skip to Main Content
20 de fevereiro de 2020 | 05:39 am

ENFIM, WAGNER ANUNCIARÁ RECUPERAÇÃO DA BR-415

Tempo de leitura: < 1 minuto

Wagner e Lenildo: apelo antigo pela BR-415.

O governador Jaques Wagner vem ao sul da Bahia, no próximo dia 28, para anunciar o início das obras de reconstrução dos 42 quilômetros do trecho Itabuna-Ibicaraí da BR-415, segundo anuncia o prefeito Lenildo Santana, de Ibicaraí. O trecho é dos mais movimentados da rodovia que, além de escoar a produção de vários municípios do centro-sul do estado, serve de ligação com o sudoeste baiano.
Há dois anos Wagner inaugurou um dos trechos da rodovia (Ibicaraí-Floresta Azul), quando ouviu insistentes apelos de Lenildo pela recuperação dos outros 42 quilômetros da rodovia. O apelo foi reforçado por outros prefeitos regionais e pelos deputados Geraldo Simões (federal) e Rosemberg Pinto (estadual), ambos do PT.
De acordo com Lenildo, Wagner vem à região para assinar a ordem de serviço para a obra. A rodovia tem uma média de tráfego de cerca de 2 mil veículos por dia. O trecho que será reconstruído apresenta verdadeiras crateras, numa ameaça à segurança e à vida de quem circula pelas rodovias.
O prefeito de Ibicaraí considera a obra essencial para a economia local e aponta benefícios tanto para a agropecuária como para o turismo rodoviário na Costa do Cacau. O anúncio da recuperação da estada será feito em Itabuna, não à toa, no mesmo dia em que a cidade completará 101 anos.

ILHÉUS: SEIS JOVENS DETIDOS COM CRACK E COCAÍNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Jovens foram detidos em ação da polícia militar no Malhado.

Policiais da 68ª Companhia Independente da PM estouraram um ponto de venda de drogas no Malhado, em Ilhéus, hoje à tarde. A “boca” funcionava na rua dos Cometas. Foram detidos Michael Douglas Santos, Thiago José Oliveira, Jean Carlos Silva Santos e Jorge Lucas Martins Viana, além dos menores E.R.P e C.I.S.
A polícia encontrou com o grupo 60 pedras de crack e 63 papelotes de cocaína. De acordo com a polícia, também foram apreendidos um televisor de 20 polegadas, um aparelho de DVD, um Playstation, três celulares, relógio, máquina fotográfica munições.
A polícia ainda recolheu dezenas de documentos de supostos usuários de drogas. Os gerentes da boca disseram que os documentos eram deixados empenhados como garantia na “compra de drogas”. A devolução ocorreria após o usuário pagar a droga consumida.

GEDDEL VOLTA AOS TREINOS…

Tempo de leitura: < 1 minuto

Via Twitter, o vice-presidente de Pessoa Jurídica da Caixa, Geddel Vieira Lima, avisa que voltará aos treinos de “tiro ao Wagner”:
– Tô aqui gravando comerciais do PMDB. Vamos levar à TV crítica qualificada sobre deficiência dessa gestão [que] atrasa [o desenvolvimento] da Bahia – diz, no microblog.
Os comerciais do peemedebê vão ao ar nos próximos dias.

ALELUIA, O GUIA TURÍSTICO

Tempo de leitura: < 1 minuto

José Carlos Aleluia, ex-deputado federal, ex-dirigente da Chesf e ex-candidato ao Senado da Bahia, não gostou nadinha de saber que o ex-presidente Lula limitou o roteiro da sua (a do petista, claro) visita à Bahia ao Hospital da Criança, em Feira, e à casa de Dona Canô, em Santo Amaro da Purificação.
Também concordamos com o novo guia turístico da praça.
Que tal um pulinho em Itabuna, Lula? Você (ops, ele não é mais presidente) poderia revisitar o ABC da Noite de Cabôco Alencar, o Bar de Valtinho no bairro Conceição e Zeca do Katikero, no Pontalzinho. Com estes roteiros, o ex-presidente da República ajudaria a expandir o turismo gastronômico na Costa do Cacau. De quebra, poderia dar um pulinho no restaurante de Valmir Neres, em Itajuípe, assessorado pelo prefeito de Itabuna, Capitão Azevedo (DEM), este um assíduo frequentador do estabelecimento à beira do lago…

