skip to Main Content
3 de agosto de 2020 | 08:46 pm

MAYNART OFERECE ÁREA DA CEPLAC PARA UFESBA

Tempo de leitura: 2 minutos
Juvenal Maynart sugere a estação Joaquim Bahiana para o campus da Ufesba

Juvenal Maynart sugere a estação Joaquim Bahiana para o campus da Ufesba

Embora o deputado federal Geraldo Simões (PT) atribua a delírios ébrios a sugestão de instalar cursos da Ufesba na Ceplac, a ideia é considerada plausível pela comissão responsável pelo projeto da instituição.

Nesta sexta-feira, 14,  o superintendente da Ceplac, Juvenal Maynart, apresentou alternativa à sede regional do órgão. Por ele, um bom local para instalar a universidade seria a estação Joaquim Bahiana, que ocupa  área de 110 hectares, às margens da BR 101, em território pertencente ao município de Itajuípe.

Maynart tem dito que não se opõe ao campus da Ufesba na sede regional da Ceplac, na rodovia Ilhéus – Itabuna, mas acredita que a estação Joaquim Bahiana seria um local mais apropriado. Entre outros aspectos, ele afirma que o trecho da BR 415 entre as duas cidades já está por demais sobrecarregado, o que se acentuaria com a instalação da universidade.

Fato é que a comissão liderada pelo ex-reitor da Ufba, Naomar Almeida, fez duas visitas nesta manhã de sábado, 15. Uma, à estação Joaquim Bahiana; a outra, à sede da Ceplac. E, antes que alguma língua ferina comece a coçar, Almeida e os outros membros da comissão estavam todos sóbrios.

Quem defende uma das unidades da Ceplac para receber o campus da Ufesba afirma que haveria vantagens como a utilização de uma estrutura já pertencente à União, o que evitaria gastos de tempo e dinheiro com desapropriações e processo licitatório. A proposta é de que a sede administrativa da instituição de ensino fique em Itabuna, enquanto o campus aproveitaria as instalações pertencentes à Ceplac.

Há quem ache que isso beneficiaria Ilhéus (ou Itajuípe, no caso da Joaquim Bahiana). Outros apostam que Itabuna, por ter seu núcleo urbano próximo das duas unidades, colherá bons frutos de qualquer maneira. O debate é positivo, mas alguns o apequenam. É o caso de um deputado federal que age como vereador. Sem demérito aos que legislam nas câmaras municipais.

Esta publicação possui 51 comentários
  1. Esse povo da ceplac são um bando de sem noção, estão querendo salvar seus empregos de vida boa com altos salários, em uma instituição falida tirando o que já é de direito de Itabuna.
    Essa ceplac tem que ser fechada pois é um atraso para a região e a universidade é de Itabuna e pronto!

  2. Parabéns ao superintendente da Ceplac e ao Professor Naomar. Que enfim estatelem um debate de alto nível sobre esta questão importante para a juventude da região, que é a instalação do Campus em local correto e nao seguindo os caprichos de um derrotado. Há aproveito para ta bem parabenizar o deputado Josias Gomes , que se estava mesmo bêbado quando fez o discurso, provou que até messe estagio, faz as coisas corretas. Ê cachaça boa

  3. SERIA O LOCAL IDEAL POIS JÁ TEM UMA BOA PARTE DA INFRA ESTRUTURA MONTADA, FÁCIL ACESSO E UMA GRANDE AREA DISPONIVEL E SEM USO. INFELIZMENTE TEM MUITOS POLITICOS QUE NUNCA FAZEM NADA E QUANDO APARECE UM QUE FAZ QUER SER O PAI DA IDÉIA. O JOSIAS ESTÁ CORRETISSIMO EM SEU PENSAMENTO.

  4. Com a duplicação da rodovia Ilhéus/Itabuna, o argumento do Sr.Juvenal que já existe uma sobrecarga no eixo Ilhéus/Itabuna não procede. No Municipio de Itabuna não existe local adequado para sediar a UF, entretanto, no território Ilheense, existem diversas opções para localização do Campus e da parte administrativa.

    A pesquisa divulgada recentemente pela FIRJAN, mostrou que Ilhéus caminha a passos largos para ser a segunda economia do Estado da Bahia.

    Enquanto isso, Itabuna continua sendo a primeira em casos de dengue e homicídios de adolescentes no Brasil.

