skip to Main Content
9 de agosto de 2020 | 11:46 pm

TJ-BA MANTÉM EM ITABUNA PROCESSO DE ACIDENTE COM ESTUDANTES

Tempo de leitura: 2 minutos

Priscila, Tatiana, Elys Maiane e Larissa morreram no acidente.

O Tribunal de Justiça da Bahia (TJ-BA) concedeu liminar à família de Larissa Prates Alpoim e manteve na comarca de Itabuna a ação do acidente entre um carro Ford Fiesta e um ônibus da Águia Branca, no dia cinco de janeiro de 2008.
A colisão, no quilômetro 26 da rodovia Ilhéus-Itabuna, matou as estudantes Larissa e as amigas Priscylla Gama, Elis Mayanne dos Santos e Tatiana Berbert Franco.
A liminar mantendo a ação em Itabuna foi concedida pelo desembargador José Cícero Landin Neto. O magistrado entendeu que enviar o processo do acidente para Cariacica, como decidiu o juiz na comarca em Itabuna, “traria franco prejuízo” às famílias das vítimas do acidente.
O desembargador do TJ-BA disse que as famílias passariam a enfrentar “as dificuldades inerentes à prática e ao acompanhamento à distância” de 740 quilômetros da cidade de Itabuna, onde corre a ação do acidente.
Na semana passada, o juiz da 4ª Vara de Relações de Consumo, Cíveis, Comerciais e de Registros Públicos da Comarca de Itabuna, Waldir Viana, havia decidido por enviar o processo para Cariacica (ES), sede da Viação Águia Branca. O juiz acolheu a tese da “conexão” entre os processos da Bahia ( 0016407-72.2010.805.0113) e o do Espírito Santo (012.08.01270-6).
O juiz Waldir Viana entendia que, pelo critério da conexão, o processo principal deveria ser remetido para a comarca de Cariacica a partir do momento em que a 3ª Vara Cível do município capixaba julga ação da Águia Branca contra a família de Priscylla Gama, a estudante que dirigia o Ford Fiesta. A Águia Branca quer ser ressarcida de prejuízo alegado pela destruição do para-choque do ônibus (reveja aqui).
O acidente ocorrido há mais de três anos causou comoção no sul da Bahia. As estudantes universitárias retornavam de uma aula da saudade e três delas se formariam uma semana depois. A Águia Branca foi acusada de ter relações escusas com peritos que trabalharam no local do acidente. Os funcionários do Departamento de Polícia Técnica responderam a processo administrativo, mas acabaram inocentados porque a Secretaria de Segurança Pública deixou o processo prescrever.
LEIA MAIS SOBRE O ACIDENTE

Esta publicação possui 0 comentários
  1. Caro Pimenta,
    Os servidores do DPT, ou seja, os peritos do DPT, injustamente investigados, em momento algum deram causa a prescrição. Aliás, eles queriam que o Processo Administrativo Disciplinar tivesse termino com decisão de merito.

  2. Que BELA PIADA….DEVO CHAMA-LOS DE COITADINHOS TB???? OU SERÁ QUE ESQUECE QUEM PERDEU AS VIDAS???
    ESSE É O BRASIL CORRUPTO EM QUE VIVEMOS…

  3. Parabéns Desembarcador Drº José Cícelo Landin Neto Por Manter Em Itabuna O Processo Da VABT – Viação Águia Branca Terrestre, Sobre Enviar O Processo Pra Cidade Natal Da Família Chippe 100 Comentários É Claro, Pois A Linha Itabuna x Vitória Pertence Também A VABT… Davidson ou Ricardo Vocês Poderia Mim Informar Se O Seguro Já Deu Outro Para-Choque Para A VABT ???…
    Infelizmente Relembrar É Preciso
    QUATRO JOVENS MORTAS – E A ÁGUIA BRANCA QUER INDENIZAÇÃO DE PARA-CHOQUE DO ÔNIBUS
    “Uma das informações que mais chamou a atenção foi a de que a Viação Águia Branca acionou na Justiça a família da jovem que guiava o Fiesta, Priscylla Gama. O processo é para cobrar da família da ex-universitária o valor do prejuízo causado pela batida no para-choque e na lanterna do ônibus. O valor da causa é R$ 5 mil.
    Segundo o policial, a ação teve início 10 dias depois do acidente. “A empresa quer receber o espólio no valor de R$ 5 mil, referente aos danos causados em um dos para-choques do ônibus envolvido no sinistro”, informa.”
    21/dez/2009
    https://www.pimenta.blog.br/?p=30254
    deixeopovotrabalharisomar2012@gmail.com

