skip to Main Content
7 de abril de 2020 | 04:49 am

CRIMINOSOS FLAGRADOS EM ESCUTAS MORREM EM CONFRONTO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Niel morreu em confronto com a polícia no sudoeste, hoje (Foto Google).

Niel morreu em confronto com a polícia no sudoeste, hoje (Foto Google).

Os bandidos Daniel Oliveira dos Santos, o Niel, João Paulo Lemos, o Bilie, e Jean Carlos, o Gigó, morreram na madrugada desta terça-feira, 19, em confrontos com homens das polícias Civil e Militar. Os três foram flagrados em escutas telefônicas da Secretaria de Segurança Pública, autorizadas pela Justiça.
Eles apareciam encomendando armas, munições e assassinatos (relembre aqui). Os confrontos ocorreram em Ilhéus – onde morreram Bilie e Gigó – e Potiraguá (Niel). Contra eles, pesam crimes como tráfico de drogas, roubos e assassinatos.
Niel é acusado de ter atirado contra o delegado Moisés Damasceno durante uma operação na região de Ferradas, ano passado. Numa das gravações feitas pela Polícia, um dos bandidos fala em compra de armamento pesado para enfrentar policiais da Cipe Cacaueira (Caerc) e o delegado Moisés Damasceno, hoje no comando do Departamento de Polícia do Interior (Depin).

Esta publicação possui 3 comentários

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top