skip to Main Content
27 de fevereiro de 2021 | 09:24 am

SANTANA: “POPULAÇÃO DO SALOBRINHO ESTÁ INSATISFEITA”

Tempo de leitura: < 1 minuto

O deputado estadual Gilberto Santana (PTN) voltou a defender a redução do território ilheense. Ele falou nesta quarta-feira, 20, ao programa Alerta Geral, da Rádio Santa Cruz de Ilhéus.

Entrevistado pelo radialista Gil Gomes, Santana, que é membro da Comissão de Assuntos Territoriais e Emancipação da Assembleia Legislativa, Santana abordou novamente a proposta de anexar o bairro do Salobrinho a Itabuna e transferir os distritos de Inema e Pimenteira para o município de Coaraci.

A ideia, segundo o parlamentar, pode ser concretizada a partir da lei estadual 12.057, que determinou a revisão dos limites territoriais entre os municípios baianos.  Segundo Santana, a mexida no território de Ilhéus atenderia mais a um interesse social do que ao econômico. Ele, no entanto, não deixou de abordar a disputa pela área onde estão os supermercados Makro e Atacadão. “É um absurdo que a área onde estão essas empresas faça parte do território de Ilhéus”, opinou.

O deputado disse que ouviu apelos de vários moradores do Salobrinho, que teriam manifestado o desejo de transferir a propriedade do bairro para Itabuna. Ele também declarou que os distritos de Inema e Pimenteira não são bem assistidos pela Prefeitura de Ilhéus e recorrem a serviços básicos em Coaraci e Itajuípe.

Gil Gomes fez ressalvas ao posicionamento e, durante a entrevista, houve certa tensão entre o entrevistador e o entrevistado. O radialista perguntou quantos moradores o deputado teria consultado e afirmou a necessidade de um plebiscito. Santana ficou irritado.

Ontem, o vereador Paulo Carqueija (PT) criticou o deputado e afirmou que encaminharia ofício à Mesa Diretora da AL, solicitando a substituição de Santana na Comissão de Assuntos Territoriais.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top