skip to Main Content
22 de janeiro de 2021 | 07:13 am

CAPITANIA HEREDITÁRIA

Tempo de leitura: < 1 minuto

meu paipaiVai começar a dança das cadeiras na Prefeitura de Itabuna, com a saída dos pré-candidatos a cargos eletivos. E já tem gente preocupado com os critérios de seleção dos substitutos. Alguns que já saem do banco de reserva para o aquecimento deverão surpreender, no sentido negativo do verbo.

Em um dos casos, ventila-se a transmissão de uma secretaria de pai pra filho. Segundo informações, o genitor disputará cadeira no legislativo e prefere deixar as coisas, por assim dizer, em casa.

É uma nova espécie de capitania hereditária.

Esta publicação possui 0 comentários
  1. Quando se trata de Itabuna, qualquer absurdo tem precedentes. A população é ignorante (pelo menos 80%), venal ou acomodada. Tenho muita vergonha em ser itabunense…

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top