PORQUE OS FILHOS DIZEM NÃO AOS PAIS NO FACEBOOK

Tempo de leitura: < 1 minuto

Pesquisa da One Poll na Grã-Betanha revelou que 55% dos pais atacam de espiões dos filhos no Facebook e 5% não seguem o exemplo porque não sabem “se virar” na rede social.
O resultado da pesquisa foi publicado no site da BBC Brasil. De cada 10 pais, quatro dão uma checadinha nos status dos filhos. 40% monitoram os perfis para ver as mensagens e 30% olham a seção de fotos postadas pelos amigos dos filhos.
De acordo com o levantamento, um terço dos pais reconhecem que age como superprotetor e 24% creem ser esta a forma de saber o que os filhos estão fazendo. Pelo menos um em cada dez pais foi sincero ao admitir que abriu conta no Facebook para “zoiar” o filho. Dos pesquisados, 16% enviaram solicitação de amizade e levaram um “cavalo-de-pau”.

DONA CANÔ CHAMOU…

Tempo de leitura: < 1 minuto

Dona Canô e Lula conversam ao lado de Wagner e a primeira-dama (Foto Manu Dias).

A filha mais ilustre de Santo Amaro da Purificação, Dona Canô, recebeu nesta quarta (20) a visita do ex-presidente Lula, acompanhado do governador Jaques Wagner  e da primeira-dama baiana, Fátima Mendonça.
Wagner “bisbilhotou” a conversa de Canô e Lula e, “fuxiqueiro”, passou à frente que um dos pedidos da mãe de Caetano Veloso e Maria Bethânia entregou ao ex-presidente um projeto de despoluição do rio Subaé, contaminado por mercúrio e que sofre com os dejetos lançados sem nenhum tratamento.
E nada de papo sobre os arranca-rabos entre Lula e Caê

O "PAREDÃO DA DILMA" NO MT

Tempo de leitura: < 1 minuto

Detonado o antro de corrupção no Ministério dos Transportes, a presidente Dilma Rousseff iniciou a série de exonerações. Conheça a lista do “Paredão da Dilma”, de acordo com a lista elaborada pelo Valor Econômico.
LISTA DO “PAREDÃO DA DILMA”
Alfredo Nascimento – era o ministro dos Transportes
Luiz Antonio Pagot – diretor-geral do Dnit, está oficialmente em férias
José Francisco das Neves – presidente da Valec, a estatal de ferrovias ligada ao ministério
Mauro Barbosa –  chefe de gabinete de Alfredo Nascimento
Luiz Tito Bovini – assessor de Alfredo Nascimento
José Henrique Sadok de Sá – diretor-executivo do Dnit. Ocupava interinamente a direção-geral do departamento no lugar de Pagot
Estevam Pedrosa – subsecretário de assuntos administrativos do ministério
José Osmar Monte Rocha – assessor de Alfredo Nascimento
Darcy Michiles – secretário de fomento para ações de transportes do ministério
Maria das Graças Fernando de Almeida  – coordenadora-geral de análise técnica do Dnit
Luiz Claudio dos Santos Varejão – coordenador-geral de operações rodoviárias do Dnit
Mauro Sérgio Almeida Fatureto – coordenador-geral de administração geral do Dnit
Eduardo Lopes – assessor de Alfredo Nascimento
Cleilson Gadelha Queiroz – gerente de licitações e contratos da Valec
Pedro Ivan Guimarães Rogedo  – assessor da Valec

UM ANTRO NA SAÚDE DE ILHÉUS

Tempo de leitura: < 1 minuto

As velhas negociatas, desvios de recursos e inchaço da folha com contratos e indicações políticas há muito impedem que a Secretaria da Saúde de Ilhéus tenha uma gestão eficiente. Até mesmo secretários aparentemente bem-intencionados, como era o caso do recente Jorge Arouca, foram manietados pela bandalheira reinante naquele setor de tão delicadas responsabilidades.
Agora, pela primeira vez, um gestor pelo menos admite tal descontrole e a necessidade de ações enérgicas. O secretário interino Uildson Henrique afirmou ao radialista Gil Gomes que a comissão gestora nomeada pelo governo já determinou o cancelamento de contratos com suspeita de vícios e investiga indícios de desvios que podem chegar a R$ 5 milhões. 
Segundo o secretário interino, a recuperação da saúde de Ilhéus exige remédio amargo e ele diz que as primeiras doses estão sendo ministradas. Resta saber se o tratamento vai se resumir a isso, pois é impensável que não haja punição para os larápios que se fartavam com dinheiro público enquanto a população sofria nas unidades de saúde.
Aliás, talvez não se deva realmente esperar tanto… 

