skip to Main Content
24 de fevereiro de 2020 | 01:43 am

PT ESPERA FAZER 60 PREFEITOS NA BAHIA

Tempo de leitura: 2 minutos
Everaldo, de boné, durante caminhada de Geraldo Simões, neste sábado (Foto Pimenta).

Everaldo, de boné, durante caminhada de Geraldo Simões, neste sábado (Foto Pimenta).

O presidente do PT baiano, Everaldo Anunciação, projeta que o seu partido faça, no mínimo, 60 prefeitos em todo o estado amanhã (2). “Devemos ganhar em 60 municípios e crescer nas 35 maiores cidades. Nós temos um processo muito mais de qualidade do que de quantidade”, disse Everaldo em entrevista ao PIMENTA. Já em 2012, a legenda havia conquistado 93 prefeituras.

O dirigente estadual do PT esteve em Itabuna para participar da caminhada do candidato do partido, Geraldo Simões, hoje, na Avenida do Cinquentenário, região central da cidade. Everaldo estava acompanhado do deputado estadual Rosemberg Pinto (PT) e do secretário de Relações Institucionais da Bahia, Josias Gomes.

Everaldo ainda fala em expectativa de segundo turno em Vitória da Conquista, tendo Zé Raimundo (PT) contra Herzem Gusmão (PMDB). Porém, os últimos dados apontam para definição ainda neste domingo, no município do sudoeste, podendo sair vencedor Herzem ou Zé Raimundo. O cenário era mais favorável ao peemedebista. A candidatura de Fabrício Falcão (PCdoB) desidratou-se, acelerando a definição em turno único.

Otimista, Everaldo aposta que a base aliada do Governo Rui Costa vencerá a disputa em, pelo menos, 70% dos municípios. A avaliação difere da feita pelo secretário de Relações Institucionais da Bahia, Josias Gomes, tambem durante entrevista que será publicada pelo blog nas próximas horas.

Ato reuniu milhares de pessoas na Cinquentenário hoje.

Ato reuniu milhares de pessoas na Cinquentenário hoje.

  • 1 de outubro de 2016
Tempo de leitura: < 1 minuto

saudeitb

CLIMA PESADO EM UNA

Tempo de leitura: < 1 minuto

Clima politico-eleitoral em alguns municípios do sul da Bahia recomenda cuidados redobrados a eleitores e candidatos. Em Una, a campanha da candidata à reeleição, Diane Rusciolelli (PT), sofreu ameaças ainda maiores nesta reta final, como reforça a assessoria da prefeita em um post em uma rede social.

Una (Bahia), 1º de outubro: Diane, única candidata à prefeita no pleito de domingo. Disputa contra dois remanescentes dos coronéis e um filho de coronel. Quase 10h da manhã, e ainda não definimos a agenda desse sábado, porque estamos buscando o roteiro “menos perigoso” pra ela cumprir diante das ameaças.

MUTIRÃO DO DIABÉTICO TERÁ APOIO AMPLIADO DO MUNICÍPIO

Tempo de leitura: < 1 minuto
O coordenador do mutirão, Rafael Andrade, e o secretário de Saúde, Paulo Bicalho, ampliam parceria.

O coordenador Rafael Andrade e o secretário de Saúde, Paulo Bicalho, ampliam parceria.

O apoio da Prefeitura de Itabuna ao Mutirão do Diabético foi confirmado por meio do secretário de Saúde, Paulo Bicalho, em reunião com o coordenador do evento, médico Rafael Andrade. Este ano, o Mutirão do Diabético ocorre em 26 de novembro.

Além da montagem da estrutura do evento, o apoio do município inclui liberação de exames para portadores de diabetes, capacitação de servidores no atendimento às complicações do diabetes e tratamento de pacientes com retinopatia diabética.

Neste ano, novamente haverá o espaço Diabete Kids, para as crianças. Ano passado, o espaço atendeu 300 crianças, quando foram identificados 60 casos de diabetes. “Esta parceria é fundamental para juntos contribuirmos tentarmos melhorar a continuidade dos cuidados ao pacientes diabéticos”, disse Rafael.

