skip to Main Content
11 de maio de 2021 | 01:41 am

DISCÍPULO DE JOÃO GRILO

Tempo de leitura: < 1 minuto

seinao2

Conhecido por algumas ideias estapafúrdias, o vereador Marcel Moraes (PV), de Salvador, é autor de mais uma pérola. Projeto de lei de sua iniciativa dispõe sobre a autorização para sepultamento de animais em cemitérios públicos da capital baiana. O vereador defende a proposta como uma chance para que se dê “uma despedida digna” aos bichinhos falecidos.
Não se sabe se a ideia vai emplacar, mas em Salvador já estão chamando Moraes de “João Grilo”, o cômico personagem da obra O Auto da Compadecida, de Ariano Suassuna. Em uma das passagens hilárias dessa história, o esperto Grilo convence o padre da cidade a encomendar a alma de uma cachorra, com direito a missa celebrada em latim.
Moraes, por enquanto, não incluiu a missa em sua proposta… Por enquanto!
 

Esta publicação possui 2 comentários
  1. Não é ma ideia, todo ser vivo existente na terra, deve ter a dignidade necessária dentro da civilização no momento do ob-To. Não é porque são animais irracionais que não devem ter esse direito. Agora confesso que em cemitérios públicos, não seja o local adequado, mas uma área criada pela prefeitura ou zoonoses especifica para essa finalidade. Parabens Vereador Marcel Moraes por ter essa visão do bem em defessa da fauna brasileira.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top