skip to Main Content
27 de setembro de 2020 | 04:08 am

BAIRRO CONDENADO AO ESQUECIMENTO

Tempo de leitura: 2 minutos

Tem morador do bairro da Conceição, o mais antigo de Itabuna, pensando em requerer a emancipação político-administrativa da comunidade. É que o ilustríssimo prefeito José Nilton Azevedo esqueceu completamente aquela parte da cidade e realmente trata a mesma como se Itabuna não fosse.

A situação que mais evidencia o abandono é a da Praça dos Capuchinhos. Suja e fétida, a praça que já foi local aprazível, hoje causa repulsa.

Moradores, taxistas e comerciantes das imediações afirmam que a limpeza não é feita em intervalos regulares. Eles também se queixam da falta de manutenção de bocas-de-lobo, o que gera acúmulo de águas pluviais.

Além de feio, o quadro é revoltante. Confira nas imagens abaixo, registradas na tarde desta sexta-feira, 21:

GENTE BOA NA NIGHT

Tempo de leitura: < 1 minuto

Num flagrante do PIMENTA pelos bares da vida, duas figuras da maior qualidade: os jornalistas Luiz Conceição, da assessoria de imprensa da Ceplac, e Ailton Silva, editor d'A Região e do jornalismo da Rádio Morena. Dois amigos-irmãos nossos, que inspiram este blog. Conceição tem o faro dos grandes repórteres; Ailton é um guerreiro, que superou muitas adversidades para se tornar o profissional competente e respeitado que é hoje. Dá orgulho conviver com gente assim.

OS NOMES DE CONSENSO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Conforme o PIMENTA já noticiou, o prefeito de Ibicuí, Cláudio Dourado (PTB), é nome de consenso para substituir Moacyr Leite na presidência da Amurc (Associação dos Municípios do Sul, Extremo-Sul e Sudoeste da Bahia). Reproduz na região o mesmo êxito que Luiz Caetano (PT), prefeito de Camaçari, teve nas articulações para presidir a UPB (União dos Municípios da Bahia).

Neste sábado, 22, Caetano e Dourado se reúnem com prefeitos sul-baianos num jantar em Ilhéus. Um encontro em clima de vitória.

Clique aqui para ver a composição da chapa pluripartidária liderada por Cláudio Dourado. Na UPB, Caetano ainda realiza costuras para formar a nova direção.

OS DOIS CHATÔS

Tempo de leitura: 2 minutos

Marival Guedes | marivalguedes@yahoo.com.br

O antigo Diário de Pernambuco já pertenceu ao poderoso grupo Diários Associados, comandado por Assis Chateaubriand. Um filho do velho Chatô assumiu a direção do jornal que tinha muitos funcionários antigos. Para não demiti-los, por causa das altas indenizações, arranjou funções mais leves pra eles.

Para o gráfico Anísio, um negro alto e forte, colocaram uma mesa e uma cadeira na porta da sala do diretor Albuquerque  (que contou este caso ao jornalista Ramiro Aquino) para fazer triagem entre as pessoas que pretendiam falar com o administrador.

Um dia Chateaubriand foi à sala de Albuquerque e flagrou Anísio debruçado sobre a mesa, dormindo. Entrou enfurecido na sala e determinou ao diretor: “dê-lhe uma advertência verbal, na reincidência uma reprimenda por escrito e, na terceira, ponha-o no olho da rua.”

Albuquerque, experiente administrador e velho amigo de Anísio, argumentou: “veja, bem chefe, o homem tem 46 anos de casa e a indenização não vai ser pouca coisa…”. Chatô refletiu: “É, neste caso, vamos pisar macio pra não acordá-lo.”

O CHATÔ DA REGIÃO

Quando li Chatô,o rei do Brasil, o também controvertido Manuel Leal dono do jornal A Região, assassinado em 14 de janeiro de 1998, estava vivo. Na legislatura 1997/2000, os vereadores Hamilton Gomes e Carlito do Sarinha se desentenderam. O primeiro era agressivo e treinava boxe em sacos de areia. Já o segundo, magro igual um faquir. Hamilton decidiu terminar a discussão desferindo um soco em Carlito.

Na edição seguinte, o jornal A Região publicou que Carlito havia aplicado uma surra em Hamilton. Teve até charge.

Hamilton foi “tirar satisfações” com Manuel Leal. A resposta de Leal foi bem ao estilo Chatô: “Hamilton, no meu jornal amigo meu não apanha, só bate.”

ENTREVISTA

Certa vez fui entrevistar Leal. Quando entrei na sala, o cumprimentei: “bom dia, Mau-nuel”. E ele, no ato: “bom dia, Mau-rival”. Transcrevo um trecho da entrevista:

Leal você faz imprensa marron?

– Não, meu jornal é vermelho magenta.

Mas você costuma atacar as pessoas…

– Quem não quiser ser denunciado, ande direito.

São vários os comentários que você faz jornalismo apenas por dinheiro.

– O jornal tem custos.

Mas jornal não é armazém de secos e molhados.

– Mas no final do mês os jornalistas querem dinheiro. Principalmente os comunistas, estes são os mais exigentes.

Marival Guedes é jornalista e escreve no PIMENTA às sextas-feiras.