  5. O Senhor Pimenta ficou em débito com os Vereadores do Brasil.
    Nunca se ouviu falar de um só que tivesse sido acusado de destruir uma região inteira, com 80 municípios, como foi o caso da vassoura-de-bruxa!!!

  6. A estação experimental da Ceplac Joaquim Bahiana, como campus da futura universidade, fica localizada numa região que geograficamente atenderá principalmente a Itabuna, Ilhéus, Itajuípe, Uruçuca, Ubaitaba, Coaraci e Aurelino Leal. Basta, para os menos convencidos, uma foto panorâmica de avião, e todos acharão a melhor opção.
    Agora, a visão do deputado Geraldo é pequena e eleitoreira, pois só pensa em recuperar o eleitorado que perdeu em Itabuna.

  7. A estação experimental da Ceplac Joaquim Bahiana, como campus da futura universidade, fica localizada numa região que geograficamente atenderá principalmente a Itabuna, Ilhéus, Itajuípe, Uruçuca, Ubaitaba e Aurelino Leal. Basta, para os menos convencidos, uma foto panorâmica de avião, e todos acharão a melhor opção.
    Agora, a visão do deputado Geraldo é pequena e eleitoreira, pois só pensa em recuperar o eleitorado que perdeu em Itabuna.

  8. Se a estrada Itabuna – Ilhéus não será uma boa opção para sediar a UFESBA, também não será para receber o novo aeroporto, …!!!

    Agora, antes de se tomar uma decisão definitiva, porque o território itabunense não seria capaz de sediar a Universidade, …?!?!?!

    Vamos aproveitar a oportunidade e discutirmos bastante o assunto, …!!!

  9. Como estas pessoas tem a mente pequena!
    Uma universidade quando se instala numa cidade do interior tem que ser vista de uma forma muito mais ampla que apenas um prédio onde vão se formar universitários, o que já é muito bom por sinal.
    Mas a chegada da UFESBA tem que representar muito mais que isso, tem que representar uma reviravolta e a mudança de rumo na sofrida e combalida economia de Itabuna e tem que ser vista como um novo vetor de crescimento tanto de sua estrutura urbana como de sua economia, pois como numa fábrica de carros por exemplo, que ao seu redor se instalam os fornecedores de peças e terceirizadas, com a Universidade com certeza fazer vão surgir novos empreendimentos comerciais e residenciais e consequentemente empregos e renda.
    E é justamente aí que pessoas como o deputado Josias e o diretor da Ceplac Juvenal se equivocam, pois certamente se os pavilhões de aulas forem na Ceplac por exemplo em nada vão favorecer o crescimento de Itabuna, pois estaria em solo Ilheense por exemplo.
    Não se trata de bairrismo, mas sim ao fato de reconhecer que muitos investimentos já estão vindo para Ilhéus, como aeroporto, porto, ferrovia, ZPE, etc e muito melhor será se juntamente com Ilhéus, Itabuna se destaque cada vez mais como pólo educacional e prestador de serviços.
    Isto sem considerar o fato que não deixa de ser menos importante, que são os impostos gerados com tudo que se consumir nesta nova instituição, como telefonia, energia, água, etc, que são fontes de receita de Icms para o município sede.
    Outro fator importante é que a comunidade acadêmica e os indices sociais gerados pela istituição vão ser computados pelo IBGE para o município sede, assim como os salários dos docentes e funcionários, que certamente vão entrar na conta da renda per-capta da sede.
    A UFESBA é nossa !!! A luta foi nossa !!!

  10. PARABÉNS AO PIMENTA
    PIMENTA CONTINUE A ACOMPANHAR DE PERTO TODO O PROCESSO DE ESCOLHA DA ÁREA DO CAMPUS. OBRIGADO PELAS INFORMAÇÕES.

    UNIVERSIDADE DESCENTRALIZADA

    NECESSÁRIO LEMBRAR AO DEPUTADO GERALDO SIMÕES QUE A UNIVERSIDADE É DESCENTRALIZADA.

    A REITORIA EM ITABUNA-SIGNIFICA QUE A ARRECADAÇÃO DOS IMPOSTOS GERADOS, DA RECEITA DE SALÁRIOS E OUTRAS VAI OCORRER A PARTIR DE ITABUNA.

