skip to Main Content
8 de agosto de 2020 | 05:29 pm

PAIXÃO BARBOSA NA COMUNICAÇÃO EM ILHÉUS

Tempo de leitura: < 1 minuto

O prefeito de Ilhéus, Jabes Ribeiro (PP), anunciou há pouco sua equipe de governo, em coletiva no plenário da Câmara de Vereadores. Uma das boas surpresas do time foi a escalação do experiente jornalista Paixão Barbosa para comandar a recém-criada Secretaria da Comunicação. Paixão é filho de Coaraci e vem atuando há décadas na imprensa da capital baiana, com mais de 30 anos dedicados à redação do jornal A Tarde.

Os outros nomes da equipe são: Carlos Machado de Andrade Filho (Indústria e Comércio), Marco Antônio Carmo (Fazenda), Joaquim Bastos (Planejamento), Otávio Augusto Carmo (Procuradoria Geral), Isaac Albagli (Desenvolvimento Urbano), Sebastião Vivas (Agricultura e Pesca), Jailson Nascimento (Relações Institucionais), Alcides Kruschewsky (Turismo), Antônio Vieira (Meio Ambiente e Urbanismo), Marlúcia Rocha (Educação), Ledívia Ferreira (Saúde), Paulo Ato (Fundação Cultural), Frederico Cavalcante de Andrade (Maramata), Jamil Ocké (Desenvolvimento Social), Ricardo Teixeira (Administração) e Vítor Roberto da Veiga (Chefe de Gabinete).

Esta publicação possui 9 comentários
  1. Não gostei, isso não é justo, meu querido amigo Fabio Barreto (barretinho) ficou de fora, Jabes começou mal, todos nós tinhamos como certo que barretinho seria secretario de segurança de Ilhéus e agora amigo?

  2. Amigo, obrigado pela consideração. Mas, JR escolheu Paulo Atto, de Salvador e não Pawlo Cidade. Como de costume, não valorizou os profissionais locais, sobretudo da Cultura que deu um salto muito grande na sua estrutura.

    Da Redação: Desculpe-nos pelo erro, Pawlo. Retificação feita.

  3. Não gostei. Faltaram figuras de proa do jabismo. Brandão, henrique meleca, césar cão, gica, zugaib, romualdo, zé victor, jadon, fábio barreto, raul profeta, ribeirinho…..

  4. Esse Pawlo Cidade ocupa cargo no atual governo desastroso e ainda queria ser presidente da Fundaci. Perdeu grande oportunidade de ficar calado, pois ele sabe que Jabes foi quem mais fez pela cultura. Creio que ele até poderia ocupar uma diretoria, mas diante da sua reação, ele deve retornar ao seu posto na secretaria de serviços urbanos.

  5. Trata-se de um profissional muito gabaritado e bastante ético. Um dos melhores que conheço. Quem ganha com isso é o município de Ilhéus. Jorge Amado agradece.
    Luiz Tito.

  6. Jabes Ribeiro vira a cara para a Cultura e o Jornalismo.Não desmerecendo os profissionais que foram indicados, mas temos nomes na região à altura. Como de costume, não valorizou os profissionais locais. Alcides Kruschewsky, ficha suja, impôs seu nome a pasta de Turismo. Jailson também ficha suja foi premiado com uma secretaria. Pergunto : pode um ficha suja ocupar cargo público? Se ele não pode concorrer por que pode ocupar uma secretaria!

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top