skip to Main Content
18 de fevereiro de 2020 | 09:32 pm

JOSEFINA E A “GASOSA” INFLACIONADA

Tempo de leitura: < 1 minuto

gasolinacaraA prefeita Josefina Castro (PT), de Coaraci, se viu prensada nas redes sociais com a exposição de uma nota fiscal do posto de combustíveis Jocel, em Itajuípe.

A gasolina foi adquirida pelo município a inacreditáveis R$ 4,29 (a prazo), enquanto o mercado cobrava cerca de R$ 3,60 a R$ 3,70 o litro à época, em maio.

Há pouco, a redação do site ligou para o posto de combustível. A informação por lá é de que o litro da gasolina sai a R$ 3,48 à vista. (Atualizada às 20h50min).

SENADOR BAIANO APRESENTA PEC QUE PROPÕE ELEIÇÕES GERAIS EM 2022

Tempo de leitura: 2 minutos
Roberto Muniz propõe eleições gerais em 2022 (Foto Agência Senado).

Roberto Muniz propõe eleições gerais em 2022 (Foto Agência Senado).

Começa a tramitar no Senado a Proposta de Emenda Constitucional (PEC) 45/2016 que institui a realização de eleições gerais em outubro de 2022. As eleições nos níveis municipal, estadual e federal ocorreriam numa só data. A proposta conta com a adesão de 34 senadores.

Autor da PEC, o senador Roberto Muniz (PP-BA) argumenta que eleições nas três esferas “pode reduzir custos e alinhar a programação orçamentária política de governo durante os quatro anos de gestão, sem as interrupções que ocorrem por conta de um processo eleitoral.

– É a hora de retomar as discussões sobre as propostas de reforma política e esta PEC pode encabeçar o debate como uma lei mãe – diz o senador, para quem a prática atual segue na contramão da gestão pública programática e fortalecimento partidário, além da economia das eleições.

Nas eleições de 2012, citou Muniz, o TSE consumiu dos cofres públicos R$ 397,27 milhões. A estimativa é de gasto de aproximadamente R$ 600 milhões na operacionalização das eleições deste ano.

Pelo texto, as eleições gerais ocorreriam em 30 de outubro de 2022 para os cargos de presidente e vice-presidente da República, governadores e vice-governadores, senadores, deputados federal, estadual e distrital (no caso do Distrito Federal), prefeitos e vereadores.

Já os mandatos dos ocupantes dos cargos municipais eleitos no pleito de 2020 serão de dois anos, encerrando-se em 1º de janeiro de 2023, com a posse dos eleitos, cujos mandatos se encerrarão em 1º de janeiro de 2027, seguindo a nova regra de eleições gerais a cada quatro anos.

– Hoje, após as eleições, quem assume o Poder Executivo herda um orçamento estranho às plataformas de governo com os quais saiu vitorioso das urnas. No segundo ano, quando desfruta de um orçamento pensado por sua gestão, novas eleições se avizinham, trazendo limitações legais e suas consequentes reconfigurações políticas. No terceiro ano, quando finalmente poderá gerir com orçamento próprio, o resultado das eleições do ano anterior traz renovações programáticas de governo. E, no último ano, o gestor esbarra nas mesmas limitações legais, tendo em vista o pleito eleitoral que poderá participar de forma direta ou indireta”.

SEM INTERRUPÇÃO DE MANDATO

Para o parlamentar, a nova regra vai inibir o fim da interrupção dos mandatos, já que quebra a possibilidade de um político, no exercício do mandato, concorrer a outro cargo. Outro benefício, diz o senador, é o alinhamento e fortalecimento dos partidos. “A verticalização das campanhas promoveria um alinhamento automático dos posicionamentos partidários, vez que a lógica da aproximação em âmbito nacional tenderia a formatar isso em âmbito estadual e municipal”, diz.

CYRO DE MATTOS RECEBERÁ TÍTULO DE DOUTOR HONORIS CAUSA

Tempo de leitura: < 1 minuto
Escritor Cyro de Mattos receberá título da Uesc (Foto Divulgação).

Escritor Cyro de Mattos receberá título da Uesc (Foto Divulgação).

O escritor, poeta e cronista grapiúna Cyro de Mattos receberá o título de Doutor Honoris Causa pela Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc). A sessão solene de outorga será às 19 horas da próxima quinta (15), no auditório central da universidade.

Autor de obras como O mar na Rua Chile, Cancioneiro do cacauOs brabos, Cyro de Mattos nasceu em Itabuna, em 1939. Escreveu mais de 50 contos e publicou 38 livros, sendo dos mais premiados escritores sul-baianos.

