skip to Main Content
29 de março de 2020 | 06:24 pm

JABES MINIMIZA "EFEITO NEGROMONTE" NO PP

Tempo de leitura: < 1 minuto

Jabes: lógica municipal.

O secretário-geral do PP baiano e ex-prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro, tentou minimizar o estrago da exoneração de Mário Negromonte no projeto eleitoral do partido em outubro deste ano. Para ele, a perda do Ministério das Cidades não passará despercebida no cenário baiano, mas acredita que prevalecerão os arranjos (alianças) locais no pleito municipal.
– A lógica das eleições municipais é local, depende mais das articulações e das alianças construídas -, afirmou o político em entrevista ao A Tarde. Jabes, assim, prefere não passar recibo. Porém, o PP baiano não terá mais a força de um ministério como o das Cidades para cortejar possíveis aliados. Afinal, o homem indicado para o lugar de Negromonte é de ala oposta ao ex-ministro.

Esta publicação possui 0 comentários
  1. Agora prevalecem a lógica local e as alianças e articulações construídas é? Uns dias atrás estava arrotando “conversas por cima” e lógicas “gerais”. kkkkkk. jabes robeiro nunca mais… kkkkkkkk

  2. VERGONHA MESMO FOI PARA O EX PREFEITO UBALDO DANTAS.
    AO VER SEU FILHO MAIS VELHO JOÃO UBALDO MERGULHADO NESTE MAR DE CORRUPÇÃO.
    ELE ERA O OPERADOR DE NEGROMONTE.

  3. Os “JABEOTAS” arrotavam em todos os cantos que Jabes Robeiro era aliado de um ministro,agora que o Monte desmoronou tentam minimizar!
    Sei que a coisa ficou feia para esta turma do PP, principalmente na Bahia.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top