skip to Main Content
15 de julho de 2020 | 09:38 am

FERIADÃO TEM 32 ACIDENTES EM ESTRADAS DO SUL DA BAHIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Ambulância transportava 4 pessoas (Foto André Silva).

O feriadão da Proclamação da República registrou 32 acidentes e uma morte em estradas que cortam o sul da Bahia, de acordo com balanços divulgados pelas policiais rodoviárias Estadual (PRE) e Federal (PRF).
No trecho Camacan-Santa Luzia da BR-101, o motorista Erivaldo de Araújo Silva, 46 anos, morreu na colisão do seu Fiat Uno (placas JMV-9523) com uma picape Saveiro (DSB-5936). O motorista da Saveiro fugiu do local.
A Polícia Rodoviária Federal prendeu Sânio de Cássio Medeiros, de Itabuna, por trafegar sem carteira de habilitação e por estar embriagado, conforme teste do bafômetro. No trecho sul-baiano da BR-101, foram registrados 22 acidentes.
A PRE contabilizou 10 acidentes nas estradas estaduais no feriadão. O de maior gravidade ocorreu às 23h56min do domingo (14), quando quatro pessoas saíram feridas de uma colisão da ambulância do município de Itacaré com um caminhão, no quilômetro 18 da rodovia Ilhéus-Itacaré, na BA-001 (confira aqui).
Um dos ocupantes da ambulância era o ex-prefeito de Itacaré, Jarbas Barbosa (DEM), que sofreu traumatismo craniano. Todas as vítimas foram levadas para o Hospital Geral Luiz Viana Filho, em Ilhéus. Informações do repórter Costa Filho, da rádio Jornal.

Esta publicação possui 2 comentários
  1. Como vc sabe o municipio de Ilheus é carente de CTI, com o fechamento da UTI do Hospital São José, o município de Ilhéus, com mais de 200 mil habitantes, passou a contar nos últimos dias com apenas oito leitos de Terapia Intensiva, todos no Hospital Geral Luiz Viana Filho. Mais grave ainda é que na condição de hospital de emergência, o Regional atende a uma população estimada de 600 mil pessoas, de boa parte do sul da Bahia. Hoje, como na maioria dos dias, não há uma só vaga para atender casos graves, caso estes cheguem na recepção do hospital. E no entanto o ex-Prefeito Jarbas, possui regalias em ocupar uma vaga na uti do sus, por ser medico, politico e rico, sem possui patologia para tal, apos o acidente ele teve uma fratura no omoplata direito e na tibia esquerda, equanto outras 5 pessoas até ontem aguardavam vaga no uti, fora os idosos, que nem são encaminhado ao CTI, pois são consideradas, descartaveis.. em que mundo vivemos.. somente 8 vagas de cti e uma para dar mordomia ha um politico que poderia estar muito bem em uma clinica particular ou ser acompanhado pelo plano de saude dele..

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top