skip to Main Content
12 de abril de 2021 | 11:54 am

MUDANÇAS NA POLÍCIA CIVIL EM ITABUNA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Damasceno deixa coordenadoria para assumir o Depin (Foto Oziel Aragão).

Damasceno deixa coordenadoria para assumir o Depin (Foto Oziel Aragão).

O delegado Moisés Damasceno deixou a coordenadoria regional da Polícia Civil em Itabuna e assumirá a direção do Departamento de Polícia do Interior (Depin). A mudança está publicada na edição de hoje, 22, do Diário Oficial do Estado (DOE).
O delegado itabunense Evy Paternostro, que respondia pela Coorpin em Eunápolis, será o substituto de Damasceno.
O delegado Edenir Macedo, que estava no Depin, assumirá a Superintendência de Prevenção à Violência, da Secretaria da Segurança Pública.

Esta publicação possui 0 comentários
  1. Só o tempo dirá se estas novas nomeações surtirá algum efeito positivo especialmente para Itabuna, já que nestes cinco anos em que Moisés Damasceno esteve a frente da sexta coorpin, a sociedade itabunense viu a violência contra a vida só aumentar na cidade e região, entretanto neste período o delegado conheceu de perto a criminalidade de Itabuna e suas raízes, porém por problemas operacionais, burocráticos e falta de recursos do Estado não teve um trabalho mais eficiente, mostrou-se ser um profissional competente, ético e bom líder, porém é mais um delegado que por aqui passou e foi vencido pela criminalidade, sendo avaliado pela sociedade com desepenho regular, mas que devido seu profissionalismo vai chefiar a DPIN, quanto ao novo delegado que chega, a cidade a qual era chefiada por ele, Eunapólis, ficou em uma recente estatística como a cidade mais violenta para jovens, como também apresenta altos indíces de violência, neste panorama não vejo boas espectativas.

  2. Deus foi piedoso conosco. Agora temos que fazer nossa parte, cobrar mudanças. Esse delegado Evy, é uma pessoa excelente.
    Tenho certeza que fará tudo que ninguém fez até agora. É POR
    ORDEM nessa cidade esquecida pelo governador.
    Que Deus abençoe, que esse ano seja cheio de mudanças e todas para melhor.
    Pedi muito a Deus para organizar essa cidade, ele me ouviu.

  3. Trocou 6 por meia dúzia.Promoveu a incompetência.Só espero que não seja como no caso de Dr. Nélis, que também na época era o bambambam pra imprensa.Quanto mais alto o vôo, maior a queda. Esperemos.

  4. Quanto mais homicídios na cidade maior a promoção… Quantos dos quase 300 homicídios de Itabuna foram esclarecidos pela equipe de Moisés Damasceno????? Não chegou a 15%. Parabéns delegado, vai tarde…

  5. Sendo que 90 % dos homicídios se Itabuna são praticados entre bandidos e envolvidos com drogas, se os delegados não se esforçarem para esclarecer não estão perdendo nada. Eles tem que esclarecer sim, quando se tratar de pessoas de bem.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top