skip to Main Content
5 de julho de 2020 | 07:54 am

LEÃO DÁ CHOCOLATE NO AMERICANA

Tempo de leitura: < 1 minuto

O Vitória obteve o segundo triunfo consecutivo na Série B, há pouco, diante do Americana-SP, em jogo disputado em Salvador. O time abriu o placar logo no início do jogo, permitiu o empate por duas vezes, mas fechou a conta em 5 a 2. Um chocolate.
Fábio Santos abriu o placar no Barradão, aos 6 minutos, quando recebeu livre na entrada da área, e fuzilou. Nem deu para comemorar. Aos 10 minutos, Charles empatou.
Léo Fortunato aproveitou sobra de bola e mandou para o fundo da rede: 2 a 1. Magal empatou a partida aos 7min do segundo tempo.  O desempate do Vitória veio aos 14 minutos em cobrança de pênalti, com Lúcio Flávio, que saiu de campo aplaudido pela torcida.
Já no finalzinho do jogo, o rubro-negro fez mais dois gols. Aos 46, Neto Coruja mandou para a área e Marquinhos fez 4 a 2. O último gol foi marcado por Geraldo, que recebeu bola de Marquinhos em belo toque de letra. 5 a 2. Confira os gols:

O rubro-negro baiano subiu para a sexta colocação com o resultado obtido hoje, provisoriamente. O Vitória voltará a campo na próxima terça, às 19h30min, contra o Criciúma, em Santa Catarina. O Americana, em casa, enfrentará o Sport.

MAIS UMA MULHER NA DISPUTA PELA REITORIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Depois da vice-reitora Adélia Pinheiro, mais uma mulher se dispõe a entrar na disputa pela reitoria da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc). Nesta sexta-feira, 12, um grupo de professores se reuniu com o objetivo de discutir uma proposta que contemple “melhoria do ensino, descentralização e desburocratização da gestão, fortalecimento da pesquisa e ações de extensão mais próximas das demandas regionais”.
Esse grupo se contrapõe ao atual comando da Uesc e deve apresentar o nome da professora Mayana Brandão para reitora.
A eleição está programada para o final de novembro.

CONFERÊNCIA APROVA ESTADUALIZAÇÃO DO HOSPITAL DE BASE

Tempo de leitura: 2 minutos

Moções de repúdio contra Santana e vereador
também foram aprovadas na plenária

Conferência reuniu autoridades e centenas de pessoas (Foto Divulgação).

Os participantes da conferência municipal da Saúde aprovaram, por ampla maioria, a proposta de estadualização do Hospital de Base de Itabuna e moções de repúdio contra o vereador Raimundo Pólvora (PPS) e o deputado estadual Coronel Santana (PTN).
A conferência foi encerrada há pouco e contou com a participação de aproximadamente 900 pessoas dos vários setores da saúde, desde usuários a trabalhadores, prestadores de serviço e governo municipal.
A proposta de estadualização foi aprovada por contraste, mas tendo a anuência de aproximadamente 80% dos conferencistas. Em resumo, significa que o município está autorizado a repassar para o governo do Estado a gestão do Hospital de Base de Itabuna.
A conferência também escolheu 16 delegados de Itabuna para a edição estadual, que ocorrerá ao final de setembro, em Salvador. As propostas aqui aprovadas serão levadas para a capital baiana.

MOÇÕES DE REPÚDIO

Os conferencistas repudiaram o uso político das cotas de exames as quais o município tem direito. Grande parte da cota, segundo os participantes da conferência – e isso consta em ata, é destinada para o vereador Raimundo Pólvora (PPS).
Ele, além de destiná-las aos seus eleitores, ainda possui uma alta funcionária dentro do setor de regulação, chamada de Márcia Beleza. O exame que falta ao cidadão comum, sobra para o vereador fazer política. O secretário de Saúde, Geraldo Magela, tentou demover os conferencistas, mas não teve jeito.
Outra moção de repúdio foi contra o deputado estadual Coronel Santana, que sugeriu a dissolução do Conselho Municipal de Saúde. E aqui, uma observação: de um público de 900 pessoas, apenas três foram contra a moção. Santana passou a trabalhar contra o conselho desde a nomeação da irmã, Gylnai Santana, como presidente da entidade mantenedora do Hospital de Base de Itabuna. A conferência foi promovida pela Secretaria de Saúde de Itabuna e o Conselho Municipal de Saúde.