    A CEPLAC DA RODOVIA JORGE AMADO-JÁ ABANDONOU MAIS DE TREZENTOS HECTARES DA ÁREA TOTAL.
    TODA A ÁREA DA PESQUISA DE PECUÁRIA-ENCONTRA-SE ABANDONADA A DÉCADAS-É VISIVEL O ABANDONO-IMÓVEIS FECHADOS-MATO NASCENDO DENTRO DOS IMÓVEIS-
    IMÓVEIS CAINDO AOS PEDAÇOS-BASTA PASSAR NO CURSO DA RODOVIA E OBSERVAR e TIRAR FOTOS.
    É FATO NÃO BOATO.
    TODA A ÁREA DA PECUÁRIA POSSUI MAIS DE DUZENTOS HECTARES-ÁREA PLANA-PASTO PORTANTO NÃO TEM PROCESSO DE LICENÇA AMBIENTAL.
    E PRICINPALMENTE GRATUITA-POIS É DE PROPRIEDADE DA UNIÃO FEDERAL.
    O DINHEIRO QUE SERIA USUADO NA COMPRA DE UMA ÁREA EM ITABUNA PODE MUITO BEM ACELERAR A INSTALAÇÃO DA UNIVERSIDADE DESCENTRALIZADA DO SUL DA BAHIA NA CEPLAC DA RODOVIA JORGE AMADO.
    RODOVIA SERVIDA POR TRÊS EMPRESAS DE TRNSPORTE COLETIVO, DE FACIL ACESSO PARA TODOS OS ESTUDANTES DO SUL DA BAHIA.
    A UESC É UMA PROVA QUE A INSTALAÇÃO NA RODOVIA JORGE AMADO É O MELHOR LOCAL.
    OBRIGADO AO PIMENTA e ao JOSIAS GOMES POR DEFENDER A INSTALAÇÃO NA CEPLAC.
    VAMOS ESPERAR BOM SENSO, MATURIDADE , E QUE A INSTALAÇÃO OCORRA O MAIS RÁPIDO POSSIVEL.

  11. Josois Gomes não é aquele deputado de renunciou ao mandato para não ser cassdo? agora ele que da uma de salvador sa patria em Ilhéus, sem noção, Ilhéus é um atraso de vida a cada mais gente se muda da cidade, Ilhéus tinha até uns anos atrás 250 mil habitantes hoje tem 180 mil e continua caindo..kkkkkk
    a federal é de Itabuna e pronto.

  12. Quanto mais tempo perdermos disputando a localização, mais nossa região perde. Esse espaço precisa ser definido o quanto antes, sem bairrismos. Com o desenvolvimento dos municípios, já temos uma única região metropolitana. Porém, falta ainda unificarmos nossos ideais, para que o desenrolar do processo de implantação da universidade não seja freado.

    Outro detalhe a ser observado na nota é a sigla escolhida para a Universidade Federal do Sul da Bahia. Na audiência desta sexta-feira, a comissão apresentou a instituição como UFSBA, inclusive a minuta disponibilizada traz esse nome. Aexplanação foi muito detalhada, os professores foram atenciosos e responderam a todos os questionamentos. É uma pena que a maior parte da população se interessa mais em picuinhas provincianas do que conhecer o que está sendo arquitetado para nossa região. Quem não pode estar presente, o documento está disponível no link: http://pt.scribd.com/doc/110918658/PROJETO-UFSBA-07

  13. Lá vem a CEPLAC de novo! Uma instituição falida, que encheu a UESC de professores sem nenhum método de ensino, arcaicos e que tem prazer em reprovar os alunos mesmo sendo culpados por não saber passar conteúdo. Agora quer se meter também na UFESBA? Vão procurar o que fazer em suas malditas pesquisas!

