sindirod). A agressão ocorreu ontem à tarde, no clube da Usemi.

Zenisson desferiu, pelo menos, três socos no rosto do sindicalista quando este deixava a sede do clube, no São Caetano, acompanhado do presidente do Sindirod, Joselito Paulo (Pé de Rato). Josemiro e Joselito relatam que estavam participando de uma reunião política no centro da cidade quando o presidente do Sindirod constatou diversas ligações de um telefone do presidente da Usemi, o ex-árbitro José Inácio Damasceno.

Damasceno negou que tivesse ligado para os dois sindicalistas. Zenisson então assumiu ser o autor das ligações e disse que queria conversar com Pé-de-Rato. Como o rodoviário rejeitou a ideia, o “ligador” passou então a agredir a dupla, verbalmente. Na saída do clube, no entanto, o caldo entornou: Josemiro foi agredido fisicamente por Zenisson, pelas costas. A versão do “boxeador” é outra – ele teria sido “a vítima”.

Esta publicação possui 3 comentários
  1. Esse Zenisson se lascou todo. Ele pode ter batido primeiro, mas foi “atropelado” em seguida e nem teve condições de anotar a placa do veículo. Eu vi o cabra todo esfolado, com o olho direito inchado e roxo, sem conseguir abrir.
    O Zenisson tem físico de Tarzan depois do cólera e só anda doidão, não se sabe se por conta da ação de alguma substância estranha…

  2. foi realmente uma covardia. Esse Zenilton é cara de pau porque ainda pousou de vítima…
    Rapaz conheço Zenilson . Ele deve ter uns 20 e poucos anos.
    A pessoa agredida tem mais de 50…
    Tenha santa paciencia!
    Polícia nele!!!!

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top