skip to Main Content
13 de julho de 2020 | 10:26 am

CITADO EM DELAÇÕES, PADILHA ADIA RETORNO AO GOVERNO

Tempo de leitura: < 1 minuto
Padilha adia retorno ao governo, após cirurgia (Foto Wilson Dias/Ag. Brasil).

Padilha adia retorno ao governo, após cirurgia (Foto Wilson Dias/Ag. Brasil).

O retorno do ministro-chefe da Casa Civil, Eliseu Padilha, ao trabalho, que estava previsto para hoje (6), foi adiado para o próximo dia 13. De acordo com a assessoria, há a expectativa de que ele tenha alta hoje (6) ou amanhã. O ministro dará continuidade ao processo de recuperação em sua casa, em Porto Alegre.

De atestado médico desde o dia 20, Padilha foi submetido a procedimento cirúrgico no dia 27 de fevereiro, no Hospital Moinhos de Vento, na capital gaúcha, para corrigir um problema de obstrução urinária, provocada por uma hiperplasia prostática benigna.

Segundo assessores, o quadro de saúde de Padilha é estável e ele se recupera bem do procedimento. No entanto, em função da idade – 71 anos – seu médico achou por bem adiar para o dia 13 o retorno ao trabalho. Em setembro, o ministro foi internado por problemas de pressão arterial.

LAVA JATO

O ministro licenciado é um dos integrantes do Governo Temer citados nas investigações da Operação Lava Jato. Padilha aparece, por várias vezes, como intermediador ou recebedor de altas quantias resultantes de supostas propinas ou Caixa 2 de campanha eleitoral.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top