skip to Main Content
16 de abril de 2021 | 03:25 pm

QUE ESTA AÇÃO SEJA PERMANENTE

Tempo de leitura: 1 minuto
Setran realiza ação educativa (foto Pedro Augusto)

Setran realiza ação educativa (foto Pedro Augusto)

A Secretaria de Transportes e Trânsito de Itabuna iniciou nesta segunda-feira, 28, uma ação que sem dúvida é extremamente necessária, mas sempre foi negligenciada: a de exigir uma atitude cidadã e civilizada de quem trafega pelas ruas da cidade.

Embora muitos acreditem que a ação com adultos não deva ser educativa (educam-se as crianças), mas punitiva, justifica-se começar o trabalho pela orientação, até para evitar que muitos aleguem ter sido pegos desprevenidos. Muito embora o Código de Trânsito esteja em vigor há mais de 15 anos.

A lei, que exige uso de cinto de segurança nos carros, por exemplo, é solenemente ignorada em Itabuna. Criou-se, na verdade, um costume contra a lei, o que não pode ser tolerado.

Que o próximo passo da Setran seja realmente punir os infratores, já que é essa condição – de instrumento coercitivo – que faz a lei ser a lei e não um mero conselho ou regra de boas maneiras. Os que não se enquadrarem, portanto, que sintam no bolso, pois só assim mudarão.

Vale o mesmo para o respeito às faixas de pedestres (aliás, a maioria precisa ser reavivada), para a proibição de estacionar sobre os passeios, avançar sinal vermelho ou parar em fila dupla. Respeitar o espaço público é algo que muitos itabunenses ainda precisam aprender. Há uma forte carência de cidadania em Itabuna e no trânsito ela é bem evidente.

Esta publicação possui 0 comentários
  1. Que sejam reeducados também os motociclistas que insistem em não obedecer sinais de trânsito…. ultrapassam pela direita, serpenteiam nas vias, não dar a preferência em rótulas e aclives.

  2. Começando errado e pior pelo mais fácil o sempre penalizado usário de veículos e depois as multas …. dinheiro entra e vai para onde?não deveria reverte-lo no sistema de trânisto. Pergunto: Para lei ser cumprida deveria partir da premissa que o poder público cumpre a sua parte primeiro?. Vamos lá : Há quase diariamente mortes,atropelos e sequelados politraumatizados no trânsito de Itabuna, principalmente por um grande número de assasinos de pilotam as motose descuprem a lei. Isso todos sabem,por falta de uma simples sinalização vertical,horizontal,semáforica, placas indicativas de direcionamento e informativas ,falta agentes de trânsito, equipamentos, radares, fotosensores .. Haviamos muito tempo a zonas azuis – o que sou contra- para onde foi o dinheiro arrecadado? cade e um re-estudo com profissinais de engenharia de tráfego para redimensonar as vias,mudar vias, adequar ao perfil do nosso trânsito atual. Pois é não querem gastar, querem primero “educar” depois penalizar. E nos usuários do sistema de trânsito multamos quem por falta deste descuprimento da lei? o Secretário? O Prefeito? Pois é não podemos admitir dois pesos duas medidas..

  3. Parabéns ao secretário e seus colaboradores pela iniciativa de fazer valer o que a lei determina.
    Cabe salientar, que a maioria dos próprios agentes de trânsito, não todos, dirigem sem cinto de segurança, assim como policiais, etc. Quem vai fiscalizar eles?

  4. O que esta precisando em Itabuna é uma ação contra os condutores tambem de bicicletas que trafegam no meio da rua em tempo de haver uma tragédia. Na Princesa Isabel fica impossivel do carro passar por causa de inumeras bicicletas que deveriam esta na ciclovia. Vamos acordar para isso também.

  5. Os politicos vão começar a pagar pelo DERRAME de carteiras que ELES fizeram durante os últimos anos… Em troca de voto, despejaram um batalhão de gente DESPREPARADA E INÁBIL nas ruas, colocando em risco nossas vidas! Agora vem a lei do retorno, corrigir a imbecilidade dos corruptos e irresponsáveis…