  4. A justiça é tão morosa, as coisas demoram tanto, que é capaz do resultado disso só sair quando as meninas já estiveram reencarnadas novamente, …!!!
    Aff, …!!!

  5. Como podemos acreditar na justiça dos homens? , se magistrados como da nossa cidade se declaram suspeitos e não julgam processos de mais de 100 advogados? e onde fica ajustiça nisso?
    e agora um descalabro de um juiz que não leva em conta o domicilio das vitimas e privilegia uma empresa privada com uma desculpa de conexão,como se fundamentada estivesse as alegações da vitimas que perderam as suas vidas em Itabuna, um fato lamentavel para e o que seriamos de nós relis mortais se dependessemos desses magistrados? Agora sim, estamos diante de uma caso de suspeição,que o caso seja julgado aqui, e por um juiz imparcial, pois a justiça tem de prevalecer nessa luta desigual…

  6. Conta outra.
    É procedimento padrão das empresas de transportes tentar manipular as perícias e os boletins de ocorrência nestes casos.
    Essa prática, quando não isenta as empresas de culpa, diminui os valores de processos indenizatórios, que em alguns casos chega a economizar milhões de reais.
    Pior ainda foi a tentativa da Águia Branca de transferir o processo para Cariacica, sede da VAB, e onde ela mantém antigos relacionamentos com os juízes locais.
    Só resta saber se você consegue adivinhar quais seriam os motivos da empresa para fazer isso.

  7. mas acabaram inocentados porque a Secretaria de Segurança Pública DEIXOU O PROCESSO PRESCREVER. ABSURDO!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
    Aí tem “coisa”. Quem preside o processo é o mesmo pessoal do DPT.
    Vale o ditado: “Erro de médico, a terra encobre” visto que nenhum médico vai contra colega.
    Agora também vale para perito criminalístico. Que mundo cruel, injusto, corrupto!!!!

  8. sabe o que eu acho mais impressionante nesta história, é a empresa de ônibus processar uma família, que perdeu a FILHA, por causa de um mero PARA-CHOQUE.

  9. que vergonha, um Juiz da nossa comarca ser coninvente com a corrupção que aconteceu na perícia desse acidente, foi comprovado sim as ligações estreitíssimas dos referidos peritos que atuaram nesse caso pois, os mesmos prestavam serviços a aguia branca, bem como diversas ligações entre os mesmos logo após o acidente, queria ver se fosse com familiares deles se teriam o mesmo laudo, são inescrupulosos, mas aqui na terra se FAZ e se PAGA , DEIXAR prescrever o processo, TODOS SABEM QUE FOI A PROPÓSITO PARA ISENTAR OS COLEGAS, o dia de vcs vai chegar, parabéns DR José Cícero Neto o Senhor mostrou que é serio, porque os outros ………………..

  10. ATÉ HOJE EU NÃO ENTENDÍ O PORQUE DA FAMÍLIA TER PROCESSADO A ÁGUIA BRANCA. FOI O MOTORISTA DO ÔNIBUS QUE ESTAVA VOLTANDO DE UMA FARRA E EMBRIAGADO ENVADIU A FAIXA E PEGOU AS POBRES JOVENS QUE VINHA DA FACULDADE? OU FOI O CONTRARIO?
    UMA TESTEMUNHA QUE VIU COMO TUDO ACONTENCEU DISSE QUE AS JOVENS FOI QUEM ENVADIU A CONTRA-MÃO PEGANDO O MOTORISTA DO ÔNIBUS DE SUPRESA, QUE INCLUSIVE TENTOU EVITAR O ACIDENTE.
    COM QUEM DE FATO ESTÁ A VERDADE?

