skip to Main Content
16 de janeiro de 2021 | 12:46 pm

ÂNGELA CHAMA SANTANA DE “DESOCUPADO”

Tempo de leitura: < 1 minuto

Esquentou de vez a discussão sobre a proposta do deputado Coronel Santana (PTN) de anexar o Salobrinho a Itabuna. O bairro está situado em Ilhéus e fica a 12 quilômetros do centro de Itabuna.

A proposta de Santana agora foi respondida pela deputada Ângela Sousa (PSC), que não perdoou o colega e o chamou, indiretamente, de desocupado. Foi durante uma entrevista ao Bahia Online. “[A anexação] é resultado de conversa de pessoas desocupadas”, gritou a parlamentar ilheense.

A parlamentar critica o colega, ainda, por estimular brigas desnecessárias entre as cidades “amigas e parceiras”. Santana integra a Comissão Especial de Assuntos Territorias e Ocupação, da Assembleia Legislativa e também foi “alvejado” pelo prefeito ilheense, Newton Lima (PSB).

O gestor da Terra de Gabriela torce o nariz para a proposta de Santana e manda um recado: o parlamentar deveria se preocupar era com o próprio mandato. Trata-se de uma estocada quanto à suposta ausência do deputado nas sessões plenárias da Assembleia Legislativa.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

ÂNGELA CHAMA SANTANA DE “DESOCUPADO”

Tempo de leitura: < 1 minuto

Esquentou de vez a discussão sobre a proposta do deputado Coronel Santana (PTN) de anexar o Salobrinho a Itabuna. O bairro está situado em Ilhéus e fica a 12 quilômetros do centro de Itabuna.

A proposta de Santana agora foi respondida pela deputada Ângela Sousa (PSC), que não perdoou o colega e o chamou, indiretamente, de desocupado. Foi durante uma entrevista ao Bahia Online. “[A anexação] é resultado de conversa de pessoas desocupadas”, gritou a parlamentar ilheense.

A parlamentar critica o colega, ainda, por estimular brigas desnecessárias entre as cidades “amigas e parceiras”. Santana integra a Comissão Especial de Assuntos Territorias e Ocupação, da Assembleia Legislativa e também foi “alvejado” pelo prefeito ilheense, Newton Lima (PSB).

O gestor da Terra de Gabriela torce o nariz para a proposta de Santana e manda um recado: o parlamentar deveria se preocupar era com o próprio mandato. Trata-se de uma estocada quanto à suposta ausência do deputado nas sessões plenárias da Assembleia Legislativa.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top