  6. A minha mensagem é dirigida especicamente aos AGENTES DE TRANSITO DE ITABUNA:
    1 – Que os Senhores Agentes se distribuam pelas várias ruas da cidade, principalmente naquelas de maior fluxo de veiculos, a exemplo da Inácio Tosta, Cinquentenário, Praça Adama, Camacan, transversais da Amelia Amado, rotula do São Caetano, proximadades do Shopping, enfim, deixem de ficar apenas entre os quarteirões da Cinquentenário trecho Bradesco ao Danúbio Azul da Camacan, pois é justamente nesse trecho que todos eles ficam batendo papo e falando ao celular;
    2 – Que o governo do municipio procure dar satisfação a sociedade com relação aos mais de 2 milhões arrecadados no governo do Capitão Azevedo com a industria das multas e que jamais soubemos o que foi feito, além, é claro, do enriquecimento do ex-secretário Wesley Melo;
    3 – Que antes de penalizar os infratores (motoristas, motoqueiros, bicicleteiros, carregador de carro de mão, vendedor de uvas, catador de papelão), antes mesmo de aplicar as sanções nesses barnabés que invistam em sinalizações horizontais (principalmente) e verticais, pois quem quer receber decentemente, antes tem de oferecer, portanto, que o governo e o tal secretário delegado de transporte faça primeiro a sua parte, é assim que funciona diante das Leis;
    4 – Além de sinalizar as ruas de Itabuna, deveriam também tapar os buracos, colocar placas avisando direcionamentos do tipo contramão, páre e etc., e mais importante, policiar as nossas artérias contra roubos de carros que está virando rotina em nossa cidade devido a falta de policiamento e até mesmo de agentes de transito que até agora nada disseram para que ficam fardados no centro da cidade.
    5 – Que seja exigida o cumprimento da Lei, sou 100% a favor, mas também vamos educar e orientar os Agentes de Transito que a meu ver todos são despreparados, mal educado, grossos, e se tiver uma diferença com algum motorista, pronto, este será multado dez vezes por dia até por passar com o carro ligado (funcionando).
    Que a regra seja geral, espero ver a Lei sendo cumprida para todos, incluindo, pobre, preto e puta, além de delegado, prefeito, secretário, diretor, e até vereador ceguinho.

