skip to Main Content
3 de abril de 2020 | 05:18 am

FILHO DE EMPRESÁRIO É BALEADO NO BANCO RASO

Tempo de leitura: < 1 minuto

A polícia registrou uma tentativa de homicídio no Banco Raso, em Itabuna. Lázaro Yuri Machado estava conversando com amigos quando um homem deflagrou um tiro que atingiu o jovem no pescoço. Ele foi atendido por uma equipe do Samu 192 e levada para o Hospital de Base.
O empresário musical Valdélio Machado disse que o filho não corre risco de morrer. Valdélio não tem informações sobre as circunstâncias em que o crime ocorreu. Inicialmente, a informação é de que Lázaro estaria participando de uma brincadeira conhecida “roleta russa”, o que foi descartado pelo pai.

ÍNDIO É ASSASSINADO EM PAU BRASIL

Tempo de leitura: < 1 minuto

O índio José de Jesus Silva, de 37 anos, foi morto a tiros na noite de sábado (23), em Pau Brasil, no sul do estado. A família dele informou que José foi baleado quando voltava de uma das fazendas em conflito na região. Ele teria ido levar comida para os índios da tribo Pataxó Hã-hã-hãe que ocupam a fazenda há cerca de 20 dias.
O corpo foi encaminhado para o Instituto Médico Legal (IML) de Itabuna e ainda não foi liberado. Em entrevista à TV Santa Cruz, Jorge Jesus Silva, irmão de José, disse que homens em um moto teriam atirado contra o índio e que ele foi vítima de uma emboscada. Informações do Correio.

BARRACOS DESABAM EM INVASÃO NO SÃO LOURENÇO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Pelo menos 12 barracos de madeira desabaram de ontem para hoje (dias 23 e 24), em uma invasão no bairro São Lourenço, periferia de Itabuna. O local é o mesmo em que equipes da Emasa (Empresa Municipal de Água e Saneamento) tentam há três dias consertar uma adutora que sofreu rompimento. Segundo a empresa, cerca de 100 pessoas viviam na invasão, construída sobre a rede de água.
O buraco aberto para o conserto da adutora foi exatamente o  que causou os desabamentos, mas os moradores foram antes orientados a deixar os barracos. Alguns resistiram, mas acabaram saindo do local, o que evitou vítimas no incidente.
Segundo o presidente da Emasa, Alfredo Melo, o dano na adutora se deve ao seu longo tempo de uso, cerca de 30 anos. Ele estima que ainda serão necessários pelo menos quatro dias para resolver o problema, que deixa sem abastecimento a área da cidade onde estão situados os bairros Santo Antônio, Pontalzinho, Castália e São Roque, entre outros.
A empresa recomenda que os moradores dessa área economizem água.

WAGNER: "SINTO CLIMA FAVORÁVEL [A DILMA]"

Tempo de leitura: 2 minutos

Nas atividades da campanha de Dilma Rousseff (PT) ontem em Ilhéus e Itabuna, o governador Jaques Wagner mostrou-se confiante na eleição da presidenciável. “As pesquisas dão 12, 14 pontos de frente [para ela]. Sinto clima favorável”, disse, antecipando que Dilma estará em Vitória da Conquista, no sudoeste baiano, nesta terça (26), a partir do meio-dia.
Uma das coisas que mais chamaram atenção na conversa de Jaques Wagner (PT) com jornalistas, ontem, foi a incorporação de discurso ambiental para marcar a fase de aliança do PV baiano com o projeto da presidenciável petista, Dilma Rousseff.
Enquanto agradecia a votação obtida no 3 de outubro e destacava que “Dilma teria levado no primeiro turno se dependesse da Bahia”, o governador elencou grandes obras tocadas no estado, mas respeitando as questões ambientais. “Não há crescimento econômico sem olhar para a sustentabilidade”.
Logo em seguida, ele destacou o apoio majoritário do PV baiano à sua amiga e presidenciável. “A maioria do PV já decidiu [apoiar Dilma], e eu agradeço”. E emendou com elogios a Marina Silva, “ministra do Meio Ambiente do presidente Lula por quase sete anos”.
Numa referência indireta ao tucano José Serra, o petista disse não falar mal de adversário, mas crê “que tudo ficará mais fácil [para a Bahia] com Dilma na presidência”. E assegurou que projetos do Complexo Intermodal Porto Sul e a duplicação da rodovia Ilhéus-Itabuna “foram discutidos com a equipe da Dilma”.
Os projetos de construção de novo aeroporto em Ilhéus, ferrovia e porto, afirmou,  estão engatilhados. “Por isso, digo que é importante a eleição da Dilma”.
Ele desconversou sobre melhorias no aeroporto Jorge Amado, na zona sul de Ilhéus. O aeroporto praticamente não recebe mais voos noturnos ou em dias chuvosos.
ESTADUALIZAÇÃO DO HBLEM

Hospital enfrenta sucateamento.

