skip to Main Content
29 de setembro de 2020 | 11:15 pm

ITABUNA INCENTIVA ADESÃO AO REFIS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Há cerca de R$ 80 milhões em débitos de contribuintes com a Prefeitura de Itabuna inscritos na dívida ativa. É na tentativa de recuperar esse dinheiro que o governo municipal estimula a adesão ao Refis, cujo prazo-limite é 31 de dezembro deste ano.
Até  o dia 3 do mês que vem, os contribuintes têm a vantagem de quitar os tributos em atraso com desconto integral de multas e juros, desde que o pagamento se dê em cota única. Outra opção é o parcelamento em até 36 meses, mas sem abatimento dos juros e das multas.
O desconto, após o dia 3, cai para 60%.

MESTRADO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Apreciador de uma polêmica, o comunicólogo Emílio Gusmão agora terá que dividir seu tempo entre os petardos que dispara em seu blog e as atividades do mestrado em Cultura e Turismo da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), no qual acaba de ser aprovado.
O novo mestrando terá como projeto a Puxada do Mastro de São Sebastião. “É uma festa riquíssima em simbolismo e que representa a diversidade de nossa cultura”, justifica.
Gusmão afirma que está bastante feliz com a aprovação e, modesto, atribui o resultado mais à persistência do que ao talento. Quem conhece o profissional, mesmo as “vítimas” e talvez principalmente elas,  sabe que ele possui as duas qualidades.

ESSE CARLINHOS NÃO TEM JEITO

Tempo de leitura: < 1 minuto

As relações entre o prefeito ilheense, Newton Lima, e a Câmara de Vereadores, nunca estiveram tão ruins. E tem integrante do primeiro escalão que ainda acha pouco…
Dia desses, o boquirroto Carlinhos Freitas, dos Serviços Públicos, destilou veneno e sacou uma lista de impropérios contra os membros do legislativo municipal. Não que alguns dos vereadores desmereçam os adjetivos , mas é que tudo o que Newton Lima não precisa neste momento é de um incendiário ao seu lado.
Segundo testemunhas, Freitas estava em local público e sob efeito de umas e outras. Seu novo surto verborrágico é um dos assuntos mais comentados na Câmara esta semana. Disputa lado a lado com os ataques feitos pela ex-secretária da Saúde, Marleide Figueiredo, contra o prefeito.

DESCULPAS

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Pimenta na Muqueca pede desculpas aos seus leitores pela pane ocorrida hoje no provedor que hospeda o blog, o Uol Host. Lamentamos o problema e informamos que tomaremos todas as providências para evitar que novos episódios como este se repitam.
Estranhamente, o provedor deu pelo menos quatro versões distintas para a origem do problema que tirou a página do ar e não é possível saber qual das justificativas é a verdadeira. Ficou a impressão de que o próprio Uol Host – que consideramos (ou considerávamos) um dos melhores provedores do País – não sabia o que estava acontecendo.
Lamentamos.

WAGNER PROMETE APURAÇÃO RIGOROSA DE CASO DA IALORIXÁ, MAS O CORREGEDOR…

Tempo de leitura: < 1 minuto

… DESDENHA DE RELATO

Ialorixá é recebida em audiência pelo governador Jaques Wagner (Foto Manu Dias).

A ialorixá Bernardete Souza Ferreira foi recebida nesta quarta, 10, pelo governador Jaques Wagner e relatou como ocorreu a tortura a qual diz ter sido submetida por parte de sete policiais militares no dia 23 de outubro, no assentamento Dom Helder Câmara, em Ilhéus. A audiência teve a participação de deputados, os comandos das políciais civil e militar, dos secretários César Nunes (Segurança Pública) e Luiza Bairros (Promoção da Igualdade).
O governador exigiu apuração rigorosa e o comandante da PM, Nilton Mascarenhas, prometeu acompanhar o caso. A polícia informou que os policiais envolvidos estão afastados do trabalho de rua.
Apesar da promessa de Wagner, o corregedor da PM, Souza Neto, criou nova polêmica ao afirmar que não há como comprovar que a ialorixá foi torturada e, ainda, lançada em formigueiro, além da intolerância religiosa. “Não serão comprovadas de jeito nenhum”, disse ele numa entrevista ao Correio.
– Não teve ninguém colocado em formigueiro. Aliás, nem tem formigueiro. O que existe é uma grama rasteira com algumas formigas – afirmou o corregedor.
Para o advogado da ialorixá, Valdir Mesquita, não há surpresa com relação ao “comportamento corporativista” de Souza Neto. Conforme a reportagem, a esperança da vítima e dos movimentos sociais é com a investigação da Polícia Civil e do Ministério Público Estadual.

"JOSEFINA MÃOS DE TESOURA"

Tempo de leitura: < 1 minuto

Do Diário Bahia

Passadas as eleições, Josefina (ao lado do reeleito Wagner) acionou a tábua de graxa.

A prefeita de Coaraci, Josefina Castro (PT), fez uma verdadeira “limpa” nos cargos comissionados da Prefeitura, sob alegação de corte de custos.
Quase todos os titulares de cargos comissionados perderam seus postos e restaram apenas cinco secretários. A ideia é que acumulem a gestão das suas respectivas pastas com as que ficaram vazias.
Entre os demitidos, muitos trabalharam na campanha da prefeita e foram cabos eleitorais na eleição para deputado (estadual e federal) e governador.

