skip to Main Content
31 de outubro de 2020 | 01:00 pm

CUBA TERÁ FÁBRICA NORTE-AMERICANA DEPOIS DE MEIO SÉCULO

Tempo de leitura: 2 minutos
Cuba terá fábrica norte-americana depois de meio século (Foto Reprodução).

Cuba terá fábrica norte-americana depois de meio século (Foto Reprodução).

O governo de Barack Obama aprovou a instalação da primeira fábrica americana em solo cubano, após mais de 50 anos de embargo econômico. Uma companhia montadora de pequenos tratatores obteve a autorização do Departamento do Tesouro dos Estados Unidos. Os sócios do negócio são Horace Clemmons e Saul Barenthal.

Autoridades da ilha aprovaram o projeto publicamente, e os sócios disseram que esperam produzir os tratores em Cuba até o primeiro trimestre de 2017. “Todo mundo quer ir a Cuba vender alguma coisa e isso não é o que estamos tentando fazer. Estamos observando o problema e como podemos resolver os problemas que eles consideram mais importantes”, disse Clemmons.

A unidade, de US$ 5 milhões a US$ 10 milhões, seria o primeiro investimento significante dos EUA em solo cubano desde que Fidel Castro assumiu o poder em 1959 e nacionalizou bilhões de dólares de companhias americanas. O confisco provocou o embargo econômico imposto por Washington, que proibiu todas as formas de comércio e multou companhias estrangeiras em milhões de dólares por fazerem negócios com a ilha.

A fábrica de tratores Oggun, que recebeu esse nome em homenagem a um deus da Santería cubana, vai montar tratores de 25 cavalos com componentes comercialmente disponíveis e vender por menos de US$ 10 mil, de acordo com Clemmons e Berenthal. Eles acreditam que conseguirão vender centenas desses tratores ao ano.

Leia mais n´A Tarde

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top