skip to Main Content
25 de setembro de 2020 | 08:25 pm

ASSUNÇÃO DEFENDE JORNALISTA, MAS NÃO PERDOA A VEJA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O deputado federal Valmir Assunção (PT-BA) tomou a palavra nesta segunda-feira, 8, em sessão na Câmara, para repudiar a agressão sofrida pelo repórter Rodrigo Rangel, da sucursal da Veja em Brasília. Na semana passada, Rangel levou uma gravata, chute na barriga e um soco que lhe arrancou um dente. O autor da sessão de pancadaria, ocorrida em um restaurante da capital da república, na frente de mais de dez testemunhas, foi o lobista Júlio Fróes, que estaria envolvido em negociatas com o Ministério da Agricultura.
Assunção condenou a violência e disse que já foi vítima de arbitrariedades.  “Eu quero me somar a todos aqueles que não concordam com isso nem aceitam qualquer tipo de agressão contra qualquer profissional”, declarou o parlamentar.
Mais adiante, o petista aproveitou a deixa para cutucar a Veja, revista em que o agredido trabalha: “nós temos que ficar indignados, mesmo sendo o jornalista de uma revista como a Veja”, tascou.

JW FALA SOBRE O MODAL DE TRANSPORTE ESCOLHIDO PARA SALVADOR

Tempo de leitura: < 1 minuto

Em seu programa de rádio semanal, o governador Jaques Wagner destacou a escolha do metrô como o modal de transporte escolhido para a Copa de 2014 em Salvador. Segundo Wagner, a nova linha, que integrará os sistemas da Avenida Paralela até a Rótula do Abacaxi, deve não apenas melhorar o trânsito na cidade, como aponta para uma possível ampliação no futuro, a fim de atender a Região Metropolitana.
O governador informou que os preparativos para a licitação da obra estão em fase final e o projeto será apresentado até a próxima quinta-feira,11, por ele e o prefeito da capital baiana, João Henrique.
Clique no player abaixo:

QUEM TEM CULPA NO "CARTÓRIO"?

Tempo de leitura: < 1 minuto

Olímpio (direita) diz que Jabes é culpado pelos precatórios

Em entrevista concedida ao PIMENTA, o ex-prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro, afirmou ter deixado o governo municipal, no final de 2004, com o caixa em plenas condições de honrar as dívidas com os precatórios judiciais. Segundo JR, estava tudo negociado com os credores e as dívidas que se avolumaram posteriormente seriam culpa do descontrole dos dois prefeitos que vieram depois: Valderico Reis e Newton Lima.
Neste fim de semana, quem falou sobre o assunto foi o também ex-prefeito Antônio Olímpio. Em entrevista publicada no jornal Agora e reproduzida no site Cia da Notícia, AO atribui a responsabilidade pela avalanche de precatórios exatamente a Jabes e ao já falecido ex-prefeito João Lírio.
Segundo AO, os dois “ex” assumiram débitos além da conta e sempre optaram pela contratação de pequenas empreiteiras, que não faziam jus aos débitos trabalhistas com INSS e FGTS. O resultado teria sido que o município, na condição de solidariamente responsável por tais obrigações, acabou ficando com o “pepino”.
AO, que hoje está na presidência da Fundação Universidade Livre do Mar e da Mata (Maramata) e, portanto, dentro do governo Newton Lima, foi a única voz do governo a defender o prefeito do ataque jabista.

VANE PODE ACABAR ONDE NÃO QUER

Tempo de leitura: < 1 minuto

Se não escolher direito o seu destino político, o petista (por enquanto) Claudevane Leite, vereador em Itabuna, pode acabar justamente onde diz que não quer ficar: dentro de um bloco de apoio à candidatura de Geraldo Simões ou Juçara Feitosa à Prefeitura.
Um dos partidos com o qual Vane namora, o PRB, integra a base de apoio do governador Jaques Wagner e não é impossível que futuramente venha a negociar localmente uma aliança com o PT, onde Vane está e afirma que irá sair se não for ele o candidato.
Em 2008, o PRB lançou a professora Acácia Pinho, que foi apenas um balão de ensaio. Auto-afirmada como candidata inexorável, Acácia acabou se tornando vice do então peemedebista Capitão Fábio e, na reta final da campanha, foi arrastada para uma junção com o PT, numa das operações políticas mais desastradas da história de Itabuna.
No PRB, Vane poderá ser tudo, inclusive candidato. Mas sem nenhuma garantia de controle sobre o próprio destino…

SOLDADO É ROUBADO EM ILHÉUS. POLÍCIA FAZ CERCO NA BA-262

Tempo de leitura: < 1 minuto

Um soldado lotado na 70ª Companhia Independente da PM sofreu assalto no bairro São Miguel, zona norte de Ilhéus, por volta das 17h30min. Os bandidos conseguiram levar o carro da vítima, um Volkswagen Gol, cor prata.
O policial baleou um dos assaltantes ao reagir ao roubo. Os bandidos fugiram tomando como rumo a rodovia Ilhéus-Uruçuca (BA-26). Nesse instante, vários policiais e viaturas fazem cerco na região entre os municípios de Ilhéus e Uruçuca, para tentar capturar os bandidos e recuperar o veículo.

Mais informações em instantes.

DELEGADA PEDE PREVENTIVA DE TRAFICANTE BITA; RIVAL CONTINUA INTERNADO

Tempo de leitura: 2 minutos

Bita está foragido (Reprodução Pimenta).

