skip to Main Content
20 de outubro de 2020 | 10:57 am

AÇÃO DA PRE-BA PODE CASSAR 43 VEREADORES

Tempo de leitura: 3 minutos
Romildo, de Itapetinga, pode ficar sem mandato (Foto TSE).

Romildo, de Itapetinga, pode ficar sem mandato (Foto TSE).

A Procuradoria Regional Eleitoral na Bahia (PRE/BA) propôs 43 ações de decretação de perda de cargo eletivo, entre julho e novembro deste ano, contra políticos que pediram desfiliação dos partidos em que foram eleitos sem comprovarem justa causa.

Além dessas ações, ajuizadas pelo procurador Regional Eleitoral Ruy Mello, existem ainda 10 casos de desfiliação que estão em análise no órgão. A PRE/BA busca a responsabilização dos acionados, levando em conta que foram eleitos também em função do ideário e valores atinentes aos partidos pelos quais disputaram os cargos.

Em 8 de julho, a PRE/BA instaurou Procedimento Preparatório Eleitoral com o objetivo de apurar casos de desfiliação partidária de vereadores e deputados estaduais com a intenção de ingressarem em outro partido para concorrer às eleições de 2016.

A primeira medida do procurador foi expedir recomendação aos promotores eleitorais com orientações sobre os procedimentos a serem adotados para verificar os casos de desfiliação partidária. Também foi expedido ofício à Corregedoria do Tribunal Regional Eleitoral na Bahia (TRE/BA) para orientar os juízes eleitorais a comunicarem os casos de desfiliação de vereadores e deputados estaduais aos promotores eleitorais e à PRE.

NORMA

A desfiliação sem justa causa é considerada infidelidade partidária, conforme artigo 1º da Resolução TSE nº 22.610/07. Segundo a norma, toda desfiliação partidária sem declaração de justa causa pode resultar na perda de cargo eletivo. Os acionados pela PRE/BA pediram desfiliação sem apresentar nenhum dos critérios definidos pela norma: a incorporação ou fusão do partido, a criação de novo partido, a mudança substancial ou desvio reiterado do programa partidário ou grave discriminação pessoal.

De acordo com a resolução do TSE, caso o partido não ajuíze o pedido de decretação da perda do cargo eletivo nos 30 dias subsequentes à desfiliação, a representação caberá ao Ministério Público Eleitoral em igual prazo.

Clique no “leia mais”, abaixo, e confira relação dos vereadores acionados pela PRE-BA.

Nome

Abel Silva dos Santos

Abmael Ferreira da Cruz

Adelaide Batista Rocha

Alexandro Barreto dos Santos

Antônio Augusto de Jesus

Antonio Noelio Libanio

Atanázio Júlio dos Santos

Bráulio Sampaio P. de Oliveira

Carlos Geovan Rios de Araújo

Cristina Virgínia R. Araújo

Domingos Alves Moreira

Edilson Ferreira C. Junior

Edivaldo Moreira de Melo

Edvan Matos Soares

Erilberto Lima

Fabiano de Lima

Francisco de Assis Carneiro

Francisco Isaias dos Santos

Hailton Araújo da Silva

Januário Ferreira Brandão

Jaques Douglas

Jessoniel Santos da Silva

Jorge Luís Moura Nunes

José Celso Félix de Castro

José Mário de Jesus

José Nunes Viana

Joseval Robério Vieira Santos

Julio César de Jesus Pinho

Julio da Silveira Reis Junior

Jurandy Amorim Fontes

Lauro de Coni e Moura Junior

Marcelo Ricardo Sales Rabelo

Marcos Vieira Marques

Marizângela F. Lima Almeida

Mauriso Ferreira Amorim

Nelito Lima Costa

Paulo Cézar Reis Leite

Paulo Sérgio Batista de Jesus

Raimundo Anunciação Santos

Rita de Cássia Reis Carvalho

Romildo Teixeira Santos

Toni Clécio Alves Ferreira

Valdir Moreira Gonçalves

Cargo

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereadora

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereadora

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereador

Vereadora

Vereador

Vereador

Vereador

Município

Cabaceira do Paraguassu

Cardeal da Silva

Amélia Rodrigues

Boa Vista do Tupim

Cardeal da Silva

Salvador

Salvador

Rio Real

Pé de Serra

Entre Rios

Carinhanha

Pé de Serra

Carinhanha

Pé de Serra

Quixabeira

Amélia Rodrigues

Candeal

Livramento Nossa Senhora

Ibicoara

Curaça

Barra do Mendes

Dias D’Ávila

Tucano

Cícero Dantas

Saubara

Jaguaripe

Candeal

Santo Amaro

Dias D’Ávila

Amélia Rodrigues

São Felipe

Paripiranga

Jaguarari

Candeal

Condeúba

Mundo Novo

Cachoeira

Itapicuru

Alagoinhas

Cardeal da Silva

Itapetinga

Amélia Rodrigues

Carinhanha

Esta publicação possui 5 comentários
  1. Amigos do Pimenta, esse elemento da foto, Romildo Teixeira, não é vereador eleito. Ele é primeiro suplente pelo PDT, mas mas saiu para o PSL em junho. Só assumiu o mandato por um mês, em substituição a uma vereadora que “adoeceu”. É a pior praga da política de Itapetinga.

  2. não somos contra o cumprimento das leis, muito pelo contrário, mas chama a nossa atenção o que está passando pelo Brasil a fora de muito mais grave, e nada de cassar ninguém. O vereador é sempre a vítima principal daqueles que pousam de arautos da moralidade, mas que se amofinam quando o caso é com políticos mais graduados. Qual é Prefeito que estaria no cargo, com a terça parte dos abusos e desrespeito às leis vigentes cometidos pelo governos Lula e Dilma e tantos governos estaduais?

  3. estes veriadores que só vem pra o partidos pra se eleger depois vai atraz de melhoras eles só estar pensando neles eles eles não tem compromiso com o povo que o elegeu nem com o partido que ajudou a se eleger hoje por que oposicão a setuacão deu mais eles se adiriu foi infiel o partido tem que ser casado mesmo como fica as pessoas que são fiel espero que a justiça fasa justiça mesmo

  4. O Ministerio Publico esta correto em pedir os mandatos dos vereadores por infidelidade partidaria, eles ja estão acostumados a fazer isso e nunca deu em nada so que agora o TRE/BA e o Ministerio Publico esta em cima desses infiéis, eles não respeitam os partidos que lhe cederam a legenda, miitas vezes ate sem pagar a contribuição partidaria que é estatutario, eles acham sempre wue nunca vai dar em nada, que a nossa justiça é lenta.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top