DENÚNCIA-BOMBA VIROU “TRAQUE”

Outra derrota do deputado estadual Coronel Santana foi a tentativa de uso político do repasse de R$ 8,7 milhões da Sesab ao hospital de olhos Rui Cunha (Day Horc). Conferencistas lembram que o contrato não é relativo apenas a Itabuna, mas ao estado. O hospital de olhos possui unidades em Itabuna, Salvador e Eunápolis, além de ter sido vencedor de licitação para realizar exames e cirurgias no programa Saúde em Movimento, de abrangência estadual.
Aparentemente, o tiro de Santana saiu pela culatra quando quis induzir o povo a acreditar que o valor se referia a atendimentos feitos em Itabuna.

PR ADERE AO GOVERNO AZEVEDO

Tempo de leitura: < 1 minuto

O PR do vereador Roberto de Souza finalmente acertou a entrada na base de apoio ao governo do prefeito Capitão Azevedo. O partido acumulará, pelo menos, o comando da articulação política e a presidência da Fundação Itabunense de Cultura e Cidadania (FICC). Roberto de Souza deve continuar na Câmara, mas terá direito a indicar cargos de segundo e terceiro escalões, de acordo com a negociação que vem desde maio último. E já por conta destas negociações, o presidente da FICC, Cyro de Mattos, teve a cabeça “degolada” por Azevedo.

SANTANA ACUSA CLÍNICA DE RECEBER BOLADA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Em meio às discussões travadas nesta sexta-feira, 12, na audiência pública da Comissão de Saúde da Assembleia Legislativa em Itabuna, coube ao deputado estadual Gilberto Santana (PTN) detonar a esperada “bomba”.
De acordo Santana, os recursos que faltam ao Hospital de Base, Cemepi e Maternidade Ester Gomes, sobram no hospital de olhos Day Horc, do médico Rui Cunha. O deputado informou que, num período de 68 dias, a clínica oftalmológica recebeu R$ 8,7 milhões do SUS.
Além de classificar o valor como exorbitante, Santana foi pra cima do Conselho Municipal de Saúde. Segundo ele, o órgão tem sido omisso com na fiscalização dos repasses do SUS em Itabuna.

MULHER SUSPEITA DE MATAR A PRÓPRIA SOGRA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Ela havia ameaçado matar algum parente do marido, caso ele não voltasse para casa

A polícia de Vitória da Conquista, no sudoeste da Bahia, prendeu nesta sexta-feira, 12, Dine Rocha Santos, conhecida como “Sil”, de 42 anos. Ela é supeita de assassinar a golpes de faca a própria sogra, Ana Geralda Matos Souza, de 66.
O titular da segunda Delegacia Territorial, Neuberto Costa, conta que a suspeita fora abandonada pelo marido e ficou revoltada com a situação. Como forma de vingança, “Sil” passou a ameaçar tirar a vida de algum parente de seu companheiro, caso ele não retornasse para casa.
O homem não voltou e, no dia 20 de junho, Ana Geralda foi brutalmente assassinada quando se encontrava sozinha em casa. Segundo a polícia, foi a nora quem cometeu o crime e, logo depois, fugiu para uma fazenda na zona rural de Vitória da Conquista.
A suspeita foi presa hoje em consequência do cumprimento de um mandado de prisão expedido pela justiça. Dine Rocha Santos, a “Sil”, foi levada para o presídio Nilton Gonçalves e será processada por homicídio qualificado. Caso seja condenada, poderá pegar até 30 anos.