O título será entregue pela reitora Adélia Pinheiro e o vice-reitor Evandro Freire.

UNA: DIANE ASSINA COMPROMISSO COM PROGRAMA CIDADES SUSTENTÁVEIS

Tempo de leitura: < 1 minuto
Gavazza, Claudiane Figueiredo, do Sebrae, e a prefeita Diane (Foto Divulgação).

Gavazza, Claudiane Figueiredo, do Sebrae, e a prefeita Diane (Foto Divulgação).

A candidata à reeleição a prefeita de Una, Diane Rusciolelli (PT), que integra a coligação Pra Seguir em Frente, assinou carta compromisso do Programa Cidades Sustentáveis. A petista foi a única postulante à prefeitura a se comprometer publicamente sobre o tema. A assinatura ocorreu durante o Encontro Território Sul Mais Sustentável, realizado pelo Instituto Nossa Ilhéus e Sebrae, no campus da Universidade Estadual de Santa Cruz (Uesc).

No evento, gestores municipais e candidatos que vão disputar as eleições de 2 de outubro puderam conhecer a plataforma do Cidades Sustentáveis. Por meio do programa, será possível elaborar planejamento que considere uma abordagem sistêmica pautada na sustentabilidade, integrando diferentes campos, como: o econômico, social, ambiental, tributário, tecnológico e cultural.

De acordo com Diane, medidas sustentáveis já são tomadas no cotidiano do município, a exemplo de disciplinas do currículo escolar da rede de ensino municipal, implantação de pontos de coleta seletiva, trabalhos de conscientização ambiental nos bairros, entre outras.

Leia Mais

PAPA DEFENDE QUE TODAS AS RELIGIÕES CONDENEM TERRORISMO

Tempo de leitura: 2 minutos

papa-francisco1Em um encontro com membros do Instituto de Diálogo Inter-religioso de Buenos Aires no Vaticano, o papa Francisco pediu para que todos os líderes condenem e afastem-se do terrorismo muitas vezes utilizado em nome da fé. As informações são da Agência Ansa.

“Percebemos com pesar que o nome da religião é usado, muitas vezes, para cometer atrocidades como o terrorismo e semear o medo e a violência e, por consequência, as religiões são identificadas como responsáveis pelo mal que as cercam. Essas ações abomináveis devem ser condenadas de maneira determinada. É preciso tomar distância de quem busca envenenar as pessoas, dividir e destruir a convivência”, disse o Pontífice aos religiosos nesta quinta-feira (8).

Em sua fala, o papa afirmou que a vida é sagrada e que por isso deve ser respeitada. Ele disse ainda que todos aqueles que acreditam em Deus devem defender a criação e a vida e “não podem ficar em silêncio” quando veem atrocidades.

“O homem e a mulher são chamados a defender a vida em todas as suas fases, a integridade física e as liberdades fundamentais, como a liberdade de consciência, de pensamento, de expressão e de religião. É um dever que precisamos respeitar porque nós acreditamos que Deus é o criador e nós somos instrumentos em suas mãos para fazer com que todos os homens e mulheres sejam respeitados em sua dignidade”, acrescentou.

Leia Mais

PELAS RUAS DE CACHOEIRA

Tempo de leitura: 3 minutos

jaqe2Jaqueline Cerqueira | Revista do Núcleo de Antropologia Urbana da USP

 

O que vemos nada mais é do que o pensamento de um povo sobre o mundo, suas impressões, seus sistemas de valores e relacionamentos complexos.

 

A cidade baiana de Cachoeira, situada a 100 km de da capital Salvador, foi ao longo dos séculos XVIII e XIX, região produtora de açúcar, com uso de mão-de-obra escrava e também produtora de tabaco, utilizado na compra de escravos na costa africana. Situada às margens do Rio Paraguaçu, a cidade teve momentos de grande parte da produção agrícola da Bahia, principalmente açúcar e fumo. Além disso, Cachoeira foi historicamente, devido a sua privilegiada localização, cruzamento de rotas de escravos, negros fugidos e quilombolas. Este fato agregou na região comunidades que se instalaram nos antigos engenhos desativados. Hoje, essas comunidades se reconhecem como remanescentes de quilombos e mantêm vivas tradições culturais e cultivam basicamente mandioca e dendê.

