skip to Main Content
1 de abril de 2020 | 09:23 pm

FALTA ÁGUA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Moradores da Vila Anália, em Itabuna, reclamam que há um mês não pinga uma gota d´água na torneira. Eles relatam ter feito várias reclamações no serviço 0800 da Empresa Municipal de Água e Saneamento (Emasa), só que nenhuma providência teria sido tomada. “Há sempre uma justificativa sem lógica, para a falta d´água”, diz uma moradora, indignada.
Nem mesmo o caminhão-pipa solicitado chega ao bairro.

Esta publicação possui 12 comentários
  1. bom dia seria bom perguntar ao presidente do bairro um tal de paraqueda o proprio vive nas radio difusora fazendo elogios ao prefeito e seus secretario aparece ai pra dar uma satisfação a sociedade do vila analia seu cara de pau, vc ainda é pior que o prefeito e seus comparsas.

  2. é a mesma coisa na parte alta do bairro stº antonio.
    na parte baixa cai água quase todos os dias. ak as desculpas são as mais descabidas e não há quem resolva nada. até o presidente da emasa já esteve ak e nada RESOLVE.Caminhão pipa isto parece artigo de luxo. só para os preferidos da emasa.
    o negocio é bom. mantem-se a conta em dia sem o fornecimento do produto. paga-se pelo que não recebe. maravilha!!!!
    viva o grande prefeito de itabuna. Isso é que boa administração.
    kkkkkkkkkkkkkkkkk

  3. Esse problema não se restringe apenas ao bairro Vila Analia, mas, a muitos outros. Inclusive o Pedro Jerônimo, 2ª Tv. Srº. do Bonfim, entre outras localidades que a cerca de 20(vinte) dias mas parece o Sertão Nordestino. Mas a CONTA é sagrada e salgada.

  4. o presidente Alfredo Melô deixa de resolver a situação da falta de agua para ficar arrombando sala de diretor para prejudicar o trabalho de quem tenta resover a situação. ocarda prefeito dê um jeito neste mala, temos diretor para assumir esssa emasa pergunte aos funcionarios que eles irão indicar para o sr. prefeito.

  5. NUNCA MAIS VOTO NESSE PREFEITO ELE O PIOR PARA OS SERVIDORES TIRAR A PERICULOSIDADE DO SERVIDOR COM MAIS DE DOIS ANOS ALEM DE PAGAR MAL BRUTO 562.00 TIROU OS 30 POR CENTO DO VENCIMENTO DO SERVIDOR ELE E OS SECRETARIOS ASSINARAM UM ACORDO NO MINISTERIO DO TRABALHO CADE CUMPRIR AONDE ESTAR A JUSTIÇA MAIS DIZEM QUE A JUSTIÇA E CEGA REALMENTE NAO ENXERGA O CERTO AZEVEDO E SEUS SECRETARIOS NUNCA MAIS ATE 2012 QUANDO DAREMOS O TROCO COM JUROS BEM ALTO OU SEJA A DERROTA

  6. FICO INDIGNADO QUANDO VEJO E OUÇO MORADORES DE DIVERSOS BAIRROS DESTA POBRE CIDADE RECLAMANDO DE FALTA D’AGUA, DA SAÚDE, DE RUAS ESBURACADAS, ATRAVÉS DA IMPRENSA ESCRITA, FALADA E TELEVISIVA. ESTÃO RECLAMANDO NO LOCAL ERRADO POIS ESTES MEIOS DE COMUNICAÇÃO NADA PODEM FAZER. PORQUE A POPULAÇÃO QUE TANTO RECLAMA NÃO SE JUNTAM E VÃO ATÉ AO CABINETE DO PREFEITO E DIANTE DELE DESPEJAM AS SUAS FRUSTAÇÕES E DECEPÇÕES POR TEREM ELEITO UM INCOMPETENTE E RESPONSÁVEL POR TODO ESTE CAOS QUE SE INSTALOU NA CIDADE? AFINAL ELE PROMETEU EM CAMPANHA QUE IRIA GOVERNAR COM A PORTA DA SUA SALA ABERTA PARA TODA POPULAÇÃO, PORTANTO É UMA BOA OPORTUNIDADE DE COBRAR TAL PROMESSA.

  7. No Zildolândia também não tem água… Ligamos para a Emasa e ouvimos coisas tão estapafúrdias que fica difícil de acreditar. Concordo com “o cidadão” quando diz que o povo deveria protestar na prefeitura. Mas discordo quanto aos meios de comunicação. Sim, eles poderiam fazer muito, mas por que não o fazem? Apurar denúncias, investigar a corrupção dentro do poder público, fazer matérias sobre o abandono a que a cidade de itabuna está submetida. Tudo isso rende boas pautas e é papel da imprensa séria e livre. Ao que parece, a mídia de Itabuna ainda precisa amadurecer nesse ponto.

  8. só á uma solução para este problema é a devolução da emasa para a embasa se o municipio não tem condições de administrar nam loja de calçinha pior uma empresa de água sem contá hospital transito e saúde. a solução e estadualizar

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top