ILHEENSE NA COPA BRASIL DE TAEKWONDO

Tempo de leitura: < 1 minuto

O ilheense Guilherme Sampaio Santos, de 20 anos, representará a cidade sul-baiana na Copa Brasil de Taekwondo, que será disputada neste fim de semana, em Fortaleza (CE). A competição reúne os principais nomes do país nessa arte marcial.
Guilherme desponta como revelação do Taekwondo no país. Em julho, ele terminou na terceira colocação no campeonato brasileiro da modalidade, que foi disputado em Rondônia. O atleta lutou dentro da categoria sub-21.

ESCÂNDALO: AZEVEDO DECRETA SITUAÇÃO DE EMERGÊNCIA POR CAUSA "DAS FORTES CHUVAS"

Tempo de leitura: < 1 minuto

Do Agora na Rede

Itabuna está sob decreto de Situação de Emergência. O prefeito Capitão Azevedo justificou a medida afirmando que esta foi provocada “por enxurradas e inundações bruscas”. Está lá, no decreto 9.470, de 08 de agosto de 2011. O prazo da situação de emergência é de 90 (noventa) dias, prorrogável por mais 90 (noventa) dias, caso se faça necessário.
O problema é a chuva. Aliás, a falta de chuva. Não se tem notícias de chuvas torrenciais nesse mês. Aliás, no sábado (6), a região enfrentou um dia típico de inverno. Chuva fina, durante todo o dia. Nada tão torrencial que motivasse um decreto de Situação de Emergência.
Esse decreto cheira, na verdade, a manobra para conseguir uma folga no orçamento, já que dá direito a celebrar convênios, fazer compras sem licitação e pegar dinheiro no Ministério da Integração Nacional e outros órgãos do Estado e da União.
A prática não é inédita, mas sempre funciona.
Confira o “decreto-trambique” aqui

TRIBUNAL CONCEDE LIBERDADE A COLBERT

Tempo de leitura: < 1 minuto

Do G1
O Tribunal Regional Federal da 1ª Região concedeu nesta sexta-feira (12) habeas corpus ao secretário nacional de Programas e Desenvolvimento do Turismo e ex-deputado pelo PMDB, Colbert Martins.
Colbert foi um dos 36 presos pela Polícia Federal na Operação Voucher, que investiga desvio de verbas com o suposto envolvimento de servidores e integrantes da cúpula do Ministério do Turismo, além de entidades privadas que firmaram convênios com o ministério. Ele foi preso em São Paulo e transferido para superintendência da PF em Macapá (AP), onde a investigação é sediada.
A defesa de Colbert Martins ingressou com pedido de liberade nesta quarta-feira (10). Nesta terça, a Operação Voucher da Polícia Federal prendeu 36 pessoas em Brasília, São Paulo e Macapá, suspeitas de desvio de recursos no Ministério do Turismo. Após a prisão, ele foi transferido para o Amapá, onde prestou depoimento e permanece detido.
O advogado de Martins, Thiago Machado, afirmou que a decisão do TRF-1 será encaminhada ao juiz responsável pelo caso, em Macapá, que vai expedir o alvará de soltura. A defesa ainda não tem estimativa de quanto tempo deve levar esse processo até que o secretário seja libertado.

DEM PERDE MAIS UM PREFEITO

Tempo de leitura: < 1 minuto

O DEM sofreu mais uma baixa na Bahia. A prefeita de Camacan, Ângela Castro, arrumou malas e bagagens e desembarcará no PP, levada pelo deputado federal Luiz Argôlo. Ângela chegou à prefeitura de Camacan não apenas pelo DEM, como ainda contou com o apoio do ex-governador Paulo Souto.
Sinalizando a mudança, a prefeita participa do Congresso Nacional do PP, que reúne a alta cúpula progressista na capital baiana. Uma das últimas baixas do DEM na Bahia foi o prefeito de Feira de Santana, Tarcízio Pimenta. Outras perdas para os democratas são esperadas até o final de setembro, quando acaba o prazo para filiação ou troca de legendas para aqueles que pretendem disputar cargo eletivo em 2012.

Back To Top