skip to Main Content
21 de fevereiro de 2020 | 10:28 pm

TCM REJEITA CONTAS DA PREFEITA DE FLORESTA AZUL

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Tribunal de Contas dos Municípios (TCM) rejeitou as contas da prefeita Sandra Cardoso (DEM), de Floresta Azul, relativas ao exercício de 2009. De acordo com o conselheiro substituto Evânio Cardoso, a prefeita executou mais de R$ 1 milhão e 374 mil sem licitação, alem de fragmentar despesas, num montante de R$ 218 mil, para fugir de processo licitatório.
Sandra também é acusada de gastar mais do que arrecada e não respeitar os limites com pagamento de folha de pessoal. 56,6% do orçamento foi gasto com pessoal, quando o máximo estipulado pela Lei de Responsabilidade Fiscal (LRF) é 54%.
Sandra levou multa de R$ 12 mil, além de ressarcimento de R$ 5.860,00 aos cofres públicos. A prefeita ainda pode recorrer da decisão. Já as contas da Câmara de Vereadores foram aprovadas, mas com ressalvas porque o presidente da Casa, Fidelcino Sampaio, encaminhou as informações das contas fora do prazo.

Esta publicação possui 4 comentários
  1. Se mexer nesse vesperio é possível encontrar mais coisa. Se pedir quebra de sigilo bancário da parentada poderá encontrar o caminho das pedras, ou seja, saberá onde o dinheiro público se encontra.
    R$ 1 milhão e 374 mil sem licitação. Espero que os doze mil saiam do bolso dela.

  2. enquanto a prefeita de floresta azul procura trabalhar pelo seu povo as contas e rejeitada en quanto na camara que fidelcino deixou uma verdadeira fraude suas contas foi aprovadas. que ja faz mais de tres meses que ele nao coparece nas sessoes da camara. acorda floresta azul.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top