skip to Main Content
4 de abril de 2020 | 05:32 pm

PROFESSORES DE ITABUNA DEFLAGRAM GREVE

Tempo de leitura: < 1 minuto

Os professores da rede municipal de ensino de Itabuna deflagraram greve por tempo indeterminado, após rejeitar proposta de reajuste salarial de 8% apresentada pelo governo. A greve começa na próxima quinta (21). A rede conta com cerca de 1,2 mil professores.

A presidente do Sindicato do Magistério Municipal Público de Itabuna (Simpi), Maria do Carmo Oliveira (“Carminha”), disse que a entidade esgotou as negociações com o governo. “Como não houve uma negociação satisfatória, tivemos que adentrar no movimento paredista”, disse.

A rede possui mais de 100 escolas e cerca de 20 mil alunos. O governo apresentou proposta de reajuste de 6,41% dividido em três vezes, depois elevou o percentual para 7% e, na sequência, 8%. Os educadores cobram reajuste de 13,01% para todos os níveis.

Este post tem um comentário
  1. O País está enfrentando uma grave crise economica. As partes devem sentar para chegar a um acordo. O sindicato pelo visto não abre mão dos 13 por cento. A crise economica afeta a todos nós. É melhor ter um reajuste de 8 por cento do que ter 13 por cento e correr o risco de não receber. O sindicato deveria deixar as picuinhas da política e se preocupar com os alunos que no fundo são os mais prejudicados.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top