  7. Parabenizo o secretário pela ação. Entretanto, o sr José Carlos tem toda razão. O TRÂNSITO É REGIDO POR ESSE TRIPÉ ENGENHARIA/EDUCAÇÃO/FISCALIZAÇÃO.
    O QUE DEVE SER OBSERVADO EM ITABUNA.
    Art. 61. A velocidade máxima permitida para a via será indicada por meio de sinalização, obedecidas suas características técnicas e as condições de trânsito.
    § 1º Onde não existir sinalização regulamentadora, a velocidade máxima será de:
    I – nas vias urbanas:
    a) oitenta quilômetros por hora, nas vias de trânsito rápido:
    b) sessenta quilômetros por hora, nas vias arteriais;
    c) quarenta quilômetros por hora, nas vias coletoras;
    d) trinta quilômetros por hora, nas vias locais;
    VIA DE TRÂNSITO RÁPIDO – aquela caracterizada por acessos especiais com trânsito livre, sem interseções em nível, sem acessibilidade direta aos lotes lindeiros e sem travessia de pedestres em nível.
    VIA ARTERIAL – aquela caracterizada por interseções em nível, geralmente controlada por semáforo, com acessibilidade aos lotes lindeiros e às vias secundárias e locais, possibilitando o trânsito entre as regiões da cidade.
    VIA COLETORA – aquela destinada a coletar e distribuir o trânsito que tenha necessidade de entrar ou sair das vias de trânsito rápido ou arteriais, possibilitando o trânsito dentro das regiões da cidade.
    VIA LOCAL – aquela caracterizada por interseções em nível não semaforizadas, destinada apenas ao acesso local ou a áreas restritas.
    Obs: Em Itabuna não há uma via caracterizada como trânsito rápido. Entretanto, os veículos trafegam com velocidade permitida apenas para esse tipo de via.
    Exemplo na avenida Princesa Isabel a velocidade seria 60 km/h.
    ISSO OCORRE? NÃO.
    DIZIA O SECRETARIO ANTERIOR QUE A CULPA ERA DOS MOTORISTAS MAL EDUCADOS QUE NÃO RESPEITAM A LEGISLAÇÃO. NEGATIVO
    QUEM DETERMINA A VELOCIDADE É O ÓRGÃO (SETTRAN). NESSA VIA HÁ PLAVAS DE REGULAMENTAÇÃO DE VELOCIDADE?
    NAS ESTATISTICAS DE ACIDENTE O EXCESSO DE VELOCIDADE É UM GRANDE VILÃO.
    *****************************************************************
    CAPÍTULO IV
    DOS PEDESTRES E CONDUTORES DE VEÍCULOS NÃO MOTORIZADOS
    Art. 68. É assegurada ao pedestre a utilização dos passeios ou passagens apropriadas das vias urbanas e dos acostamentos das vias rurais para circulação, podendo a autoridade competente permitir a utilização de parte da calçada para outros fins, desde que não seja prejudicial ao fluxo de pedestres.
    § 1º O ciclista desmontado empurrando a bicicleta equipara-se ao pedestre em direitos e deveres.
    § 4º (VETADO)
    Art. 70. Os pedestres que estiverem atravessando a via sobre as faixas delimitadas para esse fim terão prioridade de passagem, exceto nos locais com sinalização semafórica, onde deverão ser respeitadas as disposições deste Código.
    Parágrafo único. Nos locais em que houver sinalização semafórica de controle de passagem será dada preferência aos pedestres que não tenham concluído a travessia, mesmo em caso de mudança do semáforo liberando a passagem dos veículos.
    Art. 71. O órgão ou entidade com circunscrição sobre a via manterá, obrigatoriamente, as faixas e passagens de pedestres em boas condições de visibilidade, higiene, segurança e sinalização.
    PERGUNTA AO POVO DE ITABUNA.
    A GESTÃO ANTERIOR ATENDEU AO QUANTO PRECEITUA O ARTIGO 71 DO CÓDIGO DE TRÂNSITO BRASILEIRO?
    A TINTA VIÁRIA USADA PARA PINTAR AS FAIXAS ERA DE MÁ QUALIDADE QUE SE APAGAVA COM 90 DIAS
    CAPÍTULO VI
    DA EDUCAÇÃO PARA O TRÂNSITO
    .
    Art. 75. O CONTRAN estabelecerá, anualmente, os temas e os cronogramas das campanhas de âmbito nacional que deverão ser promovidas por todos os órgãos ou entidades do Sistema Nacional de Trânsito, em especial nos períodos referentes às férias escolares, feriados prolongados e à Semana Nacional de Trânsito.
    § 1º Os órgãos ou entidades do Sistema Nacional de Trânsito deverão promover outras campanhas no âmbito de sua circunscrição e de acordo com as peculiaridades locais.
    § 2º As campanhas de que trata este artigo são de caráter permanente, e os serviços de rádio e difusão sonora de sons e imagens explorados pelo poder público são obrigados a difundi-las gratuitamente, com a freqüência recomendada pelos órgãos competentes do Sistema Nacional de Trânsito.
    OBS: AS CAMPANHAS DEVEM ACONTECER DE MANEIRA PERMANENTE.
    A GESTÃO ANTERIOR FEZ ISSO?
    ******************************************************************************Art. 244. Conduzir motocicleta, motoneta e ciclomotor:
    I – sem usar capacete de segurança com viseira ou óculos de proteção e vestuário de acordo com as normas e especificações aprovadas pelo CONTRAN;
    II – transportando passageiro sem o capacete de segurança, na forma estabelecida no inciso anterior, ou fora do assento suplementar colocado atrás do condutor ou em carro lateral;
    III – fazendo malabarismo ou equilibrando-se apenas em uma roda;
    IV – com os faróis apagados;
    V – transportando criança menor de sete anos ou que não tenha, nas circunstâncias, condições de cuidar de sua própria segurança:
    Infração – gravíssima;
    Penalidade – multa e suspensão do direito de dirigir;
    Medida administrativa – Recolhimento do documento de habilitação;
    VI – rebocando outro veículo;
    VII – sem segurar o guidom com ambas as mãos, salvo eventualmente para indicação de manobras;
    OBs: o que significa que não tenha, nas circunstâncias, condições de cuidar de sua própria segurança:
    Exemplo: Um carona sendo transportado em uma motocicleta que possua deficiência em um membro superior ou inferior, pois precisaria colocar os pés nos pedais e as mãos na alça.
    Veja a diferença no automóvel para motocicleta com relação a lei seca. No automóvel o condutor não poderá ingerir bebida alcoólica. Entretanto, na motocicleta alem do condutor, o carona não poderá estar bêbado ou seja não terá condições de prover a sua segurança e colocando em risco a vida do condutor.
    Enviado por ANTONIO FILHO

  8. Em Itabuna precisa urgente de uma fiscalização maior sobre as motos que trafegam na cidade, pois os condutores não obedecem as placas e as sinaleiras, deveria ter nas sinaleiras radares, para poder inibir, pois é raro ver um motociclista parado em um sinal de Itabuna, oferecendo riscos aos pedestre que estão atravessando a rua. E outra coisa é a BLITZ que a AGERBA faz sempre a mando da ROTA, e agora com a ajuda do DETRAN, pois ontem eu vinha de Ilhéus e um carro com placa da Camacã parou na UESC e deu carona a alguns estudantes, e esse mesmo carro foi parado na BLITZ e acusado de está fazendo transporte clandestino. isso é uma vergonha agora não podemos dar carona a ninguém no nosso carro. Será que Sargento Gilson (chefe do DETRAN) também entrou na onda da AGERBA e está recebendo dinheiro da ROTA ? peguntar não ofende.

