skip to Main Content
24 de junho de 2021 | 03:17 pm

BAHIA REGISTRA SALDO NEGATIVO DE EMPREGO EM FEVEREIRO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Bahia registra saldo negativo de emprego|| Foto Elói Corrêa

A Bahia fechou fevereiro com saldo negativo de empregos, com a eliminação de 36 vagas de trabalho. Apesar do resultado ruim, cinco setores apresentaram desempenho positivo, com destaque para serviços, com 406 novas vagas, e a agropecuária, com 397. Os dados estão no Cadastro Geral de Empregados e Desempregados (Caged) do Ministério do Trabalho, divulgado na sexta-feira (23).
Os dados indicam que a Bahia não foi o estado brasileiro que mais sofreu com a falta de geração de empregos no mês passado.  Quem registrou o pior saldo foi Alagoas, que perdeu 10.698 postos de trabalho formal, e foi o estado que mais perdeu vagas no Brasil. O segundo colocado foi Pernambuco, que eliminou 7.381 empregos com carteira assinada.
Outros estados que acumularam prejuízos em fevereiro foram Rio Grande do Norte (-3.570), Paraíba (-2.758) e Sergipe (-931). No  Sudeste do País, o Rio de Janeiro foi o estado com pior resultado, com a perda de 2.750 vagas.
As unidades da federação com os maiores saldos de emprego foram São Paulo (30.040 vagas), Santa Catarina (16.344), Rio Grande do Sul (13.024), Paraná (7.703), Minas Gerais (7.288) e Goiás (5.137). O Brasil registrou saldo de 61.188 novos postos de trabalho, um aumento de 0,16% em relação ao estoque de janeiro.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top