skip to Main Content
25 de fevereiro de 2020 | 04:37 pm

UM BASTA NA POLUIÇÃO SONORA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Um minitrio elétrico contratado pela campanha do deputado estadual Capitão Fábio terminou apreendido nesta tarde, em Ilhéus. Circulava em frente à sede do Ministério Público Estadual, na avenida Lomanto Júnior, com o som audível “em Itabuna”, tal a potência utilizada.
Em Ilhéus, a promotoria está jogando duro contra a poluição sonora em tempos de eleição.

ABASTECENDO A CAMPANHA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Segundo matéria publicada na edição de hoje do jornal O Estado de São Paulo, o senador baiano César Borges (PR) utilizou em julho R$ 5.500,00 de sua verba de gabinete com aluguel de veículos e compra de combustível.
O diário paulista salienta a exorbitância da quantia e observa a “coincidência”: julho foi o primeiro mês da campanha eleitoral.

IBOPE MOSTRA DILMA COM 43% E SERRA COM 32%

Tempo de leitura: < 1 minuto

Dilma seria eleita no 1º turno
com 51% dos votos válidos

O Ibope divulgou há pouco a sua mais recente pesquisa sobre a disputa presidencial brasileira. Dilma Rousseff (PT) aumentou a sua vantagem em relação a José Serra (PSDB) para onze pontos percentuais e foi a 43%. O tucano pontua com 32%. Marina Silva (PV) manteve os 8% da pesquisa anterior.
Em relação à pesquisa divulgada no dia 6, Dilma cresceu quatro pontos (eram 39%) e Serra caiu dois (34%).
A pesquisa contratada pela TV Globo e Estadão ouviu 2.506 eleitores de 12 a 15 de agosto e apresenta margem de erro de dois pontos percentuais.
Os demais candidatos não pontuaram na pesquisa. São eles Eymael (PSDC), Ivan Pinheiro (PCB), Levy Fidelix (PRTB), Plínio de Arruda Sampaio (PSOL), Rui Costa Pimenta (PCO) e Zé Maria (PSTU). Mas esse contingente significaria 1% das intenções de voto nesta pesquisa.
7% dos eleitores votariam em branco ou nulo e 9% se disseram indecisos quanto às opções de voto. A diferença de 11 pontos percentuais também aparece numa disputa de segundo turno entre a petista e o tucano: 48% a 37%.
Conforme o Ibope, considerando-se apenas os votos válidos, Dilma teria 51%, Serra 38% e Marina 10%, mas a margem de erro de dois pontos não confirmaria essa possibilidade.

CÉSAR BORGES E PINHEIRO LIDERAM CORRIDA AO SENADO, DIZ VOX POPULI

Tempo de leitura: < 1 minuto

De acordo com a pesquisa Vox Populi, o senador César Borges (PR) estaria reeleito. As intenções de voto no republicano subiram de 29% em julho para 35% no início de agosto, segundo o instituto. Walter Pinheiro (PT) subiu cinco pontos e tem agora 27%.
Lídice da Mata (PSB) aparece com 18%. José Ronaldo aparece com 10%, o dobro do seu companheiro de corrida e de partido, José Carlos Aleluia, com 5%.
Conforme a pesquisa, 47% ainda estão indecisos e 11% pretendem votar em branco ou nulo. Em 2010, serão escolhidos dois nomes para concorrer ao Senado.

SAI VOX POPULI: WAGNER VAI A 45% E SOUTO, 24%

Tempo de leitura: < 1 minuto

Pesquisa Vox Populi/Band divulgada há pouco mostra que o governador Jaques Wagner (PT) subiu dois pontos percentuais e agora tem 45% das intenções de voto. Estaria reeleito no primeiro turno.
O ex-governador Paulo Souto (DEM) atingiu 24% e o ex-ministro Geddel Vieira Lima (PMDB) tem 9%. Souto cresceu 3 pontos e Geddel perdeu um. Os demais candidatos não pontuaram. A margem de erro é de 3,5 pontos percentuais.
A pesquisa ainda aferiu a rejeição de cada um dos candidatos. Souto tem 20%, Wagner 12% e Geddel, 9%. O percentual de indecisos caiu de 19% para 16% e 6% votariam em branco ou nulo. Na pesquisa espontânea, Wagner tem 27%, Souto, 10%; e Geddel, 4%.
Conforme o Jornal da Band, a pesquisa ouviu 800 eleitores, de 7 e 10 de agosto, registrada no Tribunal Superior Eleitoral, protocolo 22.948/10.