Para a Antropologia, a observação das relações humanas se dá, a partir da perspectiva da cultura, das diferenças, da geografia, ou seja, através das relações do homem com o espaço. Cachoeira continua sendo uma cidade emblemática carregada de significados. Neste ensaio, busca-se destacar a importância do centro da cidade, tombado em 1971 e que concentra a maior parte da arquitetura tradicional, hoje bastante arruinada. Centro de trocas sociais apropriado pela população em seu cotidiano como mercado, sobrados de uso habitacional ou serviços, palco de grandes festas.

Podemos identificar o patrimônio cultural de Cachoeira a partir da história de ocupação do seu território. Desta forma, temos embutidas duas vertentes: patrimônio material e patrimônio imaterial. A relação entre essas duas vertentes se dá através das manifestações culturais e o território no qual historicamente elas ocorrem. Estamos diante de um território de fortes referências culturais. Em toda a cidade há cerca de 28 processos de tombamentos pelo IPHAN que buscam preservar cerca de 60 bens. Um desses processos elevou a cidade à condição de Monumento Nacional. As fotos retratam construções que fazem parte desse processo. Pelas ruas da cidade, é possível perceber forte presença da arquitetura religiosa (capelas, convento, igrejas matrizes), arquitetura civil (casarões, sobrados), edificações em praças e a tão importante ponte D.Pedro II.

Estação de Cachoeira, no recôncavo baiano (Foto Jaqueline Cerqueira).

Estação de Cachoeira, no recôncavo baiano (Foto Jaqueline Cerqueira).

A elevação de Cachoeira a Cidade Monumento se fez em referência às tradições cívicas da cidade, remetendo às lutas pela independência em 1822. A arquitetura e a paisagem são marcos desse momento.

A heterogeneidade e as intensas manifestações culturais despertam interesse de turistas, intelectuais e visitantes. Dentre as referências culturais pode-se destacar: Festa da Boa Morte, Festa da Ajuda, Festa de São João, Festa de 25 de junho; além das mais variadas formas de expressão popular: Banda Filarmônica, Samba de Roda, Esmola catada.

O Rio Paraguaçu foi decisivo na forma de ocupação da cidade. O rio sofreu duas diferentes alterações: em sua forma ( para atender a diferentes objetivos das práticas sociais, como construção de armazéns e aterros nas margens e porto de canoeiros) e seu significado no caráter religioso, tido como sagrado para grupos específicos.

Leia Mais

AGENDA DOS CANDIDATOS (QUINTA, 8)

Tempo de leitura: 2 minutos

candidatos itabuna montagem www.pimenta.blog.brAntônio Mangabeira (PDT)
8h – Visita a empresas, saindo do Comitê na Cinquentenário
9h – Corpo a Corpo no Sarinha (concentração no CSU)
14h – Corpo a Corpo no Emanoel Leão (concentração próximo ao Galo Vermelho)
19h – Apresentação do Plano de Governo no Alto da Boa Vista (encontro no Mercado Torquato)

Augusto Castro (PSDB)
8h – Visita ao Odilon (concentração no Colégio Modelo)
11h – Reunião com a coordenação de marketing
14h – Visita ao Santa Inês (concentração próximo à Lavanderia)
19h – Seminário Aids e Direitos Humanos, no auditório da FTC

Capitão Azevedo (PTB)
9h30min – Visita ao Morumbi (encontro na entrada da Urbis IV)
14h – Visita ao Monte Cristo (encontro na Ponte do São Roque)
18h30min – Reunião em Ferradas
20h – Seminário Aids e Direitos Humanos, no auditório da FTC

Coronel Santana (PTN)
9h – Reunião com coordenação de campanha
13h – Entrevista à Rádio Difusora
14h – Visita aos bairros Manoel Leão e Odilon
19h – Seminário Aids e Direitos Humanos, no auditório da FTC

Davidson Magalhães (PCdoB)
9h- Caminhada pelas ruas do Corbiniano Freire
15h – Caminhada pelas ruas do Monte Cristo
19h – Encontro de Mulheres com Davidson prefeito 65 na Usemi

Fernando Gomes (DEM)
8h – Visita aos comerciantes do Centro Comercial
14h – Visita ao Nova Itabuna

Geraldo Simões (PT)
8h – Entrevista à TV Itabuna (www.tvitabuna.com.br)
14h – Corpo a corpo na Urbis IV e Sinval Palmeiras (saída do posto de saúde)
18h30min – Reunião com famílias bairro Pedro Jerônimo
19h30min – Reunião com famílias Centro da cidade

Zé Roberto (PSTU)
8h – Participa da edição de programa eleitoral
14h – Reunião com moradores da Califórnia
18h50min – Entrevista ao vivo à TV Cabrália

Mister Cuca (PSOL)

Agenda não informada

ILHÉUS

Marão e Nazal

Marão e Nazal têm reuniões e caminhadas nos bairros ao longo desta quinta (8).