  11. Lamentável tudo: a morte das garotas, ainda muito jovens; a perícia; o processo da Águia Branca para reaver o pára-choque; a decisão do juiz daqui em mandar o processo para o ES. Deus dê força a essas famílias. A jornada é longa e difícil

  12. As vítimas moram em Itabuna e para esse juiz eles teriam que movimentar o processo no ES. Isso é uma vergonha.Parabens ao desembargador e ao TJBA que vem derrubando decisões como essa.

  13. Triste, muito triste, ver tanta irresponsabilidade de todos os lados. Gente! Amor, compaixão, são sentimentos que não devem entravar a visão das pessoas.
    Triste é ver que tudo nessa vida, tem que acabar em bebida, muita beida, e ainda mais: Nem lei, faz as pessoas se livrarem delas próprias.
    Convenhamos, porém…
    Essa do juiz é coisa triste, também!!!
    Que Deus dê força às famílias e bom censo aos nossos filhos!

  14. Tenho uma proposta para fazer a perversa Águia Branca:
    Eu pago em moeda de um real o valor dos danos R$5.000,00 ( cinco mil reais), para tanto convocarei a imprensa Regional, que diga-se de passagem, tão bem assistida por vocês, heim?
    Definam hora , local, se será em juízo, ou como queiram.
    Pago em moedas de R$l,00 ( um) real.
    Mandem um e-mail para mim, que farei o procedimento.
    Acham pouco o golpe que deram na região com a venda da Sulba.
    Picaretas!

  15. Tenho uma proposta para fazer a perversa Águia Branca:
    Eu pago em moeda de um real o valor dos danos R$5.000,00 ( cinco mil reais), para tanto convocarei a imprensa Regional, que diga-se de passagem, tão bem assistida por vocês, heim?
    Definam hora , local, se será em juízo, ou como queiram.
    Pago em moedas de R$l,00 ( um) real.
    Mandem um e-mail para mim, que farei o procedimento.
    Acham pouco o golpe que deram na região com a venda da Sulba?
    Picaretas!

  16. O juíz apenas seguiu o que reza o Código de Processo Civil, que determina que os processos com causas de pedir identicas sejam reunidos utilizando-se como critério para determinação de qual o juiz competente a primeira citação válida…
    O que podemos concluir é que os advogados da empresa de ônibus não dormem em serviço, aliás, o direito não socorre àqueles que dormem!!!

  17. Vale ressaltar que o Tribunal de Justiça da Bahia concedeu uma LIMINAR para manter o processo em Itabuna, ou seja, é uma decisão provisória, até analisar o mérito do recurso. Assim, o processo ainda pode ser, inclusive, remetido ao ES quando do julgamento do mérito (creio que será esse o entendimento, pois o Juiz Valdir é muito competente e apenas seguiu o que manda a Lei).

  18. Não vou discutir quem é o culpado, pois não sou perito, porém, é vergonhoso o comportamento dos responsáveis pela águia branca, que demonstram uma frieza descomunal,cobrando das famílias das vítimas os danos provocados no ônibus. Pela ganânçia, esqueçem eles que as famílias sofrem até hoje a dor da perca. Tão nojento quanto o comportamento da águia branca, é a imprensa itabunense, que nada diz, aliás, se algum meio de comunicação fizer algum comentário, perde a grana que a empresa de ônibus coloca mensalmente nas contas destas. Lamentável.

  19. Parabens Dezembargador SR jose cicero Tenho um prosseso na grande vitoria A viaçao aguia branca mandar em todos do es tenho quer enfrentar a aguia branca e a injustiça do es eles ficam enrrolando prosseso no es junto com as grandes empresa falo sem segredo voces iam enfrenta a aguia e priçipalmente a justiça do es nuca tras prosseso pro estado quer nao tem lei fica com seus prosseso ai meu prosseso els tem poder sobre midia e todos com o poder de dinheiro as pesoas aqui so pensa em dinheiro a justiça tem quer ser feita ai eles gosta de ficar enrrolando sem senteça e os juizis do es tem medo de dar senteça em causa quer envolve viaçao aguia branca tou passando dificuldade com a justiça e mp do es e tudo as mesma coisa por favor fica com esse prosseso ai

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top