JUIZ BALEADO NUNCA RECEBEU AMEAÇAS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Do A Tarde
O juiz federal da sub-seção de Eunápolis, Márcio Mafra Leal Júnior, 41 anos, foi baleado na noite deste domingo, 15, na BA-001, próximo ao município de Aratuípe, sentido Valença. O magistrado contou que parou no acostamento com sua moto Honda 600 cilindradas para colocar o par de luvas, quando dois homens em outra motocicleta pararam ao seu lado e dispararam três tiros.
Uma das balas atravessou o braço do juiz que, mesmo ferido, conseguiu pilotar até o posto da Polícia Rodoviária Estadual (PRE), no Trevo do Guaibim, em Valença. Ele ainda foi seguido pelos criminosos por cerca de 3 km, mas depois eles fugiram.
O magistrado foi levado para a Santa Casa de Misericórdia, onde está internado em observação, aguardando transferência para o Hospital Aliança, em Salvador. O ortopedista Carlos Henrique Borges disse que o juiz não corre risco de morte e que nenhum tendão, nervo os músculo foi afetado pela bala.
O juiz, que classificou o crime como tentativa de assalto, disse que costuma passar pela BA-001 quando viaja de Salvador para Eunápolis, já que passa 15 dias na capital baiana onde ensina Direito na Universidade Federal da Bahia (UFBA) e outros 15 em Eunápolis, onde trabalha na justiça federal. Ele acredita que os bandidos estariam interessados na moto.
Leia a íntegra

"NIGRINHA"

Tempo de leitura: < 1 minuto

Servidores da Câmara Municipal de Itabuna ficaram abismados com uma cena ocorrida no gabinete do presidente da Casa, Clóvis Loiola.
Um esbaforido Ruy Machado batia à porta do gabinete do colega. Irritou-se mais ao descobrir que Loiola não estava ali. Foi recebido pela esposa do parlamentar.
Esbravejou, falou em afastar Loiola, teria chamado a senhora Poliana de “nigrinha” e bateu em retirada.
Tava possesso.

WAGNER BATE PAULO SOUTO TAMBÉM NO 2º TURNO POR 54% A 32%, DIZ DATAFOLHA

Tempo de leitura: 2 minutos

54% a 32%: Souto perderia para Wagner.

O Datafolha testou na pesquisa sobre a sucessão baiana um cenário provável de segundo turno entre Jaques Wagner (PT) e o ex-governador Paulo Souto (DEM). Pesquisou, mas não divulgou no último final de semana.
Conforme relatório acessado pelo Pimenta, Jaques Wagner pontuou com 54% das intenções de voto no embate de segundo turno contra Paulo Souto, dono de 32% das intenções, conforme o Datafolha.
Em relação ao primeiro turno, Wagner e Souto ganham nove pontos percentuais de intenções de voto, cada um. 5% votariam em branco ou nulo. Neste cenário, existem 8% de indecisos
A pesquisa também confirma aquilo que está na boca de quem conhece os bastidores da política baiana. Se houver um segundo turno e mesmo que o peemedebista Geddel Vieira Lima anuncie apoio a Wagner, 60% dos eleitores fiéis ao PMDB votarão em Paulo Souto (DEM). 31% ficariam com o governador.
REJEIÇÃO A GEDDEL AUMENTA 5 PONTOS

Geddel sofre com rejeição (Foto Pimenta-30.08.08).

A pesquisa do Datafolha mostrou queda na rejeição de Paulo Souto (29% caiu para 26%) e Wagner (16% caiu para 15%). Na outra ponta, cresceu o percentual de eleitores que não votariam em Geddel Vieira Lima (18% subiu para 23%), aumento de cinco pontos percentuais.
Pior: na intenção de voto espontânea, tanto Paulo Souto como Wagner cresceram (dentro da margem de erro de 3 pontos percentuais), mas Geddel patinou. Wagner saiu de 25% para 28% de intenções de voto, Souto de 7% para 8% e Geddel estacionou nos 5%.
PT É O PREFERIDO DE 30% DOS BAIANOS

Leia Mais

EMASA MALTRATA MORADORES DO PONTALZINHO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Moradoras abastecem os "reservatórios".

O leitor itabunense talvez lembre de célebre frase do ex-presidente da Emasa, Isaias Mendes, recomendando o consumidor a gastar, no máximo, um litro de garrafa PET de água a cada banho. Era 2008, período de racionamento como nunca se viu por aqui.
Pois em 2010 quem vive essa situação são os moradores do Pontalzinho. Há mais de oito meses que os residentes das partes mais altas (ou até próximos da praça principal) não sabem o que é água no tanque. Ela chega fraquinha e o que se consegue é acondicionado em garrafas.
O drama é relatado por uma vítima:
– Toda semana é a mesma coisa. Quem quiser roupa lavada tem que ir para casa de parentes em outros bairros; água normalmente nós e outros vizinhos estamos pegando também em outros bairros. Escovar os dentes por aqui tem sido quase impossível, lavar a louça tem sido outro sacrifício.

CHEIO DE GÁS PARA 2012

Tempo de leitura: < 1 minuto

A amigos, o ex-vereador itabunense, atual diretor-presidente da Bahiagás, Davidson Magalhães, tem confidenciado a volta de um antigo desejo: ser prefeito de Itabuna.
Hoje executivo, mas sem esquecer a política, Magalhães foi sacado para compor a coordenação da campanha do governador Wagner à reeleição e pode estar somando pontos para transformar seu sonho em realidade.
A última vez que Magalhães disputou a Prefeitura de Itabuna foi há 14 anos, quando o PCdoB e o PT marcharam separados e os petistas acabaram acusando os comunistas de facilitar a vitória de Fernando Gomes.
Na época, Magalhães saiu com a imagem chamuscada e após aquela eleição, PT e PCdoB passaram a jogar sempre no mesmo time em Itabuna, invariavelmente com o PT na cabeça de chapa. Ao que parece, os comunistas querem mudar a ordem dos fatores daqui a dois anos.
Se o PT vai deixar, só Deus sabe…

Back To Top