skip to Main Content
30 de março de 2020 | 10:27 am

BAHIA TEM MAIS DE 4 MIL DESAPARECIDOS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Rivânia Nascimento | Tribuna
Motivado pela solidariedade, um grupo de mais de 80 voluntários da Interbusca-Desaparecidos tem contribuído nas investigações, em parceria com a Delegacia de Proteção à Pessoa (DPP), dos casos de pessoas desaparecidas.
Apesar das dificuldades financeiras, a instituição não governamental, que é mantida por voluntários, vem desenvolvendo medidas preventivas, orientações às crianças e adolescentes, além de auxiliar a policia na busca e no combate ao trafico internacional de pessoas em todo o estado. Na Bahia, 4 mil pessoas estão desaparecidas, segundo Paulo Reis, presidente da ONG.
De acordo com Paulo Reis, presidente da Interbusca, após assistir pela TV o desespero de uma mãe, que depois de várias tentativas junto aos órgãos responsáveis acabou encontrando a filha sozinha, ele decidiu, junto com alguns colegas, criar um espaço que pudesse oferecer orientação e conforto para essas pessoas. Segundo ele, de janeiro de 2011 a junho deste ano, 87 casos envolvendo pessoas desaparecida foram solucionados. São realizados em media cerca de 15 atendimentos diários.
Leia a íntegra

Este post tem um comentário

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top