  14. O interessante é que o deputado Geraldo Simões havia dito há cerca de tres anos que a Ceplac deveria ser ocupada por uma universidade federal! Ele é mesmo um idiota! Hoje o deputado federal Josias Gomes defende a ocupação OCIOSA da Ceplac, vem esse vendedor de emendas contestar! Somente um imbecil tornará essa discussão xenofóbica! Geraldo morre de medo de Josias e quer impedir seu avanço sobre o ex-território do pinóquio! A dinâmica da politica já escretou Geraldo da cena…

  15. ainda tem gente que diz que ama itabuna jah estão querendo tirar a universidade daqui me dah meu boneh que itajuipe e ceplac que nada tem que ser mesmo eh em itabuna cuidado vane não deixe levar a universidade daqui como fizeram com o atacadão e macro…

  16. Isso tudo é interesse próprio e político,em nenhumm momento pensaram na população regional,não viram de onde se desloca a maioria dos estudantes! q/ sofrem e se ariscam diariamente, chegando em casa tdos os dias dimadrugada,como os estudantes de Jussari,camacan,pau Brasil,Santa Luzia,Arataca S.José da Vitória, Buerarema,os da 415, enfim , sem contar q/ entre Ilhéus Itabuna já existe dois Campus a UESC e a IFBA. Daí o local mais viável seria Itb Br 101 p/contribuir c/ a maioria dos estudantes q/ ficam antes de Itb,pq p/ lá p/ Ios é a menoria.

  17. Minha gente,tanto a Dilma e o Secretário da Educação escolheram Itabuna como cidade para se instalar a Universidade,então é na mesma que a instituição tem que ser instalada,será que é difícil entender isso??Todo mundo querendo se aproveitar da conquista e de muitas lutas que a cidade teve.Acho um absurdo ter um debate de em que localidade deve ser instalada,querendo tirar a conquista e a escolha de Itabuna.Digo mais nada…

  18. essa ideia da BR 101 é bacana…mas ainda acho que o ideal é instalar o campus na região de Ferradas..pq ai a cidade vai finalmente conseguir desenvolver este setor..

    a tempos a cidade tenta crescer para o setor de Ferradas.. se a obra do governo do estado que duplicara a BR 101 até Ferradas sair, ai o acesso vai ficar perfeito..

    E ainda vai ter a universidade dentro se sua área..

    Para a CEPLAC o que resta é o ostracismo..e transformar em EMBRAPA-Cacau

  19. Considero plausível a Joaquim Baiana, sim! Estrura instalada, faltando adaptações, área excelente para pesquisa, além de contar com estrutura viária existente.

    Salve, Salve Juvenal!!!

  20. Acho que esta na hora de acabar com este barrismo besta e arregacar as mangas toda a regiao em torno da escolha da CEPLAC para implantar a nossa tao sonhada Universidade Federal. Nenhum lugar na regiao e melhor e tem estrutura como a CEPLAC. Quem conhece a CEPLAC sabe disso, ou melhor um espaco como aquele praticamente sem utilidade ultimamente.

  21. A UNIVERSIDADE É NOSSA! Ilhéus tem vários kms de praias como atrativo turistico, centro industrial, porto, areoporto, hotéis, UESC, escola técnica federal, sede da polícia federal, ceplac e agora terá o complexo intermodal com ferrovia e um novo porto. O único empreendimento que virá para Itabuna, Josias Gomes quer desviar para Ilhéus, por simples intriga com Geraldo Simões. 2014 vem aí, e certamente nós itabunenses nos lembraremos na hora de votar. Entendeu Sr. Josias?

  22. Daqui uns dias ilhéus vai querer até metade de Itabuna…Já não basta a UESC agora tá querendo mais o que?

    Essa federal tem que ser é dentro de Itabuna pra acabar logo com isso.

  23. Acho ridículo itabunenses, no caso o blog Pimenta, defender que a UFESBA seja fora dos limites da cidade de Itabuna. O governo federal não precisa de fazer economias para instalar a Universidade e a sua implantação não precisa ser feita nas “carreiras” como muitos querem. Merecemos sim UFESBA e se isso for bairrismo, que seja.

  24. perfeito , o local se no municipio de Itabuna ou Ilheus no caso a CEPLC pouco importa, o dinheiro é publico e tem que ser usado de forma que o resultado seja maximizado, enfim uma destinação corrta para um ativo que hoje está sub utilizado. Não fiquem ouvindo Geraldo , logo ele será vereador de Itabuna , terá mais chance agora que passarma para 21 veradores

  25. Seria uma boa idéia, já que a CEPLAC hoje é um “elefante branco” com vários prédios desertos e vazios.A administração da UFESBA poderia ser naquele prédio, também da CEPLAC, perto do Grapiúna Tenis Clube.

