skip to Main Content
29 de novembro de 2020 | 01:33 am

IBOPE – SERRA CAI, MARINA CRESCE E DILMA MANTÉM 51%

Tempo de leitura: < 1 minuto

A ex-ministra Dilma Rousseff (PT) lidera mais uma pesquisa de intenções de voto feita pelo Ibope. Ela aparece com 51%. Manteve o índice das últimas três rodadas do mesmo instituto, embora tenha ampliado a sua vantagem frente ao segundo colocado para 26 pontos percentuais.
A novidade deste levantamento é a queda de José Serra (PSDB) e o crescimento de Marina Silva (PV). O tucano deslizou de 27% para 25% e Marina subiu de 8% para 11%. A pesquisa foi feita de 14 a 16 de setembro e ouviu 3.010 pessoas em 205 municípios, sob encomenda do Estadão e da Rede Globo. 4% dos consultados pretendem votar em branco ou nulo  e 8% disseram ainda estar indecisos quanto ao voto.
A pesquisa também apurou que Dilma bateria Serra em um segundo turno, por 56% a 31%. Outro indicador favorável a Dilma é a aprovação recorde do governo Lula. 79% consideram ótimo ou bom o governo do petista, ante 16% que avaliam a gestão como regular e 4% que a consideram ruim ou péssima.

Esta publicação possui 7 comentários
  1. Por que Marina cresce nas pesquisas?
    Um dos motivos é que tanto Dilma como Serra começam a não mais empolgar os leitores, o que Marina está fazendo, com propostas mais consistentes.
    Também começam a pipocar escândalos de corrupção no governo, atingindo tanto o PT como o PSDB.
    Até o final da eleição, Marina deverá crescer ainda mais.

  2. SAIU DATAFOLHA PARA O SENADO
    Disputa pelo Senado na Bahia tem três candidatos empatados no Datafolha
    A menos de 20 dias das eleições, a disputa por duas vagas baianas no Senado está indefinida e ainda mais acirrada, mostra o Datafolha.
    Segundo pesquisa realizada nos dias 13 e 14, Cesar Borges (PR), com 29%, Lídice da Mata (PSB), com 28%, e Walter Pinheiro (PT), com 27%, estão tecnicamente empatados em primeiro lugar.
    Na pesquisa anterior, de 9 de setembro, os índices eram 31%, 28% e 26%, respectivamente, já caracterizando o empate técnico.
    A margem de erro do levantamento é de três pontos percentuais, para mais ou para menos.
    José Ronaldo (DEM) oscilou um ponto para cima e agora tem 11%. Edvaldo Brito (PTB) tem seu índice inalterado em 9%, e Joé Carlos Aleluia (DEM), que tinha chegado a 11% na pesquisa anterior, volta a 7%.
    Entre os eleitores baianos, 15% afirmam votar em branco para uma das vagas, e 10% para as duas. Estão indecisos quanto a um voto 34%, e 24% ainda não decidiriam nenhum dos votos para o Senado.
    Se considerados apenas os votos válidos, Borges tem 25%, Lídice, 24%, Walter Pinheiro, 23%, José Ronaldo, 9%, Brito, 7%, e Aleluia, 6%.
    Foram realizadas 1.100 entrevistas em 43 municípios da Bahia. Contratada pela Folha, a pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral com o número 30.035/2010.

  3. Eleitores vamos parar de achar que essa eleição já está ganha pela Dilma. Vamos votar consciente numa mulher que nunca se envolveu com escândalos e corrupções. Eu ainda acredito na ida de Marina ao segundo turno.