  9. LOUVAVEL ESSA AÇÃO DA SETRAN, MAS ITABUNA ESTA PRECISANDO DE INICIATIVAS EMERGENCIAS INCISIVAS EM RELAÇÃO AO TRANSITO SELVAGEM DESSA CIDADE. TA NA HORA DE RESPEITAR OS PEDESTRES NESSA CIDADE, CONSTRUINDO PASSAGENS ELEVADAS DE PEDESTRES EM TODA REGIÃO CENTRAL DA CIDADE, CADÊ OS SEMAFAROS QUE TAMBÉM DÊ TEMPO DO PEDESTRE ATRAVESSAR UMA RUA, PQ ATE ENTAO, SO HA PRIORIDADE PARA OS CARROS, OS PEDESTRES SE ARRISCAM EM MEIO AOS CARROS E MOTOS. SOU CONDUTOR DE CARRO AQUI, QUANDO PARO NA RUA PARA ALGUEM ATRAVESSAR, LIGANDO O PISCA ALERTA PARA OS EXTRESSADINHOS NAO BATER NO FUNDO DO MEU CARRO, RECEBO MILHARES DE BUZINADAS E PALAVROES, COMO SE PEDESTRE NAO TIVESSE VEZ. ESSAS DUAS AÇÕES É O MINIMO E QUE DEVERIA SER EMERGENCIAL.

  10. Realmente, é melhor prevenir do que remediar. Fica ai o exemplo o caso de Santa Maria.
    Em relação ao cinto de segurança, é uma responsabilidade individual, nao existe desculpa para o motorista nao usar.
    Ocorre que em relação a outras coisas é absurdamente impossível o poder público cobrar.
    Parar antes das faixas. Que faixas? Nao dá p ver quase nenhuma.
    Esses dias tive que passar por cima de um passeio no Sao Caetano pois havia uma enorme cratera na rua. Será que eu seria multada?
    Respeitar sinal no centro, principalmente na parte daquela obra rídicula que o (graças a Deus) ex-prefeito executou é bem difícil pois não dá para entender aquele transito.
    Outra coisa: esses homens da SETRAN precisam de educação. Infelizmente é assim, aquele que nunca teve nada, consegue um “poderzinho” qualquer, se acha a “rainha ca cocada preta” e sai por ai se sentindo que a autoridade suprema da rua e se achando acima do bem e do mal, sem nenhum trato na hr de conversar com os motoristas.
    E OS FLANELINHAS? NINGUEM VAI TER PEITO PARA FAZER NADA NAO?!
    CADÊ A CORAGEM DO PODER PÚBLICO PARA TOMAR UMA SOLUAÇÃO QUANTO A ESSA SITUAÇÃO RIDÍCULA QUE TEMOS QUE PASSAR TODOS OS DIAS? É UM ASSALTO VELADO E CONSENTIDO. SE NAO DERMOS DINHEIRO A ELES, NÓS TEMOS A CERTEZA QUE TEREMOS NOSSOS CARROS ARRANHADOS? O QUE É ISSO PODER PÚBLICO?
    FAÇAM ALGUMA COISA E RÁPIDO!

  11. Ao invés de ficarmos procurando desculpas, que a Settran deveria fazer isso, que a prefeitura deveria fazer aquilo, cada qual cumpra sua parte! Cada cidadão cumpra seu dever! Só isso já melhoraria muito o trânsito em nossa cidade.

  12. Aprovo a ação da Secretaria de Trânsito, entretanto é preciso fazer o dever de casa: sinalizar as vias, pintar as faixas para pedestres, cuidar das sinaleiras. A do cruzamento da Av. Itajuípe com a Amélia Amado está com defeito, nenhum agente de trânsito apareceu no local, mas vi alguns batendo papo, sem fazer absolutamente nada, nas ruas do centro. A propósito dos agentes, uma boa parte precisa de treinamento tanto nas questões específicas do trânsito quanto no que diz respeito ao trato com o público; afinal de contas eles são funcionários públicos, sua função é atender bem à população.

  13. São vários absurdos no nosso trânsito mas as filas duplas, eu acho uma falta de respeito muito grande principalmente na Cinquentenário o que causa um caos, principalmente nos horários de pico e fiscalização que seria bom, não existe. Acho uma grande falta de respeito e de educação no trânsito.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top