  26. Hoje leio uma das melhores noticias que eu recebi esse ano, ótimo ver que o movimento que comecei há algum tempo está tomando corpo e que hoje já conta com algumas autoridades a proposta não é um delírio como eu escutei muito e hoje posso afirma que não é mais um sonho solitário, essa noticia vai para os pessimistas que tentaram me desmotivar, como diria Raul dos Santos Seixas “Queira, basta ser sincero e desejar profundo e você será capaz de sacudir o mundo, tente outra vez”, “Não ache que a cabeça aguenta se você parar”, “Não diga que a vitória está perdida, se é de batalha que se vive a vida”
    Entreguei em mãos nosso pleito a senadora Lídice da Mata presidente da comissão de educação no Senado Federal, por intermédio da nossa prefeita eleita Gilka Badaró, foram enviados documentos para o presidente da comissão de implantação da UFESBA o vice-reitor da UFBA, já foi até entregue ao atual prefeito de Itabuna.
    Aos Itabuneses que acham que queremos tomar a UFESBA de Itabuna saibam que não se trata disso, a universidade continua sendo de Itabuna, só que em uma instalação já pronta, com prédios construídos, laboratórios, área administrativa, água, luz, telefone, internet, localizado na beira da BR 101 com ponto de ônibus nas duas direções da pista na frente da sua instalação, área de reserva ambiental já definida, com 110 hectares é 4 vezes maior que a UESC, além de ser mais central e atender a maioria das cidades da nossa região que é o objetivo maior da vinda da universidade para o sul da Bahia, atender o maior número de cidades possível.
    Sem as necessidades que as outras opções sugeridas tem, a instalação na Joaquim Bahiana economizará tempo e dinheiro para a conclusão da obra, sem enfrentar problemas ambientais, sem desmatar mata virgem, sem piorar o já caótico transito de Itabuna, além disso, a Joaquim Bahiana preenche os requisitos que o ministro da educação Mercadante defende para a reitoria da UFESBA.
    (“A MELHOR UNIVERSIDADE NÃO ESTÁ NAS GRANDES CIDADES”, “A NOVA EXPANSÃO ALÉM DE TER QUE INTERIORIZAR O DESENVOLVIMENTO PORQUE NÓS TEMOS QUE LEVAR A ONDE NÃO TEM, A UNIVERSIDADE MUDA A QUALIDADE DO DESENVOLVIMENTO. LUGARES AGRADÁVEIS AMBIENTALMENTE COM BELEZA, NATUREZA, TRANQUILIDADE, TALVEZ SEJA A EXPANSÃO MAIS PROMISSORA PARA A EDUCAÇÃO, PARA ONDE DEVEMOS MANDAR OS NOSSOS JOVENS, FORA DA CONFUSÃO DO TRANSITO, DAQUELE CAOS, DAQUELA TENÇÃO, PARA QUE ELES SE DEDIQUEM REALMENTE”)

    Vejam vídeo.
    https://www.pimenta.blog.br/2012/03/15/novo-ministro-da-educacao-defende-sede-da-ufesba-em-porto/

    “Devemos levar a universidade onde não tem” Diz Mercadante e eu acho justo que tenhamos uma universidade mais próxima as nossas cidades.
    E o ponto que eu acho mais importante e que me parece nunca ter passado pela cabeça dos itabunenses que é expandir para o lado da BR 101, desde criança que eu vejo uma briga tola, ferrenha e sem noção entre Itabuna e Ilhéus por meio metro de chão, hoje mais acentuado pela briga do Atacadão / Makro, vejam que com a Instalação da UFESBA na Joaquim Bahiana, forçará o crescimento de Itabuna para o lado em que ela pode crescer, são 13 Km na beira da Br 101 que liga Itabuna a Joaquim Bahiana, para Itabuna se consagrar como a maior cidade do sul da Bahia esse será um passo necessário, pois o crescimento da cidade nessa direção será natural.

  27. Acabou a discussão!!!!!!!!

    fonte fidedigna informou direto de brasília que realmente o Campus será em Ilhéus, na sede regional da Ceplac,devido a ociosidade do órgão,mas sobretudo por uma questão econômica e de melhor localização,além do que o funcionamento será antecipado em 2 ou 3 anos,todavia é claro a reitoria ficará em Itabuna e com isso os impostos gerados pela folha de pagamento,luz,energia,água e telefone serão gerados a partir de Itabuna.População de Itabuna se acalmem,o campus apenas estará em território Ilheense,mas ficará pertinho,mas perto do que a ceplac de itajuípe gente.parem de besteira!!!!!!!!!!!deixa esse campus em Ilhéus mesmo e pertinho do centro de Itabuna isso vai ser ótimo para nossos filhos e netos itabunenses!!!

