skip to Main Content
26 de janeiro de 2021 | 11:50 am

BUERAREMA: PM É ACIONADA APÓS VEREADOR ATIRAR MICROFONE NO PRESIDENTE DA CÂMARA

Tempo de leitura: 2 minutos
Reinan e Wagner travaram duelo verbal, que resultou em microfone "voador".

Reinan e Wagner travaram duelo verbal, que resultou em microfone “voador”.

Há pouco, a polícia militar foi acionada para conter uma grande confusão iniciada pelo presidente da Câmara, Reinan do Santana (PSD), e o também vereador Wagner Mototáxi (PSL). A presidência da Casa havia determinado, sem aviso prévio, que somente os inscritos poderiam falar na sessão, quebrando uma “regra” adotada há quatro anos.

Wagner questionou a medida e disse que gostaria de falar, sendo apoiado por outros colegas. Após a vereadora Riviane usar a tribuna, o presidente encerrou a sessão.

Guarnição da PM foi chamada para conter ânimos na Câmara.

Guarnição da PM foi chamada para conter ânimos na Câmara.

O colega disse que ele não poderia encerrar os trabalhos daquela forma. Na sequência, sobraram palavras impublicáveis, proferidas pelo vereador do PSL.

Por último, Wagner atirou o microfone em direção ao presidente da Casa, de acordo com testemunhas. Reinan não foi atingido. O objeto lançado pelo vereador atingiu e quebrou parte da vidraça do plenário.

Microfone atingiu e destruiu vidraça do plenário da Casa.

Microfone atingiu e destruiu vidraça do plenário da Casa.

Esta publicação possui 0 comentários

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top