skip to Main Content
24 de fevereiro de 2020 | 03:15 am

73,9 MILHÕES DE BRASILEIROS TÊM ACESSO À INTERNET, DIZ IBOPE

Tempo de leitura: < 1 minuto

O número de brasileiros com acesso à internet saltou de 67,5 milhões para 73,9 milhões entre 2009 e o ano passado, revela pesquisa feita pelo Ibope e divulgada nesta sexta (18). No comparativo com 2009, o aumento é de 9,6%.

O Ibope leva em consideração os acessos à internet realizados desde a própria residência do internauta a locais de trabalho, escolas, infocentros e lan houses e computa apenas os “navegadores” acima dos 16 anos de idade – taí um erro…

Ainda de acordo com esta pesquisa, o número de brasileiros com acesso à internet em casa cresceu 24% entre 2009 e 2010. Ou seja, o país possui 52,8 milhões de pessoas com computador na residência. E de 56 milhões o universo de internautas ativos que acessam em casa e no trabalho.

A SAÚDE (DE ITABUNA) NA UTI

Tempo de leitura: < 1 minuto

O precário sistema de saúde de Itabuna é o tema de capa da revista Contudo deste final de semana. O secretário Geraldo Magela fala das dificuldades encontradas e sinaliza com um plano para o retorno da municipalização da saúde. Desde 2008, Itabuna perdeu a gestão plena devido a falta de pagamento e desvios de recursos da média e alta complexidade.

Um dos pontos polêmicos da entrevista é a resposta de Magela sobre a quais senhores serve (e ele responde: “Augusto Castro e Capitão Azevedo”).

A revista também traz informações sobre o inquérito da Operação Vassoura-de-Bruxa e as implicações políticas e judiciais para o ex-prefeito Fernando Gomes, indiciado pela Polícia Federal por seu envolvimento com o esquema de corrupção que desviou mais de R$ 50 milhões em prefeituras sul-baianas. Além de Fernando, também fora indiciados o ex-prefeito de Ilhéus, Valderico Reis, e o atual mandatário da Terra de Gabriela, Newton Lima.

ITABUNA FESTEJA O PADROEIRO SÃO JOSÉ

Tempo de leitura: < 1 minuto

As comemorações pelo dia de São José, santo padroeiro de Itabuna, começam às 5h deste sábado, com uma alvorada, seguida de três missas na Catedral de São José. Milhares de fiéis (e políticos) são esperados para a tradicional procissão, às 16h, que sairá da catedral e percorrerá as principais vias do centro.

BB COBRA CACAUICULTORES

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Banco do Brasil notificou nesta sexta (18) mutuários e avalistas de financiamento de recuperação da lavoura cacaueira. O banco dá prazo de 90 dias para que responsáveis por quase 700 operações de crédito agrícola renegociem débito. É isso ou inscrição na Dívida Ativa da União.

CDL DEFINE PREMIAÇÃO DE CAMPANHA TRÍPLICE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Jorge Braga, da CDL.

A CDL de Itabuna vai jogar pesado na campanha de vendas que envolverá três datas importantes do comércio: dias das Mães e dos Namorados e São João. Neste ano, a campanha vai sortear 50 vales-compras de 500 reais, quatro motos, dez televisores LCD e um carro zero quilômetro.

A ação promocional começa na primeira quinzena de abril e vai até o final de junho. A campanha distribuirá cinco milhões de cupons, segundo afirmou ao PIMENTA o presidente da entidade, Jorge Braga. Somente em premiação, a CDL e parceiros investirão algo em torno de R$ 90 mil para sacudir o comércio.

INSINUANTE USA CALÇADA DA PRAÇA ADAMI

Tempo de leitura: < 1 minuto

A Insinuante, uma das gigantes do varejo brasileiro, utiliza constantemente a calçada da praça Adami como depósito e dificulta o ir-e-vir de pedestres, desrespeitando o Código de Posturas do município. Quem transita frequentemente por ali critica a ocupação da calçada, também usada como depósito de detritos ao final de cada dia. O flagrante é do fotógrafo Pedro Augusto.

 

Calçada vira depósito para loja instalada na esquina da praça Adami com a Cinquentenário.

A DISPUTA DE ÂNGELA E AUGUSTO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Disputa: Ângela (à esquerda) e Augusto, separados por Rosembeg Pinto e Ivana Bastos.

A disputa pelos holofotes da comissão especial do Complexo Porto Sul na Assembleia Legislativa tem gerado atrito entre os deputados sul-baianos Augusto Castro (PSDB) e Ângela Sousa (PSC).

Augusto propôs a criação da comissão e Ângela representa o bloco PTN-PSC. O deputado tem ocupado os ouvidos de demais colegas de comissão para pedir ajudinha, visando baixar a bola da veterana, que estaria mais buscando os holofotes do que contribuir com a discussão sobre o projeto bilionário.

