skip to Main Content
24 de junho de 2021 | 03:21 pm

TSE DEFINE CALENDÁRIO PARA ELEIÇÕES 2016

Tempo de leitura: 2 minutos

 

Ministros do TSE definiram calendário para as eleições de 2016 (Foto TSE).

Ministros do TSE definiram calendário para as eleições de 2016 (Foto TSE).

O Tribunal Superior Eleitoral definiu, nesta noite de terça (10), o calendário eleitoral de 2016. Os brasileiros vão às urnas em 2 de outubro para escolher prefeitos, vice-prefeitos e vereadores.. O Calendário das Eleições Municipais de 2016 define as datas que devem ser respeitadas pelos partidos políticos, candidatos, eleitores e pela Justiça Eleitoral.

O calendário aprovado reflete as alterações promovidas pela Lei 13.165, aprovada pelo Congresso Nacional em 29 de setembro de 2015, que alterou o tempo de duração do processo eleitoral ao modificar o período das convenções partidárias, a data limite para o registro dos candidatos e o período das propagandas eleitorais, entre outras mudanças.

A eleição vai ocorrer no dia 2 de outubro, em primeiro turno, e no dia 30 de outubro, onde houver segundo turno (nas eleições municipais, apenas cidades com mais de 200 mil eleitores podem ter segundo turno).

PRAZO DE FILIAÇÃO TERMINA EM ABRIL

Quem quiser ser candidato no próximo ano precisa se filiar a um partido político até o dia 2 de abril de 2016, ou seja, seis meses antes da data das eleições. Pela regra anterior, o cidadão precisava estar filiado a um partido político um ano antes do pleito para participar da disputa.

As convenções partidárias para a escolha dos candidatos e as decisões sobre coligações devem ocorrer de 20 de julho a 5 de agosto de 2016. O prazo antigo estipulava que as convenções partidárias deveriam ocorrer entre os dias 10 e 30 de junho do ano da eleição.

Os pedidos de registro de candidatos devem ser apresentados pelos partidos políticos aos cartórios eleitorais até as 19h do dia 15 de agosto de 2016. Pela regra passada, esse prazo terminava às 19h do dia 5 de julho. O novo calendário também incorpora a redução da campanha eleitoral de 90 para 45 dias, prevista para começar em 16 de agosto.

O período de propaganda dos candidatos no rádio e na TV também foi diminuído de 45 para 35 dias, tendo início em 26 de agosto, em primeiro turno. Clique aqui para acessar a íntegra do Calendário Eleitoral das Eleições de 2016. Redação com informações da Agência Brasil.

Este post tem um comentário
  1. O maior sistema de governo é aquele que o povo escolhe,porem,pra da certo é fundamental a inteligência da população o que não é o caso do Brasil,o país de dimensão continental é natural que existam algumas ilhas primitivas.

    O que se trata de ponto positivo sobre a questão cultural dos nativos destas localidades em se tratando de um povo trabalhadores e extremamente honesto que orgulha o Brasil.

    Entretanto,o que nos enoja e nos envergonha são as pessoas ignóbil,desprezível
    demagogos que aproveita desta população e tira proveito para enriquecer através da boa fé desta legião de nativos.

    Portanto,o que nos levam a miséria da nossa sociedade brasileira não são os primitivos,são os manipuladores e demagogos da seita de marginas do PT o que é o
    mesmo covil de bandidos, exemplos; Raio A e Raio B ou seja as facções criminosa de Itabuna-Ba.

    Itabuna se insere nesta Ilha,todavia,é de bom alvitre que a reação primitiva só
    se manifesta na escolha de presidente da república e governadores,porem,sobre a escolha de prefeito de Itabuna,esta população tem se demostrado extremamente sábia sábia.

    Ai quem deras! Se as ilhas primitivas do Brasil de repente ter lucidez que Taboca sempre as tem no quesito de escolher prefeito de Itabuna,contudo,no quesito de escolha de presidente do Brasil e governadores mostra o primitivismo.

    Justamente no patamar que o Brasil voltou ao primitivismo com o PT “governando” o Brasil com viés da prostituição e corrupção endêmica do povo brasileiro que nos causo nojo e desprezo pelo PT.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top