skip to Main Content
27 de novembro de 2020 | 08:07 pm

OLHO NA FAIXA, CICLISTA

Tempo de leitura: < 1 minuto

pedestre Ontem à noite, um animado grupo de aproximadamente 90 ciclistas passava pela Avenida Aziz Maron, no Jardim Vitória. 

Na calçada, seis pessoas se viam obrigadas a aguardar a passagem da turma do pedal, porque os ciclistas simplesmente ignoravam a faixa de pedestre.

Lembremos que – e sem perder de vista o bom senso –  pedestres têm prioridade sobre ciclistas e não o contrário.

 

Esta publicação possui 8 comentários
  1. É lei o pedestre tem sim prioridade sobre o ciclista,bem como o ciclista tem prioridade sobre o carro.

    Uma turma de 9O pessoas segundo o anunciado,neste caso específico de uma multidão e muitas vezes acompanhado por preposto da autoridade de trânsito,o que deveis é o bom senso do pedestre esperar a turma do pedal passar.

    Um coração bondoso e sensível,o que caracteriza um bom senso,tal sentimento é variável entre os seres humanos,porem,pode se manifestar entre ambas as partes
    envolvidas de maneira peculiar.

    Neste caso específico da turma do pedal pra prevalecer o espirito do bom senso
    seria necessário da liderança de um quia e os demais obedecer à orientação do mesmo em detrimento à prioridade da faixa de pedestre.

    “O que é a maioria? A maioria é tolice,o bom senso sempre tem sido de poucos,
    convém pesar os votos e não contá-los.”

    Fredrich Schiller.1759-18O5. Escritor,educador,pensador alemão,imortal.

  2. Quando li essa postagem refletir em algo: imagina 90 ciclistas ….os da frente parando para os pedestres …imagina o caos para os que vinham atrás um ia bater no outro né……

  3. Isso é muito comum, não foi a primeira vez. Ocorre constantemente na cidade, sem falar que eles não respeitam o semáforo e querem andar todos pelo meio da rua. Quando acontecer algum acidente vão achar ruim.

  4. Bom dia, nesse casa foi usado o bom senso, como vc mesmo falou estávamos em um grupo de mais de 90 ciclistas e se parássemos iríamos engarrafar a via, contamos em nossos passeios com a ajuda de batedores e finalizadores guiando o grupo. Sua crítica será bem vinda, já que o intuito do grupo Pedal Bom é oferecer a prática segura do ciclismo em nossa cidade.
    Lucaseri coordenador Pedal Bom de Itabuna

  5. Gostei da crítica. É possível respeitar o pedestre. Sempre procuro fazer isso como ciclista a 23 anos com a minha primeira bike. A lei da selva impera. Os fortes impõem-se sobre os mais fracos. Pedestre que se dane.

  6. Pedal é bom, mas a responsabilidade e cidadania é muito melhor. Quando isolado o ciclista se acha imputável; imagine em grupo. Aqui em Itabuna ciclista não respeita sinal vermelho, faixa de pedestre, qualquer sinal de trânsito e nem mesmo o pedestre.Quando o sinal está fechado, avançam sem nem mesmo diminuir a velocidade. Nunca vi um guarda de trânsito abordar ciclista infrator. Vi, sim, pessoas atropeladas por eles.
    A propósito, ciclovia é liberada para motos como acontece com frequencia, principalmente na avenida Inácio Tosta filho?

  7. Bobagem Pimenta. Eles vão no fluxo e não podem ser interrompidos pra não acabar com a festinha deles. Ô gente sem noção essa de Itabuna!

    Será que depois da cacetadinha vão respeitar os pedestres? Fica a pergunta.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top