skip to Main Content
1 de março de 2021 | 12:19 am

DILMA VETA EMENDA QUE ROLARIA DÍVIDA DOS CACAUICULTORES

Tempo de leitura: < 1 minuto

Novo veto cria dificuldades para a lavoura.

A presidente Dilma Rousseff vetou emenda que prorrogava para dezembro de 2013 o prazo de pagamento dos débitos de cacauicultores na obtenção de empréstimos. A presidente vetou os artigos 13 e 42 da Lei 11.775, que se referiam à liquidação antecipada das operações de crédito rural e prorrogação do prazo de pagamento das dívidas para o fim do ano que vem.

A legislação de 2008 estabelece medidas de estímulo à liquidação ou renegociação de débitos de operações de crédito do Programa de Recuperação da Lavoura Cacaueira Baiana (PRLCB), cujo risco parcial ou integral é do Tesouro Nacional, Tesouro do Estado da Bahia, da Agência de Fomento da Bahia, do Fundo Constitucional de Financiamento do Nordeste (FNE), do Banco do Brasil e do Banco do Nordeste.

O governo argumenta, entre outros pontos, que a ampliação de negociação já realizada em programas anteriores demandaria novo e excessivo desconto, o que representaria impacto de R$ 2,3 bilhões ao Tesouro Nacional. Além disso, a proposta de prorrogar o prazo geraria dificuldades operacionais e desordem dos processos de renegociação em curso. Informações do Valor Econômico.

Esta publicação possui 4 comentários
  1. O Governo Dilma está fora de órbita!
    É completamente surreal discutir dívidas do falido programa de combate à doença vassoura-de-bruxa na Bahia (o famigerado PRLC).
    As tais dívidas foram compulsoriamente contraídas, não para investimento, mas para combater uma epidemia, dever do Estado!!!
    Estado que tinha o dever de evitar a entrada da doença.
    Doença implantada criminosamente por uma quadrilha de bandidos que,… estavam homiziados num órgão do Estado (a Ceplac)!
    Estas dívidas são absolutamente IMORAIS, e tem 25 anos estrangulando o desenvolvimento da nossa região. Quem tem dignidade não pode defender negociação, mas sim ANULAÇÃO!!!
    Aliás, sobre o crime da vassoura de bruxa e suas consequências nefastas, perguntem a quem entende do assunto: os deputados baixo-clero Josias Gomes e Geraldo Simões!

  2. A dívida foi contraída pelos produtores para colocar em prática o programa de recuperação com a “garantia” da Ceplac que iria acabar com a vassoura e produzir mais de 100@ por hectare. O resultado foi uma merda só!

    Vamos ver se dessa vez o cacauicultores tomem vergonha e parem de puxar o saco de Dilma, Vagner e companhia e finalmente partem para lutar pela anulação. Mas isso é quase impossível de acontecer.como disse Valter Nascimento no documentário o nó, são um monte de bunda mole.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top