SSP AFASTA DELEGADO QUE AGREDIU DEFICIENTE

Tempo de leitura: < 1 minuto

O delegado Damasio Marino, titular do 6º DP (Distrito Policial) de São José dos Campos, foi afastado do cargo, por tempo indeterminado, pela Secretaria de Segurança Pública do Estado.  Ele é acusado de ter agredido um deficiente físico na última terça-feira (19), depois de uma discussão de trânsito.

O advogado Anatole Magalhães Macedo Morandini, de 35 anos, alega  ter sido agredido a coronhadas pelo delegado, ao reclamar que Marino teria estacionado em uma vaga para deficientes. Morandini está ferido  no rosto e na cabeça.

A confusão aconteceu na segunda-feira, por volta das 17h.  Morandini afirmou não ter conseguido parar seu veículo, um Santana, na vaga para deficientes em frente ao cartório de notas da rua José Antonio Romeiro Nemo, cruzamento com a avenida José Longo, região central, e teve que estacionar mais à frente.

Quando estava chegando ao local, o advogado viu que o motorista, do veículo, um Kia Sportage, que estava na vaga de deficientes, não possuía problema físico.

“Eu não sabia quem era, eu disse que ele estava agindo de forma errada e começamos a discutir. Ele saiu do carro, me xingou de ‘aleijado’ e me ameaçou de morte”. Informações da rede Bom Dia.

ACORDO SUSPENDE GREVE NA SANTA CASA

Tempo de leitura: < 1 minuto

A provedoria da Santa Casa de Misericórdia de Itabuna e os dirigentes do Sindicato dos Trabalhadores em Saúde de Itabuna (Sintesi) fecharam acordo que suspende a greve prevista para a próxima segunda-feira (24).

O provedor da Santa Casa, Renan Moreira, disse que a instituição irá contrair empréstimo na Caixa Econômica Federal, para quitar o salário de dezembro dos 2,2 mil funcionários da instituição.

O pagamento deve sair, no máximo, até o dia 26, segundo o provedor. A Santa Casa mantém três dos principais hospitais de Itabuna: São Lucas, Calixto Midlej Filho e Manoel Novaes.

RENATO COSTA DESISTE DA POLÍTICA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O ex-deputado Renato Costa entregou os pontos. Numa entrevista concedida à revista Contudo, além de analisar os resultados da sua aliança com o ex-prefeito e ex-inimigo Fernando Gomes, o médico anuncia que vai pendurar as chuteiras. Está fora da política e 2010 terá sido a sua última disputa eleitoral.

No ano passado, Costa concorreu a uma vaga à Assembleia Legislativa pelo PMDB, mas acabou derrotado. A edição da revista estará nas bancas já nesta manhã de sábado e traz ainda entrevista com o prefeito Capitão Azevedo (DEM) e os desejos do PCdoB. Os cururus não querem mais ser satélites do PT. A revista é editada pelo grupo Diário Bahia e tem o comando da jornalista Celina Santos.

MECÂNICO É EXECUTADO NA AVENIDA ITAJUÍPE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Itabuna registrou há pouco o 21º homicídio de 2011. Givaldo Batista de Souza foi executado com vários tiros no pescoço e nas costas, por volta das 15h, na avenida Itajuípe, bairro Santo Antônio.

Givaldo estava ao lado de uma moto Suzuki, placa JRS-8050, quando dois homens numa moto se aproximaram e efetuaram vários disparos. De acordo com informações preliminares, a vítima morava no bairro São Roque e trabalhava no setor de mecânica da Rota Transportes.

Givaldo tentou correr, mas não suportou os ferimentos e caiu. Uma equipe do Samu 192 chegou ao local para socorrer o mecânico, mas ele não apresentava sinais vitais. O corpo ainda está no local à espera de equipe do Departamento de Polícia Técnica.

Quem poderá ajudar a esclarecer o crime será um homem que estava num Fiat Uno no momento do crime e presenciou a execução do mecânico que também fazia bicos como mototaxista.

Vítima carregava papelotes de maconha (Foto Costa Filho).

MARINHA ALEMÃ ENFRENTA REBELIÃO APÓS MORTE EM NAVIO ATRACADO EM SALVADOR

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Marinha alemã ainda investiga as circunstâncias da morte da jovem Sarah Lena Feele, ocorrida em 7 de novembro no porto de Salvador (BA), e enfrenta rebelião dos cadetes que estavam a bordo do navio-escola Gorch Fock, conforme noticiou hoje o espanhol El Paìs. A rebelião teria sido desencadeada com a morte de Sarah.

A marinheira alemã de 25 anos foi obrigada a escalar 40 metros de vela sem nenhum tipo de proteção. Sarah acabou caindo de uma altura de 27 metros durante o exercício em Salvador, onde faleceu.

A fragata Gorch Fock atracou num porto ao sul da Argentina após a rebelião dos cadetes que protestavam contra condições humilhantes de exercício e de convivência. Os marinheiros cumpriam missão de treinamento pela América do Sul e só retornariam ao país europeu em junho desde ano.

Os 85 cadetes foram levados em avião para a Alemanhã, segundo a publicação espanhola, e os demais a bordo aguardam a chegada de investigadores da Marinha.

Back To Top