A delegada Sione Porto disse ao PIMENTA que entrou com pedido de prisão preventiva contra Adomair Carvalho do Vale, o Bita, acusado de promover tiroteio em um restaurante na avenida Inácio Tosta Filho, centro, por volta das 12h30min do último sábado (6). Bita tentava matar Ailton de Jesus Silva, o Tantã, 35.
De acordo com a polícia, o crime está relacionado à disputa pelo comando do tráfico de drogas na região do Santo Antônio, São Lourenço e Novo Horizonte. Tantã foi atingido no ouvido e no braço e encontra-se internado no Hospital de Base Luís Eduardo Magalhães (Hblem) em Itabuna.
Tantã foi atingido quando pagava a conta no restaurante. Policiais que almoçavam numa churrascaria próxima ouviram os primeiros tiros, disparados por Bita de dentro de um carro, e iniciaram confronto com os bandidos. Os traficantes conseguiram fugir. Até agora, apenas Bita foi identificado.

Ailton, o Tantã, controla o tráfico na região do Santo Antônio (Reprodução Pimenta).

A polícia já ouviu funcionários do restaurante Espaço 2 e requisitou as imagens do sistema de vídeo do estabelecimento. A gerência informou que estas foram apagadas um dia depois do tiroteio. “Vamos requisitar a CPU para recuperar estas imagens e tentar identificar os atiradores”, afirmou ao PIMENTA.
Segundo a delegada Sione Porto, toda a família de Tantã é associada ao tráfico de drogas e a vítima já foi presa por várias vezes, a última delas numa operação comandada pelo delegado regional Moisés Damasceno.
Ainda de acordo com Sione, Tantã comandava também, junto com a esposa, um ponto de tráfico de drogas no Alto Maron, região central de Itabuna. “Ele está envolvido com aquele fato [morte] de Lucas da Manchett, na travessa Independência”.
Na madrugada do dia 20 de maio, Rafael Lucas Sampaio Medeiros morreu em circunstâncias misteriosas no passeio do prédio e após consumir cocaína com dois parceiros. O local seria ponto de drogas de Tantã, que morava no prédio com a esposa. A delegada Sione Porto disse que Bita já foi preso por assalto, furto e tráfico de drogas.

DEPUTADO APRESENTA MOÇÃO DE APLAUSOS PARA JUIZ CONTRÁRIO AO CASAMENTO GAY

Tempo de leitura: < 1 minuto

Sargento é contra união gay (Foto Pimenta).

Sargento Isidório (PSB), deputado estadual famoso por ter virado na pinoia com um médico durante o toque retal para exame de próstata, apresentou à Assembleia Legislativa baiana moção de aplausos ao juiz da 1ª Vara da Fazenda Pública e Registros Públicos de Goiânia (GO), Jerônimo Pedro Villas Boas.
Defensor da moral e dos “bons costumes”, o deputado considera o juiz goiano um “extraordinário magistrado”, que demonstrou “independência, conhecimento, coragem e apego à nossa Constituição Federal” ao negar o casamento civil entre os homossexuais Liorcino Mendes e Odílio Torres, em junho deste ano. O Tribunal de Justiça de Goiás (TJ-GO) derrubou a decisão dias depois.
O deputado Isidório acredita que o Supremo Tribunal Federal (STF) extrapolou ao reconhecer a união estável gay. Para o parlamentar baiano, o casamento gay somente pode ser reconhecido por meio de projeto votado no legislativo.
A moção de aplausos demorou para ser apresentado. E tamanho lapso pode ser justificado: há menos de dez dias o Ibope divulgou pesquisa em que 55% dos brasileiros se posicionam contrários à união gay. Isidório, que pode até ter cara de “fronteiriço” mas não é besta, foi na onda.

MAU-ATENDIMENTO NA POLICLÍNICA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Uma mulher levou o filho para ser vacinado na tarde desta segunda-feira, 08, na Policlínica do bairro da Conquista, em Ilhéus. Ao chegar à sala de vacinação, o que viu  foi um lugar vazio, sem nenhum profissional para atender a criança. O jeito foi sair pela unidade de saúde, à procura da enfermeira que informaram ser responsável pela aplicação de vacinas.
Ao ser encontrada, a enfermeira ordenou com rispidez que a mulher a esperasse na sala de vacina, determinação esta que foi prontamente cumprida. Minutos depois, a profissional apareceu nervosa no local, dando bronca na cidadã-eleitora-contribuinte.
Entre outros desaforos, a mulher foi obrigada a ouvir que deveria ter esperado a boa vontade da outra, sem se dar ao direito de sair à caça de uma enfermeira que se encontrava fora de seu local de trabalho. Como se esta tivesse o direito de passear pela clínica e dar canseira nos pacientes, enquanto a  estes nenhum direito assistisse.
É de doer…

BATERISTA DA ESTAKAZERO SAI DO COMA INDUZIDO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Internado desde o último dia 19 no Hospital Geral do Estado após ser baleado na cabeça durante um assalto no Caminho das Árvores, o músico Paulo César Perrone, 32 anos, baterista da banda Estakazero, apresentou uma melhora do quadro clínico e saiu do coma induzido na manhã desta segunda-feira (8), segundo boletim médico divulgado pela Secretaria de Saúde do Estado da Bahia (Sesab).
Perrone foi baleado quando passava com o seu carro, um Fiat Uno, na Alameda das Espatódeas. Ele foi abordado por dois homens em uma moto que efetuaram o disparo mesmo com o movimento intenso na via. Uma das hipóteses investigadas pela polícia é a de saidinha bancária, porque os investigadores do DHPP encontraram no local do crime um envelope do Banco do Brasil vazio, com o nome da mãe da vítima escrito, caído do lado de fora do veículo. Informações do Correio.

Back To Top