Há quem veja a disputa entre os dois como também um reflexo do desejo de Augusto de controlar o PSDB de Ilhéus, que é comandado (ainda) pelo vice-prefeito Mário Alexandre.

MANUEL LEAL X ANTÔNIO CARLOS

Tempo de leitura: 2 minutos

Marival Guedes | marivalguedes@yahoo.com.br

Leal deu o troco: “não entendo porque um médico sério e competente como Adib Jatene tem a coragem de sacrificar um bezerro para salvar a vida de Antônio Carlos.”

Nas eleições de 86 os principais candidatos ao governo do estado eram Josaphat Marinho e Waldir Pires. O primeiro apoiado pelo governador João Durval e pelo ministro das comunicações Antônio Carlos Magalhães. Manuel, leal a Antonio Carlos, era superintendente da Companhia Viação Sul Baiana, “vaca leiteira” dos candidatos governistas.

O esquema funcionava com transferências de recursos para o ICB (Instituto de Cacau da Bahia), principal acionista. Quando o dinheiro era depositado na conta da empresa no Baneb, um assessor da Sulba sacava e entregava aos candidatos. Às vezes também os políticos vinham buscar o dinheiro da arrecadação na “boca do caixa”.

Numa dessas operações Manuel Leal, temendo problemas, ligou para o deputado Luís Eduardo Magalhães reclamando contra a sangria, e ouviu: “meu pai lhe colocou aí pra você fazer política.” Waldir Pires venceu a histórica eleição. Com a derrota do grupo, Leal foi procurar um dos beneficiados, eleito deputado federal, para saber como ficaria a contabilidade da Sulba. Mas este estava de partida para os Estados Unidos e mandou o superintendente “se virar”.

O rompimento

Manuel procurou Antonio Carlos e quando fez o relato ouviu a frase que marcaria o rompimento: “você deveria ter me avisado. Estou me sentindo traído. E abandonou o fiel escudeiro que passou a responder na justiça pelos desvios de recursos.

Troca de farpas

A partir daí começaram as trocas de farpas. Antônio Carlos retornou ao governo da Bahia nas eleições de 90 e visitou Itabuna. Magoado, Leal, proprietário do jornal A Região, publicou foto de ACM passando pela porta da casa de dona Sarinha, viúva do prefeito José de Almeida Alcântara, que muito ajudou o governador. Na legenda escreveu que ACM sequer cumprimentou a viúva, numa clara prova de ingratidão. O chefão ficou furioso.

Veio novamente a Itabuna inaugurar o colégio Amélia Amado e “destilou” a maior parte do discurso contra Manuel Leal, que há algum tempo havia se submetido a uma cirurgia cardíaca, sendo atendido pelo famoso Adib Jatene a pedido do governador. Sarcástico, pediu desculpa a Itabuna por ter salvado a vida de Manuel Leal. Aproveitou e “aconselhou” os empresários a não anunciar no jornal do ex-aliado.

Mas Antônio Carlos também tinha se submetido a uma cirurgia cardíaca  e recebeu enxerto extraído do coração de um bezerro. Manuel Leal deu o troco numa auto-entrevista ao jornal de sua propriedade: “não entendo porque um médico sério e competente como Adib Jatene tem a coragem de sacrificar um bezerro para salvar a vida de Antônio Carlos.”

Marival Guedes é jornalista e escreve às sextas no Pimenta.

BENÉ VIROU BLOGUEIRO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Ederivaldo Benedito agora tá surfando nas ondas da internet. O jornalista e apresentador lançou nesta sexta-feira, 18, o Blog do Bené.

Na estreia, o site traz como destaques uma entrevista com o bispo da Diocese de Itabuna, Dom Ceslau Stanula, e as consequências do corte orçamentário federal de R$ 50 bilhões nas pequenas cidades baianas.

Confira lá (www.bene.blog.br).

DENGUE: INFESTAÇÃO ELEVADA EM ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Irresponsabilidade e mau-exemplo: esse depósito de pneus, a céu aberto, um enorme foco de dengue, ficava em plena sede da coordenação de combate a endemias em Itabuna. Os pneus foram removidos esta semana, após denúncia do Pimenta

O índice de infestação por focos do mosquito Aedes aegypti em Itabuna é hoje quase 15 vezes superior ao que o Ministério da Saúde considera seguro. De acordo com os dados apurados no primeiro ciclo epidemiológico (meses de janeiro e fevereiro), 14,72% dos imóveis da cidade contêm criadouros do inseto que transmite a dengue.

Uma fonte da Vigilância Epidemiológica explica que somente por um motivo os itabunenses não enfrentam hoje uma epidemia nos mesmos moldes da que devastou a cidade em 2009: é que o vírus em circulação (tipo 2) é o mesmo daquele ano e grande parte da população está imune a ele.

Ou seja, só o acaso da sorte para salvar o itabunense porque a prevenção contra a dengue continua um fiasco.

Back To Top