skip to Main Content
24 de setembro de 2020 | 05:44 pm

PROIBIDO ULTRAPASSAR

Tempo de leitura: < 1 minuto

Ricardo-Machado-300x221Na apuração dos empréstimos consignados, o secretário da Administração de Ilhéus, Ricardo Machado, avisa que haverá um levantamento detalhado sobre o comprometimento de cada servidor com as dívidas. A intenção é evitar que o funcionário destine mais de 30% de seu salário para quitar as parcelas, o que é proibido.
“Faremos o desconto e o consequente repasse das parcelas, respeitando esse limite máximo de 30% do rendimento bruto do servidor, definido pela legislação. O que passar disso, deverá ser negociado diretamente pelo trabalhador com a respectiva instituição bancária”, adverte Machado.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top