skip to Main Content
6 de agosto de 2020 | 07:10 pm

HOMEM QUE MATOU E ENTERROU MULHER EM QUINTAL É CONDENADO A 12 ANOS DE PRISÃO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Homem é condenado a 12 anos pelo assassinato de mulher

O tribunal do Júri da Comarca de Eunápolis, no extremo-sul do estado, condenou, na quinta-feira (15), o aposentado Petronílio Francisco da Silva, 74 anos, a 12 anos de prisão em regime fechado pelo assassinato de Renildes Gama dos Santos.  O crime ocorreu em setembro de 2010, no bairro Alecrim, e, na época, a vítima estava com 34 anos. Além de homicídio, o homem foi condenado por ocultação de cadáver.
De acordo com investigações da polícia, Petronílio Francisco assassinou a companheira e enterrou o corpo no quintal da casa onde casal morava. O corpo foi descoberto 10 dias depois em uma cova rasa.Na época, o condenado disse que cometeu homicídio depois de uma crise de ciúmes da mulher, que era muito mais nova. Ele afirmou que “foi tomado por uma força do mal para fazer o que fez”.
Depois de assassinar e ocultar o corpo da mulher, Petronílio Francisco foi a uma rádio local pedir ajuda à população para localizar a mulher que estava desaparecida. Ele foi preso 10 dias depois, mas obteve direito de responder o processo em liberdade e desapareceu tempo depois.
Petronílio Francisco é considerado foragido. Por isso, foi sentenciado à revelia pelo juiz Otaviano Andrade Sobrinho. A acusação e as aprovas foram apresentadas aos jurados pelo promotor de justiça João Alves Neto.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top