skip to Main Content
31 de maio de 2020 | 11:24 am

PF INVESTIGA FRAUDES EM CONCURSOS DA UFRB E DO IFBA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Policiais federais deflagraram operação em Guanambi (Foto Marcelo Camargo/A. Brasil).

Policiais federais deflagraram operação em Brumado (Foto Marcelo Camargo/A. Brasil).

A Polícia Federal e o Ministério Público Federal deflagraram, hoje (04), a Operação Reprovados para desarticular grupo criminoso especializado em fraudes em concursos públicos em Brumado, no sudoeste baiano. Foram cumpridos cinco mandados de condução coercitiva e cinco de busca e apreensão.

Há indícios de que os investigados tenham se utilizado de fraude para conseguir aprovações em certames públicos na Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (UFRB) e no Instituto Federal da Bahia (IFBA), ambos organizados pela Fundação de Apoio à Pesquisa, Ensino e Assistência à Escola de Medicina e Cirurgia e ao Hospital Universitário Gaffrée e Guinle (FunRio).

A fraude foi operacionalizada com a alteração dos dados cadastrais dos investigados, com acréscimo de sílaba idêntica no início dos seus prenomes, o que possibilitou que todos realizassem as provas na mesma sala e obtivessem o mesmo número de acertos, alcançando, inclusive, aprovação em concurso público do IFBA.

Os envolvidos responderão pelos crimes de fraude em certames de interesse público, falsidade ideológica e de constituição e participação em organização criminosa, de acordo com a Polícia Federal. Atualizada às 21h.

Esta publicação possui 2 comentários
  1. Contem uma novidade, não só concurso, os cursos de especialização e mestrado dessas faculdade digo pela nossa região a UESC mesmo é a maior fraude só entra se você for amigo de algum professor orientador. Só passa os amigos deles.

  2. Bom dia! No título da notícia você diz que é UFBA, mas no corpo dela vc fala que é Universidade Federal do Recôncavo Baiano. Confere aí.

    Da Redação: Bom dia, Larissa. Agradecemos o alerta. Equívoco reparado. Ab,

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top