  28. Se não quiserem a área da CEPLAC, que é o melhor local, Itabuna perderá uma grande oportunidade, enquanto a vizinha Ilhéus não perderá em nada, haja vista que esta região da cidade de Ilhéus é a mais disputada no momento para empreendimentos, e logo em breve estará sendo ocupada. Aqui em Itabuna não tem local adequado vamos deixar de se achar único polo regional, e crescer ambos municípios juntos.

  29. Não é picuinha e nem bairrismo e sim o defender de um povo que somos nois(Itabunenses) de um bem conquistado e vinda de muitas lutas,mas agora já realizado esse sonho alguns políticos querem tirar facilmente?depois de muita luta?.Temos sim que defendermos nossos interesses,e por que não a UFSBA ser instalada em Itabuna?Vc acha que se alguma outra cidade,por exemplo Vitória da Conquista se tivese essa mesma conquista que a nossa eles deixariam ela ser instala em outra cidade?em Jequié por exemplo?Ou o Campus de Teixeira de freitas for transferido para itamaraju,o até mesmo o Campus de Porto Segura fosse transferido para Eunápolis?Acho muito difícil a população dessas respectivas cidades tbm aceitar essa troca,ou seja,nunhuma cidade quer perder uma oportunidade de sediar uma Instituição como essa.Acho SIM palhaçada essa ideia de querer tirar a UF do território de nossa cidade e querer coloca-la em outra,pois se fosse assim não anunciariam Itabuna como cidade-sede da Reitoria e do Campus.E digo mais,existem certas pessoas,inclusive este BLOG que reclamam que Itabuna não tem lazer,cultura entre outras coisas e são essas mesmas pessoas que defendem que a UF saia da cidade,vai entender.rsrs

  30. Penso q a questão n é se Ilhéus ou Itabuna mas sim, o melhor local. A área da CEPLAc está adequada para a instalação da universidade; pertence a todos nós. E por favor, esqueçam o meia tijela, o desmoralizado incompetente.

  31. Essa universidade tem que vir pra Itabuna.
    Ilhéus já tem foi contemplada com grandes projetos.
    Itabunenses que criticam Geraldo, defensor da vinda pra Itabuna, deviam repensar ou pensar apenas um pouquinho nisso.

  32. O blog Pimenta na Muqueca, pelos artigos publicados sobre a instalação da UFESBA, deixa claro e óbvio que torce contra seu campus em Itabuna!!

    Não sou a favor do “bairrismo”, mas dessa vez concordo com a víúva carlista, porque não pode ser no território itabunense??

  33. Se, segundo Josias e Juvenal, a Ufesba pode ficar na sede regional da Ceplac, isso significa que a Ceplac é um órgão inútil, que pode ser fechado sem prejuízo para ninguém. É isso?

  34. AGORA SIM,SEI QUE A UNIVERSIDADE FEDERAL VEM OUTRA BOA IDEIA O ESCRITORIO DA CEPLAC,SÓ SI TIVER ALGUMA CONSTRUTORA QUERENDO GANHAR MUITO DINHEIRO ATE2017

  35. Tanto o governo e os povos todos estão voltados para o mesmo pensar: Querem combate a pobreza, a fome, querem saneamento, pavimentação, educação, saúde e desenvolvimento regional, tai a oportunidade ideal,segundo o professor Naomar Monteiro a UFESBA será uma máquina de inclusão social, sem perder a excelência acadêmica”. Fica claro que a região de Ferradas alem de ser território de Itabuna seria bastante beneficiada.
    Portanto se o desenvolvimento não chega pelo amor, então que chegue pela dor ou necessidade.
    Quanto ao superintendente da Ceplac, Juvenal Maynart é melhor não leva-lo a serio, pois mostrou mais uma vez ser oportunista com opinião dúbia. Um dia discursa declamando que traria a Ceplac a sua real Importância, noutro apequena a Ceplac a oferecendo como se fosse sua a ponto de esquecer o prometeu.