Paulo Bicalho reforça a importância da ação contra. “O Mutirão do Diabético presta um serviço essencial para a população, ajudando a prevenir uma doença silenciosa, em que o tratamento na fase inicial é fundamental”, afirmou.

A Prefeitura   também participa da campanha “Novembro Azul”, que tem o objetivo de iluminar prédios, praças, lojas e residências com a cor azul, Por iniciativa da administração municipal, pontes e avenidas já foram iluminados de azul, a cor que é símbolo  mundial da prevenção do diabetes.

CAMINHADA DE GERALDO ENCERRA GRANDES ATOS NA CINQUENTENÁRIO

Tempo de leitura: < 1 minuto

eleicoes 2016Hoje é o último dia para grandes atos políticos antes da votação de amanhã (2), quando serão escolhidos prefeito, vice-prefeito e vereadores de cada um dos mais de 5,5 mil municípios brasileiros. Em Itabuna, a maioria das candidatos realizou, na reta final, caminhadas ou carreatas.

No último dia 23, Augusto Castro realizou carreta, enquanto Antônio Mangabeira (PDT) realizou caminhada na Avenida do Cinquentenário, na terça (27). O ex-prefeito Capitão Azevedo (PTB) também optou por fazer caminhada, na quarta (28), assim como Davidson Magalhães (PCdoB), na última quinta (29).

Ontem (30), foi a vez do ex-prefeito Fernando Gomes (DEM), mas sem ocupar a Avenida do Cinquentenário, reservada à candidatura de Coronel Santana (PTN).

Os grandes atos políticos desta campanha serão encerrados nesta manhã de sábado (1º) com uma caminhada de Geraldo Simões (PT) na Cinquentenário. Havia expectativa da vinda do ex-presidente Lula, o que acabou não se confirmando.

MP DO ENSINO MÉDIO RECEBE 568 EMENDAS

Tempo de leitura: 2 minutos

ensino_medio foto agencia brasilDa Agência Brasil

A medida provisória que reestrutura e flexibiliza o ensino médio no país, anunciada pelo governo no último dia 22, recebeu um total de 568 emendas de deputados e senadores. O prazo para apresentação de emendas terminou na noite de ontem (29). O texto será analisado primeiro por uma comissão mista e depois pelos plenários da Câmara e do Senado.

Um tema recorrente nas emendas dos parlamentares é a retomada da obrigatoriedade na lei das disciplinas educação física, artes, filosofia e sociologia nos currículos do ensino médio. Há também propostas para a inclusão de novas disciplinas ou temas transversais no currículo, como direito constitucional, educação ambiental e sexual e finanças pessoais.

Uma das emendas quer que 70% dos currículos do ensino médio sejam compostos por disciplinas obrigatórias e 30%, por matérias optativas, enquanto a medida provisória prevê que 50% do currículo seja determinado pelos sistemas de ensino e a outra metade pela Base Nacional Comum. A possibilidade de contratação de professores para a educação técnica sem diploma de licenciatura, mas que apresentem “notório saber” na área que ensinarão, também é alvo de pedidos de mudança. Há até uma emenda que propõe a revogação integral da medida provisória.

O secretário de Educação Básica do Ministério da Educação (MEC), Rossieli Soares da Silva, disse que a postura da pasta diante das diversas emendas apresentadas ao texto será a de estabelecer um amplo debate com os parlamentares. “A postura do MEC será de ir lá conversar e discutir com os deputados, como temos feito. Vamos debater, a decisão é do Congresso e depois a sanção é do presidente. Vai certamente ter uma negociação sobre qual texto será. O Congresso vai discutir, e vamos acompanhar cada emenda que será discutida”, disse ao participar de videoconferência promovida pela Associação de Jornalistas de Educação (Jeduca) para discutir a medida provisória.

Leia Mais
Back To Top