skip to Main Content
9 de agosto de 2020 | 11:04 pm

PRIVATIZAÇÃO DA EMASA PODE RACHAR FRENTE CONTRA TEMER

Tempo de leitura: < 1 minuto

A possibilidade de protestos contra a privatização da Emasa, com críticas diretas ao deputado e pré-candidato a prefeito de Itabuna, Davidson Magalhães, durante o ato “Fora, Temer”, marcado para a tarde de hoje em Itabuna, pode provocar um racha no grupo que integra a Frente Brasil Popular na cidade.

Lideranças do PC do B alegam que o momento é inoportuno para criticar a privatização da Emasa e que o foco é a defesa do retorno de Dilma Rousseff e a garantia dos direitos sociais e tentam demover o PT da idéia de incluir a questão Emasa na manifestação.

O Sindicato dos Trabalhadores em Água e Esgoto (Sindae), ligado ao PT, está incentivando se se levem cartazes e faixas contra a tentativa de passar a Emasa para a iniciativa privada, como quer o prefeito Claudevane Leite, com o apoio explícito do PC do B.

Uma liderança comunista chegou a afirmar que se os protestos envolverem a Emasa e não apenas a questão federal, a Frente Brasil Popular estará rachada, com desdobramentos na eleição municipal.

Este post tem um comentário
  1. Em minha vida jamais imaginei em algum dia ver um líder do PC do B, defender uma concessão os serviços públicos para empresas privadas. Esta ação é o equivalente a dizer que estado brasileiro quebrou faliu o que devemos entregar todos os nossos recursos a Mega empresas patrocinadoras da chamada “República dos Caranguejos”.

    Isto não é coisa de deus!!

    Este comportamento não é natural, chega a ser bizarro seria o equivalente a Fidel Castro comprar ações da Microsoft na Bolsa de Nova York para investir no capital.

    Não vi neste discurso, o mesmo brilho que via em discursos anteriores do nobre deputado em defesa do pré-sal e da democracia, fica claro assistir ao esse discurso a “timidez e o tom de justificativa” das palavras pronunciadas.

    O grande problema que vejo é que a população de Itabuna , começará a pagar em dobro ou seja: Trabalhamos 3 á 4 meses por ano, apenas para pagar impostos.

    Pagamos impostos com a promessa de retorno de investimentos nas áreas de saneamento básico saúde educação segurança, e elegemos Deputados para garantir que sejam fiscalizados estes processos, garantindo o desenvolvimento da região. Quando se fala em investimentos não se fala a origem do dinheiro desses investimentos não vai sair da conta da empresa quem vai financiar esse investimento é a caixa Econômica Federal ou BNDES que também é dinheiro nosso. E quem vai pagar os juros desta operação ? Será a população de Itabuna não tenho duvidas.

    Para mim ficou transparente que as palavras do deputado não refletem sua ideologia, nem tão pouco sua consciência e que existem pressões externas, forçando-o a tomar posição contrária a defesa da população de Itabuna.

    A aguá é um direito básico de nossa constituição, o petróleo não!

    Para aqueles que não acreditam que estamos em meio a uma guerra voraz de capitalismo, faça o seguinte raciocínio:

    O litro de gasolina custa em media R$ 3,70, Acompanhe o Roteiro: O petróleo vem do exterior é transportado para o Brasil, processado em refinarias bilionárias ,depois segue para a distribuidora onde é armazenado em grandes tonéis até ser transportada ao seu posto de gasolina .

    No mesmo posto de gasolina, ao compramos na lojinha de conveniência uma garrafa de 1,5 litros de água pagamos R$ 4,00

    O nobre deputado tem um curriculum impecável, na defesa dos trabalhadores e direitos básicos da população, sinceramente acredito que ira reavaliar sua posição, neste assunto.

    Deputado Davidson Magalhães, por favor diga Não a PPP! Diga não a concessão de serviços Públicos!

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top