skip to Main Content
22 de setembro de 2020 | 11:33 am

SERVIDORES DA JUSTIÇA BAIANA CRUZAM OS BRAÇOS

Tempo de leitura: < 1 minuto

A ameaça de desconto salarial pelos dias parados em maio e início de junho, durante a greve da categoria, levou os serventuários da Justiça baiana a cruzar os braços nesta sexta, 30. Uma assembleia do Sinpojud em Salvador, nesta manhã, discute a resolução 04/2010, do Tribunal de Justiça da Bahia.
O tribunal determinou o desconto dos dias não-trabalhados durante a greve de mais de um mês. A garantia é de pelo menos 30% dos serviços de cartório e fóruns estarão disponíveis no Estado. Conforme comunicado do Tribunal de Justiça, funcionarão apenas os serviços de liminar de plano de saúde, guia de sepultamento, casamentos pré-agendados e habeas corpus.

Esta publicação possui 8 comentários
  1. Os servidores requerem um direito estabelecido, o Estado passou a punir e punirá quem se rebelar.só quem sofre é a população.A quem devemos recorrer? Tomara que o governo do Estado abra o diálogo e o bolso , assim logo acabaremos com essa sofrência.

  2. Se os serventuários da Justiça baiana continuarem a agir dessa forma, infelizmente teremos de descambar pra terceirização do serviço, como já acontece em cartórios de alguns Estados. É completamente inadmissível que os cidadãos pagadores de impostos sejam prejudicados por uma categoria que só pensa no próprio bem-estar, como se não tivesse cumprindo com suas obrigações (eles são pagos por nós pra isso).

  3. A culpa é do Estado e da assembléia legislativa, que ainda não privatizou os cartórios e não faz concurso público, é uma pena o Estado da Bahia uma das principais economias do país ter que passar por isso e a sociedade refém dessa calamidade.

  4. Essses serventuarios da Injustiça,não tomam vergonha na cara,a vida a fazendo greves e paralizações,não tem o menor respeito pelo patrão,você cidadão que paga todo mordomia destes fisiologistas.

  5. COM TANTAS GREVES Q ESTES SERVIDORES FAZEM, ACHO QUE ELES ESTÃO GANHANDO MAIS DO QUE MERECEM.
    – ACHAM QUE GANHAM POUCO PEÇAM DEMISSÃO E VÃO TRABALHAR NAS EMPRESAS PRIVADAS.

  6. Todos os serviços públicos do nosso estado, tem alguma deficiência ou estão em péssimo estado de calamidade pública. Se o governador Jaques Wagner e os deputados da Bahia tivesse um mínimo de respeito por nós, únicos e exclusivos empregadores (impostos+taxas+tarifas+IR+IPTU+ISS+ICMS+Cofins+Iof+juros+++…?) desses parasitas que campeiam e assolam o Brasil. Estou irritado e indignado de viver nesse país das injustiças e de vampiros do erário público. Chega, chega de molestarem o meu bolso e a minha vida!

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top