skip to Main Content
11 de agosto de 2020 | 09:46 pm

AZEVEDO, O FERNANDISTA E O INTERINO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Paulo Lima (ou Paulo Índio) não poderia ser secretário em virtude do "ranço fernandista"

O radialista Reginaldo Silva conta em seu blog que o jornalista Paulo Lima teria integrado uma lista de seis nomes submetidos ao crivo do prefeito José Nilton Azevedo para substituir Walmir Rosário na Secretaria de Assuntos Governamentais e Comunicação. De acordo com Silva, ao deparar com o nome de Lima o prefeito teria feito o sinal da cruz, gritado um “Deus me livre” e dito que o candidato teria “ranço de Fernando Gomes”  (curioso é que para alguns isso é pré-requisito).

Para o cargo, o escolhido acabou sendo o jornalista Ramiro Aquino, que assume nesta segunda-feira, 7, às 10 horas, em uma cerimônia simples no gabinete do prefeito.

Silva, porém, diz que o prefeito revelou a um grupo de comunicadores que a nomeação de Ramiro seria em caráter interino. “Ninguém entendeu nada”, afirma o radialista, com a grande pretensão de entender a “intellingentzia” do governo Azevedo.

Esta publicação possui 11 comentários
  1. Já entendi tudo, Paulo Lima não serve para ser secretário porque tem ranço Fernandista, mas Ramiro Aquino serve porque tem ranço Geraldista, tá resolvido e explicado, certo?

  2. Outra coisa, Ramiro Aquino estará no cargo interinamente pelo fato do Capitão Azevedo também ser interino, daí a qualquer momento o chefe poderá ser destituido e o secretário o acompnhá-lo, tá certíssimo o Capitão…

  3. Penso igual a quem acha que Ramiro Aquino é interino na Secretaria de Assuntos Políticos. Não é do ramo e vai bater cabeça. Portanto…

  4. QUE ESTE COMENTARIO DE AZEVEDO, SIRVA DE AVISO
    AOS DEMAIS PUCHA-SACO DESTE PREFEITO DE BRINQUEDO,
    ELE NÃO TEM RESPEITO POR NINGUEM,TUDO BEM QUE TODO
    CASTIGO PARA ESSE CIDADÃO CHAMADO PAULO LIMA(PAULO INDIO)
    AINDA É POUCO, POIS ELE SÓ VIVE DO LEVA E TRAZ, MAS UM
    PREFEITO TEM QUE TER POSTURA E NÃO PODE ANDAR POR AI
    FALANDO O QUE QUER DAS PESSOAS, MESMO QUE ESSAS PESSOAS
    NÃO SE DE AO RESPEITO, ESSE PREFEITO FOI ELEITO PARA
    TRABALHAR E ISSO NÓS ITABUNENSES ESTAMOS ESPERANDO,
    ACORDA PREFEITO DE BRINQUEDO, E COMECE A ADMINISTRAR NOSSO MUNICIPIO.

  5. Zelão diz: – Nem usando desinfetante

    Minha avó dizia: “Quem com porcos se mistura, farelo haverá de comer.”

    Só não dá, é para aceitar que alguém engorde a custa do farelo do porco e depois queira negar a origem da própria banha.

    Logo o “capitão prefeito” que sempre viveu na mendicância dos favores e da proteção de Fernando Gomes, de quem herdou o poder, queira hoje “tapar as narinas” para o que chama de “ranço fernandista.” O “capitão feito prefeito,” esquece que os eleitores de Fernando – a grande maioria que o elegeu – não vai perdoar a traição.

    Ao “tapar as narinas” para não sentir o odor do seu passado – e mesmo usando desinfetante não conseguirá – o “capitão prefeito” ofende os seguidores do “fernandismo” e põe uma pedra no seu pescoço, que o levará para o fundo. Esquece que a traição tem um preço a ser pago.

  6. Nada contra O nome Ramiro ao Cargo.mais a de relatar que é uma puta de uma sacangem com o Paulo índio sucessor mais do que justo a essa cadeira.

  7. Calma Zelão! esse seu amor por Fernando poderá elevar sua pressão e atingir seu coração. Fica calmo, fernando sabe do seu amor por ele.

  8. Zelão diz: – Dando a César o que é de César!

    Senhor Sargento;

    Não se trata de amores encubados. O que me deixa “puto da vida” é assistir a traições descaradas, notadamente por alguém que se elegeu sob a bandeira da honestidadee humildade.

    Além do mais; Fernando não precisa que ninguém o defenda. De todos os defeitos que possam a ele ser atribuídos,não consta, mesmo na lista dos seus adversários, que seja um “traidor” dos seus amigos ou que tenha “cuspido no prato em que comeu.”

    Fernando Gomes – uma raposa esperta na política – se deixou levar pelos apelos de Alice, Burgos e outros, para apoiar e eleger Azevêdo (que ele mesmo sabia ser incompetente), esquecendo a regra básica da política de que; líder algum deve fazer seu sucessor, sob pena de vir a ser traído no futuro.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top