O governador deixou claro que depende apenas do prefeito Capitão Azevedo (DEM) a estadualização do Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (Hblem). A unidade médico-hospitalar enfrenta a sua crise mais aguda.
Wagner credita à falta de gestão os problemas do hospital. “Nós dobramos o valor de recursos repassados, mandamos pra cá quatro caminhões de medicamentos, mas há uma dificuldade na gestão”. O Hblem é municipal.
Por fim, o governador disse acreditar na estadualização como saída para os problemas enfrentados pelo Hblem. “Estamos prontos para assumir a gestão do hospital”, assegurou.

ITABUNA: PRE APREENDE 3,4 MIL QUILOS DE CARNE IRREGULAR

Tempo de leitura: < 1 minuto

Carne era transportada sem refrigeração e sem a mínima condição de higiene (Foto Costa Filho).

A Polícia Rodoviária Estadual (PRE) apreendeu ontem 3.400 quilos de carne transportados irregularmente em carrocerias de picapes e caminhão. O flagrante ocorreu no trecho Itabuna-Ibicaraí da BR-415, no sul da Bahia.
A apreensão foi efetuada pelos policiais Sargento Araújo e soldados Rezende e Valmário. Eles constataram que o produto era transportado sem refrigeração e em péssimas condições de higiene, tendo como destino mercados e feiras livres de Itabuna, Itajuípe e Buerarema.
Dois mil quilos da carne apreendida estavam sendo transportados em um caminhão Ford F-4000 (JLM-0412), dirigido por Eudes Santos Silva. A carne do sol apresentava aspecto ruim e era transportada sem condições de higiene. O destino era o centro comercial de Itabuna.
O restante, 1,4 mil quilos de carnes e derivados, era transportado em picapes Fiat Strada. 700 quilos teriam como destino Itajuípe, sem refrigeração e cobertos por lonas sujas. O veículo dirigido por João Xavier Filho. O outro Strada levava carnes e miúdos do matadouro de Itabuna para Buerarema, conforme o motorista José Carneiro dos Santos.
Parte da carga, 700 quilos, foi liberada pela coordenação da Adab em Itabuna. A polícia rodoviária não tem notícias de que fim deu a Adab ao restante da carga, se foi liberado. As informações são do repórter Costa Filho, do Tribunal Livre, da Rádio Jornal.

MAIS UMA DE LOIOLA

Tempo de leitura: < 1 minuto

A ameaça a um blogueiro não foi a única maneira do presidente da Câmara de Vereadores de Itabuna demonstrar o apreço que tem pela imprensa. Na última semana, o ilustre vereador Clóvis Loiola resolveu promover mudanças na Assessoria de Comunicação do legislativo municipal, que tem a inglória missão de cuidar da imagem de uma casa que, para ser da “Mãe Joana”, ainda precisa melhorar muito.
O novo assessor contratado por Loiola jamais escreveu um texto jornalístico e talvez entenda tanto de comunicação quanto o vereador entende de física quântica. A contratação, pelo que consta, é fruto de um acordo entre o presidente da Câmara e a direção da TV Cabrália, que deverá conceder um melhor tratamento ao legislativo municipal a partir de agora.

ELE QUER O DETRAN

Tempo de leitura: < 1 minuto

A cobiçada chefia do Detran em Itabuna, que era cargo sob a tutela do deputado estadual (não-reeleito) Capitão Fábio, é o prêmio que o secretário da Administração de Itabuna, Gilson Nascimento, espera pela sua adesão ampla, total e irrestrita à campanha de Dilma Rousseff.
Neste sábado, 23, Nascimento era um dos mais animados participantes da carreata liderada pelo governador Jaques Wagner. Estava mais empolgado, inclusive, do que muitos petistas de antiga militância.
A promessa do cargo, feita pelo deputado estadual Luiz Argôlo, é o que anima tanta dedicação do mais novo dilmista de carteirinha.

LULA RECLAMA: ALIADOS FAZEM CORPO-MOLE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Não é somente na Bahia que aliados do PT, como PMDB e PR, andam fazendo corpo-mole. A campanha de Dilma Rousseff constatou que o mesmo ocorre em outros estados, como Minas Gerais, Ceará e Amazonas.
De acordo com matéria publicada neste domingo no jornal O Globo, o presidente Lula decidiu enquadrar os aliados que não estão se empenhando para eleger Dilma Rousseff. A reportagem revela que “em reunião reservada, chegou-se à conclusão de que os peemedebistas estão sem fazer campanha em pelo menos cinco estados considerados estratégicos: São Paulo, Minas Gerais, Bahia e até Rio Grande do Sul, onde o partido declarou apoio formal ao candidato tucano, José Serra”.
As mágoas que restaram após o primeiro turno das eleições são apontadas como o motivo da apatia dos aliados. Na Bahia, é mencionada especialmente a situação do deputado federal Geddel Vieira Lima (PMDB), derrotado na disputa pelo governo, além do senador César Borges (PR), que se frustrou na tentativa de reeleição.

Back To Top