  36. Joaquim Baiana é uma opção bem plausivel. Vai chamar investimentos para uma aréa de 14 km nas margens da br 101. Conversa com a Prefeita de itajuipe que ela sede uns 800 metros do territorio para itabuna já que a sede está entre 3 municipios.

  37. Essa disputinha por território é uma piada.Isso só prejudica a região.Itajuípe,Itabuna, Ilhéus, Buerarema e outros pequenos municípios próximos, logo serão uma mesma cidade, pois serão ligados uns aos outros.Portanto será irrelevante onde vai ficar essa universidade.

  38. JÁ QUE O DIRETOR DA CEPLAC QUE CONTRIBUIR PARA O ACELERAMENTO DA UNIVERSIDADE FEDERAL EM ITABUNA,PEÇO QUE CEDA AS INSTALAÇÕES QUE FICA PRÓXIMO DO GRAPIÚNA TÉNIS CLUBE,JÁ QUE EXISTEM UM DESEJO QUE COMECEM NO PRÓXIMO ANO.

  39. Acorda povo de Itabuna. Não se enganem, caso só a Reitoria fique em Itabuna, no futuro no intuito de agilizar os processo e por pressão dos usuarios será transferida para onde está localizada o espaço fisico da Universidade
    Ab disse “fica localizada numa região que geograficamente atenderá principalmente a Itabuna, Ilhéus, Itajuípe, Uruçuca, Ubaitaba, Coaraci e Aurelino Leal” e os outros do lado de cá
    Itapé,Ibicarai,Floresta Azul,……. e Buerarema, Santa Cruz da Vitoria ……..Arataca, Camacan, zona rural, Como ficam?????

  40. “Itapé,Ibicarai,Floresta Azul,……. e Buerarema, Santa Cruz da Vitoria ……..Arataca, Camacan, zona rural, Como ficam?????”
    Bem pensado…Ilhés já tem a UESC chega de palhaçada e Essa ubnivesidade tem que vir para outros lados.
    E colocar o nome de JORGE AMADO!
    Querendo ou não,Há muito tempo Geraldo Simoes luta por essa universidade.todos sabemos…Josias quer pegar carona,cai fora urubu!

  41. Eitha gentalha, essa turma, que temporariamente oupam espaços na futura grande região metropolitana do Sula da Bahia. Só vindo de vez essa Universidade para ajudar a melhorar um pouco o entendimendo poltico-social dessa cambada de analfabetos de péssima vontade.

  42. A implantação da ‘Ufesba’ na Estação Joaquim Bahiana seria ideal por vários motivos. Dentre eles, centralização. Sobre esta proposição entregamos a Senadora Lidice da Mata (PSB),membro da Comissão de Educação no Senado documentação com as informações do local. Temos plena certeza que o MEC vai avaliar o local, É bom lembrarmos: a ‘Ufesba’,não é conquista de um só grupo, uma só cidade, uma só pessoa, sim de um povo; um instrumento de transformação social que do meu ponto de vista deve ser instalada onde promova inclusão. Parabenizo este blog, por provocar o debate, diga se de passagem de extrema importância, salutar para a democracia.

  43. Não concordo com ideia que a discussão do local, seja uma questão de bairrismo e sim estratégica para o desenvolvimento da cidade. Portanto é fundamental que seja em Itabuna. Não vi comentários sobre as condições desses prédios, acessibilidade entre outros aspectos. Merecemos uma universidade moderna, nova e principalmente pensada para o futuro, fato que não visualiza- mos em nada na cidade de Itabuna.

  44. Concordo plenamente que a UFESBA seja instalada no local da CEPLAC, usando parte do terreno seja no CEPEC ou na br 101.Só que como a CEPLAC foi construída com o suor e dinheiro do cacauicultor, acho que ao mesmo se deve dinheiro ou ao menos respeito. O cacauicultor deveria ser anistiado das “dívidas” que foram causadas a partir do crime de terrorismo biológico confirmado pela Polícia Federal no inquérito conclusivo de n° (2.169/2.006-DPF.B/ILS/BA),isso apenas para começar a ser ressarcido dos prejuízos causados por esse crime, crime esse muito provavelmente cometido por funcionários públicos federais que ainda continuam no poder e falando de cacau.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top