skip to Main Content
27 de janeiro de 2021 | 04:31 pm

VENDA CASADA PARA SHOWS DE IVETE E CHICLETE É ABUSIVA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Ilhéus terá shows de Ivete Sangalo e Chiclete com Banana, no centro de convenções, no final de janeiro. As apresentações serão em dias diferentes, mas os consumidores estão sendo obrigados pela produtora a comprar ingresso para os dois dias de festa, a chamada venda casada.
A prática é proibida por lei.
Há pouco, o PIMENTA confirmou a casadinha. Ligamos para uma empresa que comercializa ingressos e perguntamos o motivo da venda casada.
– Não vende só pra um dia não. É ordem do produtor do evento – explicou a vendedora.
Aos que se sentirem lesados pela prática, um dos caminhos é recorrer ao Ministério Público estadual.

Esta publicação possui 0 comentários
  1. Realmente, a Lei vigente não permite esta prática. O CDC – Código de Defesa do Consumidor, LEI 8078/90, em seu Art. 6º,V Diz: – “a proteção contra a publicidade enganosa e abusiva, métodos comerciais coercitivos ou desleais, bem como contra práticas e cláusulas abusivas ou impostas no fornecimento de produtos e serviços”. Com certeza o MP deverá agir contra esta prática ilegal. Ninguém é obrigado a fazer isso. Abraços

  2. Deveriamos era nao comprar até eles pararem com essa prática.
    Enquanto vender casado, ninguem deveria comprar.
    Logo, logo eles iriam aprender a respeitar o consumidor.

  3. A cidade já não tem nada e quando apareçe um grupo para realizar eventos desse porte apareçe pessoas invejosas, comprae vai para o show quem pode, em SSA é assim mesmo manda o prefeito patrocinar um evento desses, vai ver quanto custa cada banda dessas vão catar latas

  4. OLHA, SE REALMENTE FOR O MASSINHA QUE ESTÁ A FRENTE DISSO….ELE VEIO PRA CÁ DEPOIS DE ENCHER AS BURRAS DE DINHEIRO EM VITORIA DA CONQUISTA.UM CONSELHO A TODOS: NAO COMPREM NEM CASADINHA NEM DESCASADINHA.DE MIM ELES NUNCA VÃO TIRAR ESSA GRANA.

  5. ATENÇÃO GALERA, ACHO QUE NEM TODOS SABEM DISSO:
    O pior de tudo é que a INTEIRA (para os dois dias) é 89,00, sendo que eles, conforme dito na reportagem, só vendo OS DOIS DIAS JUNTOS. Já a MEIA está custando 60,00 (os dois dias). O argumento deles é que quando o ingresso é MEIA deve ser cobrado o valor do ingresso como se fosse vendido INDIVIDUAL, ou seja, 60,00 CADA DIA.
    Absurdo, porque se os dois dias é 89,00, a meia, como o próprio nome já diz, deveria ser a metade do preço.

  6. Não sou dono da festa, e tambem não faço evento. Só não consigo entender tamanha revolta. Será que Festival de Verão, Rock in Rio, e outros grandes eventos do pais, não diferenciam o valor do passaporte para o ingresso individual? Pelo que sei, eles oferecem um desconto bem atraente para que as pessoas comprem para todos os dias. Onde está o erro? O nome disto é …
    P R O M O Ç Ã O. Não quer a promoção… simples; não compre. Acho que deveríamos nos preocupar com a roubalheira que assola a cidade, o estado, o país. A violência que vitima nossos jovens. A impunidade que reina absoluta. Lutar por melhor educação e saude de qualidade para todos, não somente para quem pode pagar.
    Da Redação: Senhor Revoltado, os grandes eventos citados pelo senhor oferecem ingressos para apenas um dia ou venda casada. Conforme queixa de vários leitores e confirmação de uma central de ingressos, a festa em Ilhéus oferece apenas a venda casada – ou se compra para os dois dias ou não se pode ir à festa. Essa prática é proibida pelo Código de Defesa do Consumidor.

  7. Este povo que promove shows aqui na nossa região FAZ O QUE QUER.
    Desrespeita leis, ignora direitos e etc.
    Alguém precisa dar um basta nisto.
    Estudantes e idosos não conseguem comprar meias e por aí vai. O Ministério Público precisa fazer alguma coisa.
    TODOS TEM QUE CUMPRIR AS LEIS.

  8. Não se enquadra como venda casada! É uma mesma festa em dois dias. É como ocorre em venda de abadás para blocos, pacotes turísticos…
    Venda casada é quando tenta se empurrar um produto agregado ao outro, tipo, só vendo o carro se fizer o seguro!
    Mas, no fim das contas fico com uma frase que ouvi de um cambista: “Festa é luxo, vai quem pode”
    Queria ver essa indignação toda para coisas que realmente importam.

  9. E ai o que fazer ? Chupa toda, disse toda… quem é tiete da Ivete, quem é Chicleteira não fica chorando por uma merreca dessas…tá massa “massinha” só vc mesmo pra trazer alguma coisa que faça ferver o verão de Ilhéus…

  10. Carlos, você falou bobagem. O caso em tela não se compara à venda de abadás para blocos, tanto que estão sendo vendidos dois ingressos, realmente “casados”, para os shows de Ivete e do Chiclete. Fosse uma única festa, para que os dois ingressos? Muito difícil você dizer que não é venda casada, meu querido!

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top