OS 44 ANOS DE JOJÓ DE OLIVENÇA

Tempo de leitura: 3 minutos

Victor Kruschewsky | redacaoripstar@gmail.com
Hoje é uma dia especial para o surf baiano e brasileiro. Jojó de Olivença comemora mais um ano de vida e o portal ripstar e surfbahia não poderiam de deixar sua homenagem para o primeiro Bicampeão Brasileiro Profissional da história. São 44 anos de muito surf!
Jojó está em Ilhéus, em sua casa, na Estância Hidromineral de Olivença, onde tudo começou. Desde sua infância pobre com seus familiares até os dias atuais, Jojó é o mesmo, sorriso fácil, espírito leve, olhar e jeito que cativa a todos ao seu redor. Apesar de ter nascido em Ipiaú, Jojó veio muito novo para a princesinha do sul.

Jojó mira as ondas de Olivença (foto Victor Kruschewsky)

Tive a oportunidade de conhecê-lo e fazer uma vídeo-entrevista onde procuramos saber tudo de sua vida. Na entrevista, Jojó fala da infância pobre, mas muito feliz, com muitas brincadeiras. Até que um dia ele viu um pedaço de madeirite e foi tentar surfar, já que muitos surfistas da época não emprestavam suas pranchas.
Logo veio uma evolução espantosa e as propostas de patrocínio. Jojó mostrou ao mundo a força do “negão surfista” e superou todos os preconceitos até virem dois títulos nacionais na categoria profissional, 89 e 91, o primeiro atleta da história Brasileira a conseguir tal feito.
Para completar, Jojó entrou para a elite do circuito mundial, o WCT, e venceu nomes como Kelly Slater, 10 vezes campeão mundial quando ele estava no auge. E Jojó não se cansou, ele queria mais.
Depois de sua carreira vitoriosa como desportista, ele não queria ficar longe do surf e criou o Projeto Ondas, um orgão não governamental que dá suporte a crianças carentes, meninos de rua, oferecendo alimentação, aulas de surf, meio ambiente, apoio psicológico, entre outros. O projeto, que está instalado no Guarujá, em São Paulo, é um sucesso. O mestre dos surfistas baiano ainda foi a Nigéria conhecer a realidade das crianças de lá e se espantou.

Leia Mais

O IRRESPONSÁVEL BLABLABLÁ NA SAÚDE

Tempo de leitura: < 1 minuto

O secretário municipal de Saúde, Geraldo Magela, provocou rebuliço nesta semana quando disse que o governo baiano boicota Itabuna ao impor obstáculos à ideia de retorno da gestão da média e alta complexidade para as mãos da administração azevediana.
Os ataques foram direcionados ao secretário estadual de Saúde (Sesab), Jorge Solla, mas este preferiu destacar um auxiliar para vir discutir a questão com o Magela, entidades locais e representantes de outros municípios pactuados com Itabuna. E veio Andrés Alonso, superintendente de gestão dos sistemas e regulação da atenção da saúde da Sesab.
Alonso repetiu a cantilena de sempre: o estado não apenas repassou os recursos do SUS como fez aporte de recursos próprios etc e tal e não poderá adicionar mais dindin aos R$ 2 milhões que caem mensalmente no Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (Hblem), este em adiantado estado de sucateamento.
Indo mais além, disse ter sido o governo estadual  o responsável pela “salvação” do hospital quando este encontrava-se prestes a fechar as portas em 2009-2010 e sustentou que Magela provou a “incapacidade” da gestão de adicionar o mínimo de R$ 500 mil no Hospital de Base.
A discussão entre estado e prefeitura começou há três anos e até agora nada de resultado. Ou a sociedade itabunense se mobiliza (cadê os movimentos sociais, os clubes de serviço e órgãos como o Ministério Público?) ou essa discussão vai perdurar por outros três anos.
Em tempo: continuam as mortes no Hblem por falta de equipamentos e estrutura.

Back To Top