skip to Main Content
24 de junho de 2021 | 02:26 pm

POLÍCIA SEM PISTAS DE GRUPO QUE MATOU HOMEM POR CAUSA DE R$ 12,00

Tempo de leitura: < 1 minuto

A polícia ainda não prendeu o autor de um crime bárbaro ocorrido ontem (17) em um sítio localizado às margens da BR-101, entre Itabuna e Buerarema, sul da Bahia. Um grupo de comerciantes bebia, quando houve desentendimento por causa de R$ 12,00. O homem que ateou fogo na vítima, identificada apenas pelo prenome João, teria roubado o dinheiro.

Após a discussão por causa do dinheiro, a vítima foi agredida pelo grupo com socos e pontapés. O grupo, segundo o caseiro do sítio, amarrou a vítima, jogou querosene e depois ateou fogo no corpo de João. De acordo com relato feito ao portal G1, os acusados são três homens e duas mulheres que vendem artigos do artesanato sul-baiano. Todos fugiram depois do crime. Ninguém ainda foi preso.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top