skip to Main Content
28 de outubro de 2020 | 03:06 am

AMAURI PEDE MAIS RESPEITO COM A BAHIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Deputados Amauri Teixeira e Geraldo Simões integram coro dos descontentes com o descarte dos baianos do Governo Federal

A manhã desta quinta-feira está  bastante movimentada para dois petistas baianos na Câmara Federal. Logo cedo, o deputado federal Amauri Teixeira (PT/BA), ao lado do deputado Geraldo Simões (PT/BA), iniciavam articulação dentro da bancada baiana para afinar o discurso em prol do “equilíbrio das federações” no Governo Federal. Ontem (14) à tarde, ficou por conta de Amauri abrir o caminho dos descontentes com as exonerações em série dos ministros baianos.
“É claro que exigimos equilíbrio político. A Bahia não é um Estado qualquer! O Nordeste não é uma região qualquer! O Nordeste tem a sua importância e quer ser contemplado também nos cargos, para ter representantes no Governo Federal para aplicar as políticas voltadas para a região. Nós queremos ter representantes da Bahia para aplicar as políticas voltadas para o desenvolvimento da Bahia”, defendeu Amauri.

Esta publicação possui 0 comentários
  1. Saiu na frente, o deputado federal Daniel Almeida, presidente do PCdoB na Bahia,e base aliada da presidente Dilma Rousseff, fazendo as mais duras críticas, à política diferenciada que o governo federal tem dado à Bahia. Ele ocupou a tribuna da Câmara dos Deputados no fim da noite de terça-feira,(13). Deu uma sacudida nos deputados, Aumari Teixeira e Geraldo simões, que sempre chega atrasado. Acorda deputado!!

  2. Mais uma vez, o inespressivo deputado geraldo simões, mais conhecido como Pinóquio devido a grande quantidade de mentiras que verbera, chega atrazado e de quebra, pongando no pescoço de alguém que toma a iniciativa – neste caso, o deputado Amauri Teixeira -.
    Para provar que ele chega atrazado, basta ver o post abaixo publicado aqui mesmo no pimenta:
    EM DISCURSO DURÍSSIMO, DANIEL ALMEIDA COLOCA O DEDO NA FERIDA – E COBRA DILMA
    14/mar/2012 . 10:33 | Autor: Seu Pimenta

  3. Discurso extemporâneo, próprio do baixo clero.
    O próprio Jacques Wagner já declarou que NÃO INDICOU NINGUÉM.
    Este é o (des)governo da Bahia, sob o comando do partido dos que nunca trabalharam, os “sindicalistas” do PT.
    Os homens são especialistas em passeata e no grevismo! governar e fazer obras pra que????

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top