Cacá Colchões (PP)
6h30min – Bate-papo com trabalhadores do MCMV do Rio Cachoeira
10h – Visita aos altos do Carvalho e da Esperança
15h – Encontro com feirantes
16h – Reunião com empresários sobre shopping em Ilhéus
18h30min – Reunião no Mercado de Artesanato
20h – Formatura

Marão (PSD)
10h – Reunião com empresários da construção civil, na OAB
16h – Reunião no Paraguai
16h30min – Reunião no Alto Nossa Senhora da Vitória
20h – Reunião na Associação de Pastores (Amei)

Professora Carmelita (PT)
6h – Corpo a corpo na porta da Joanes
9h – Corpo a corpo no alto do Banco da Vitória

NO RIO, TEMER É VAIADO NA ABERTURA DOS JOGOS PARAOLÍMPICOS

Tempo de leitura: < 1 minuto
Temer é novamente vaiado no Maracanã.

Temer é novamente vaiado no Maracanã.

A participação de Michel Temer, o presidente da República, na cerimônia de abertura dos Jogos Paraolímpicos, nesta quarta-feira (7), no Maracanã, foi discreta, mas nem por isso o mandatário escapou dos protestos. Durante a sua rápida fala, que decretou o início do evento, Temer foi vaiado.

A breve declaração de Temer: “declaro abertos os Jogos Paraolímpicos do Rio de Janeiro-2016” se deu logo depois dos discursos de Carlos Arthur Nuzman, presidente do Comitê Olímpico Brasileiro (COB), e Philip Craven, presidente do Comitê Paralímpico Internacional (CPI), após mais de 2h30min do início da festa.

O presidente, ao lado da primeira-dama Marcela (que bateu palmas no momento da fala do chefe de Estado), não escapou do público com gritos de “fora, Temer”. A imagem de Temer inclusive demorou para aparecer durante a declaração. Logo depois do discurso e do juramento dos atletas, o peemedebista foi embora conduzido até a saída da tribuna por Nuzman e não viu a pira ser acesa por Clodoaldo Silva.

A assessoria da presidência se manifestou após o evento. “Sobre as manifestações na abertura dos Jogos  Paraolímpicos: o Brasil vive em regime de plena democracia. Portanto, quaisquer manifestações populares são naturais e normais”, comentou. Informações do Uol.

MUTIRÃO DO DIABÉTICO TERÁ APOIO DA PREFEITURA

Tempo de leitura: 2 minutos
Rafael Andrade e o prefeito Vane do Renascer fecham apoio ao mutirão.

Rafael Andrade e o prefeito Vane do Renascer fecham apoio ao mutirão.

O Mutirão do Diabético terá, mais uma vez,a Prefeitura de Itabuna como importante parceira no Mutirão do Diabético, que este ano será em 26 de novembro e já é considerado o maior evento de prevenção e tratamento da doença em todo o Brasil. Para oficializar o apoio em 2016, o prefeito Claudevane Leite se reuniu com o médico Rafael Andrade, idealizador e coordenador do Mutirão, no Centro Administrativo Firmino Alves.

Claudevane Leite garantiu o apoio na montagem da estrutura e a iluminação de espaços públicos com a cor azul – cor símbolo da prevenção do diabetes, além de disponibilizar equipes e insumos da Secretaria Municipal de Saúde na realização de exames e ações de prevenção, incluindo atendimento aos casos que exijam atendimento após o mutirão.

“Vamos demonstrar que Itabuna se consolidou como a Cidade da Prevenção do Diabetes, mostrando ao Brasil esse exemplo de mobilização social”, afirmou o prefeito. “A parceria com a Prefeitura de Itabuna revela a preocupação do prefeito Claudevane Leite no apoio à prevenção e tratamento do diabetes, uma doença silenciosa, que evita danos maiores às pessoas, como cegueira e amputação de órgãos, se detectada e tratada a tempo”, afirma o Rafael Andrade.

Promovido pelo Hospital de Olhos Beira Rio e a Associação dos Diabéticos de Itabuna, o  mutirão faz parte do calendário da Federação Internacional do Diabetes. Terá atendimento médico no Hospital de Olhos Beira Rio e ações de prevenção na Praça Rio Cachoeira, onde será montada a estrutura da Feira de Saúde do Diabético.

Back To Top