skip to Main Content
26 de setembro de 2020 | 12:23 pm

PROTESTO NA SANTA CASA

Tempo de leitura: < 1 minuto

SCMI ainda não pagou salário de novembro.

Os servidores da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna fazem manifestação nesta segunda, às 12h30min, na portaria do Hospital Calixto Midlej Filho. Vão protestar contra o atraso de salário.
Raimundo Santana, do Sindicato dos Servidores da Saúde de Itabuna, afirma que o mês de novembro ainda não “caiu” e o pagamento tem sido feito com atraso, todos os meses. A instituição emprega cerca de 1.800 pessoas.
A direção da Santa Casa promete quitar o salário no dia 17 de dezembro, após repasse a ser feito pela Secretaria Estadual de Saúde.
A explicação para os atrasos é que a provedoria antes usava o “limite” para pagar aos funcionários no início do mês. A operação se tornou inviável e agora o “cascalho” cai somente depois repasse da Sesab, feito a cada dia 15.
“A Sesab está em dia com a instituição. O mesmo não ocorre na relação da Santa Casa com os seus funcionários”, queixa-se Raimundo Santana.

Esta publicação possui 2 comentários
  1. É um absurdo um hospital como este que recebe 3,5 milhões e ainda pagam o salário atrasado!!!!???????e o hospital de base que li aqui mesmo na mídia que a prefeitura fez um repasse e cadê o salario das pessoas????Que precisam comer!Que absurdo vcs não administradores de nada, não mandam nem na própria casa ou empresa.Conheço um monte de geste que se formou em administração e se acham o rei da cocada preta.Quem sabe administrar alguma coisa é aquele pai de família que tem que sustentar a casa cheia de filho com R$510.

  2. Este hospital recebe 3,5 milhões e ainda não pagou os seus funcionários .Aonde está o dinheiro deles?E o hospital de base também está na mesma situação.Há pais de família que necessitam do dinheiro para comer.Cadê a gestão pública dessa cidadizinha, não me orgulho nenhum pouco de ser grapiúna, sinto vergonha de ter um Zé Mané como prefeito e um monte de vereadores corruptos que só pensam no seu bolso com certeza os salários deles(da máfia política) já estão nos bolsos.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top