  4. Está quase chegando o dia das eleições, as pesquisas de opinião mostram que casos de escândalos de corrupção na sala vizinha a sala do presidente e a quebra de sigilo fiscal não foram suficientes para abalar a campanha de Dilma. Este momento merece uma reflexão das pessoas honestas deste país. Será que o brasileiro não se importa mesmo se o candidato está ou não envolvido com corrupção? Será mesmo verdade que o brasileiro acredita que tudo é farinha do mesmo saco e neste caso vota em Tiririca não demonstrando voto de protesto, mas sim um vota em qualquer um que ridicularize a democracia? Se isto for verdade estamos perdidos, mas se pensamos diferente temos que cobrar que:
    Dilma venha a publico dizer que não sabia que o filho de Erenice a quem se referia a ela como “tia” não tinha cargos e interesse ligado à liberação de verba publica e cobrava “taxa de sucesso” que antigamente era denominada propina.
    Peça desculpas por ter sido ela quem indicara sua substituta no cargo mais importante do primeiro escalão sem tomar todos os cuidados de ver quantos parentes de Erenice exerciam cargos comissionados que em alguns casos sequer aparecia para trabalhar (Novacap). E para que serve o órgão de inteligência deste país?
    Será que a candidata a representar todos os brasileiros justificará que nada sabia, como fez o presidente no caso do mensalão?
    E o PT ainda continuará com o discurso que a “mídia golpista” deveria se calar, pois faz denúncias sem provas, e que entrará na justiça para reparar perdas, invertendo os fatos fazendo crer a vitima seu algoz?
    Continuará o discurso de partido da classe operária, do povo, da ética, dos bons costumes, depois que se aliou a escoria do nordeste, Renan, Collor, Sarney, Roseana, Jader Barbalho, Otto Alencar, Cesar Borges, para ganhar as eleições com a fatura na mão para pagar cujo preço já previamente acordado que são milhares de cargos em empresas publicas que no final são os canais por onde entram o dinheiro da corrupção?
    Este país precisa reagir, não dá mais para assistirmos tantos escândalos e não ver nenhum envolvido preso na cadeia, que é o lugar que a sociedade escolheu para os ladrões.
    Se não houver reação, a corrupção será banalizada, com ela a quebra das instituições, que no final é quem garante democracia, o livre mercado, a concorrência, a liberdade individual. Corremos um sério risco de ver o Brasil caminhar para o modelo Venezuelano ou Cubano, onde os ditos defensores do povo se apoderam do poder para instituírem a ditadura do proletariado.
    A riqueza ou pobreza de um país não é uma predestinação divina, em menos de uma geração a Coréia do Sul passou a ser um país viável, no mesmo período a Argentina saiu de um patamar de país rico, para um país que a cada dia empobrece mais, mesmo tendo recursos naturais um povo educado e as terras mais férteis do planeta. Estamos diante de uma encruzilhada, podemos seguir o destino da Argentina que tem um governo que se diz esquerda com intervenção na imprensa, nos indicadores de inflação, com moeda fraca, com problemas na sua industrialização e instituições fracas ou a Coréia do Sul. Temos que decidir em qual caminho vai seguir. O momento é este. Dilma deveria nos dizer qual caminho ela prepara se vencer. Se ainda do lado do Irã, Venezuela, Bolívia, Cuba Sudão, Zimbábue, países tão bajulados pelo seu coordenador de campanha. Sr. MAG ou não.

  5. As pesquisas para o Senado indicam que não há nada decidido. 34% tem a decisão de apenas um candidato e 24% não fez opção por nenhum.
    O mais interessante da pesquisa é o falastrão e estressado Aleluia na rabada!

  6. Precisamos, enquanto cidadãos, eleitores, nos fazer respeitar por certos candidatos. ou melhor, por certas campanhas.
    Falo dos candidatos que a direita apresenta.
    Falo dessa campanha sórdida que repetem a cada eleição, num acinte à nossa inteligência, à própria civilidade.
    Sem votos, e cada vez mais sem votos, em toda campanha a direita produz “escândalos”.
    Todo mundo sabe como a coisa funciona, de tanto repetida: um jornal ou uma revista do sul estampa na capa um “escândalo”, e as demais revistas, jornais e emissoras de televisão reverberam, dão expansividade. E repetem, repetem, repetem a notícia na tentativa de derrubar os candidatos progressistas.
    Quem são os donos das “grandes” revistas? os caras da direita. Quem são os donos das Tvs: os caras da direita.
    Estava lendo sobre esse assunto, e alguém lembrou, por exemplo, do “escândalo” do cartão corporativo no Governo central. Como a mídia “sambou” encima nesse assunto. Disseram até da compra de uma tapioca. Mas nada, nada, nada, disse que no Governo de São Paulo, de Serra, a turma da direita sacava dinheiro direto com o cartão corporativo do governo paulista!
    A direita desrespeita os cidadãos, os eleitores.
    São métodos desprezíveis, e afrontam à democracia, enodoam o processo eleitoral.
    Mas nas urnas o povo saberá recharçar isso tudo.
    Lula é um ícone da democracia, das liberdades, de respeito ao povo.
    Dilma, sua companheira de Governo será, pela vontade livre e inteligente do povo, a primeira Presidenta do Brasil!!!
    Dá-lhe 13!

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top