CINCO PREFEITOS SÃO PRESOS NA OPERAÇÃO CARCARÁ

Tempo de leitura: < 1 minuto

Numa entrevista coletiva na sede da Polícia Federal, o delegado Cristiano Sampaio revelou os nomes dos cinco gestores que foram presos numa operação contra corrupção em 21 prefeituras baianas. Os presos são
– Antônio Miranda Júnior, o Sinho (PMDB), de Aratuípe;
– Ivanilton Oliveira Novais (PSDB), de Cafarnaum;
– Raimunda Silva dos Santos, a Mundinha (PSDB), de Itatim;
– Everaldo Caldas (PP), de Elísio Medrado; e
– Marcos Airton Alves Araújo, o Marcão (PR), de Lençóis.
A polícia ainda caça dois prefeitos que conseguiram fugir das garras da Operação Carcará. O esquema de desvio de verbas públicas em prefeituras baianas, conforme a polícia, era pilotado pelo empresário Edson Cruz. Além de empresários e prefeitos, também são caçados secretários municipais. O prejuízo com o esquema é calculado em R$ 60 milhões, conforme a Controladoria-Geral da União (CGU).
Agora, música para os ouvidos dos malandros flagrados pela Polícia Federal. Maria Bethânia canta Carcará.

SERVIDORES PROTESTAM CONTRA ATRASO DE SALÁRIO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Os servidores da prefeitura de Ilhéus fazem assembleia na porta do Palácio Paranaguá e decidem se vão manter a paralisação que começou nas primeiras horas de hoje. Eles reclamam o pagamento do salário de outubro. O “calote” atinge todos os setores. O pagamento deveria ter sido pago, no máximo, na última segunda-feira, 8.
Ontem, numa reunião com representantes do sindicato dos servidores, a secretária interina da Saúde, Petrusca Ferraz, disse que não havia perspectiva de pagamento do funcionalismo nesta semana. De acordo com o presidente do Sinsepi, Luiz Cláudio Machado, o Lu, há tendência que a saúde pare de vez por causa da falta de condições de trabalho, principalmente nas unidades de saúde.

FOGO AMIGO

Tempo de leitura: 2 minutos

Marco Wense
Quem estaria por trás da insistente divulgação de que o deputado federal Geraldo Simões é um ficha-suja? Segundo a coluna Raio Laser, da Tribuna da Bahia, o petista está sendo vítima de “fogo amigo”.
Então, como se trata de fogo amigo, o DEM, PSDB e PMDB ficam de fora. A desconfiança recai sobre os partidos que compõem a base aliada do governador Jaques Wagner: PT, PP, PSB, PDT, PRB, PSL, PHS e o PC do B.
Os petistas de Itabuna apostam que os comunistas são os mais interessados em um possível enfraquecimento de Geraldo Simões em decorrência da divulgação de que o ex-prefeito é um ficha-suja.
O PC do B, segundo os geraldistas, está de olho na sucessão municipal de 2012, com os três prefeituráveis – Luís Sena, Wenceslau Júnior e Davidson Magalhães – disputando a indicação da legenda comunista.
O relacionamento político entre o PT e o PC do B sempre foi marcado por uma desconfiança recíproca. Petistas e comunistas só se juntam quando os interesses e as conveniências satisfazem os dois lados.
Uma eventual cisão entre o PT e PC do B, com candidatura própria no processo sucessório de 2012, alimenta o sonho de Fernando Gomes de comandar o Centro Administrativo pela quinta vez.
PS (1) – Esse pega-pega entre comunistas e petistas de Itabuna vem desde os tempos da então Fespi, hoje Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc), quando a política estudantil fervilhava.
PS (2) – Eu era filiado (continuo sendo) ao PDT do saudoso Leonel de Moura Brizola. Quando sentiram que minha candidatura ao Diretório Central dos Estudantes (DCE) poderia sair vitoriosa com o racha entre o PT e o PC do B, logo se uniram e ganharam a eleição.
PS (3) – No ano seguinte, nova eleição. Agora para o Diretório Acadêmico do curso de Direito, o cobiçado DA de Direito. Tornei a sair candidato. Desta vez, graças ao desentendimento entre petistas e comunistas, fui eleito.

PMDB

O presidente estadual do PMDB, Lúcio Vieira Lima, quando questionado sobre uma possível indicação de Geddel para um ministério no governo de Dilma Rousseff, diz que “o partido não está empenhado em conseguir cargos, e sim ajudar Dilma”.
Só faltava essa, hein! O Lúcio dando sua contribuição ao governo Dilma sem nenhuma contrapartida, sem o toma-lá-dá-cá, como se o PMDB pensasse exclusivamente no país, deixando de lado o histórico e enraizado pragmatismo.
É o PMDB puro. O PMDB santo. O novo PMDB. O PMDB de Lúcio Vieira Lima. O PMDB de outro planeta.
Marco Wense é articulista do Diário Bahia.

INCÊNDIO NA CALIFÓRNIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Um imóvel ficou praticamente destruído por um incêndio na rua Tomé de Souza, na Califórnia, em Itabuna, na manhã desta quarta-feira, 10. O incêndio atingiu o térreo  e o primeiro andar do prédio. As perdas foram apenas materiais e ninguém ficou ferido. Antônio Gonçalves, que residia no imóvel, suspeita que o incêndio tenha sido provocado por falhas na fiação elétrica.

Back To Top