skip to Main Content
11 de agosto de 2020 | 01:34 am

PM QUE COMBATEU O CANGAÇO NA BAHIA MORRE AOS 102 ANOS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Sargento que combateu o cangaço morre aos 102 anos

Morreu na madrugada de sábado (30), em Paulo Afonso, o sargento da Polícia Militara da Bahia Gerson Pionório Freire, de 102 anos. Ele fez parte de inúmeras volantes, patrulhas organizadas para percorrer a caatinga na perseguição aos cangaceiros. As causas da morte não foram informadas pelos familiares do PM.
De acordo com a PM da Bahia, Pionório angariou, durante sua trajetória profissional, a admiração e o respeito dos superiores, pares e subordinados pela dedicação explícita à causa da segurança pública. Recentemente, ele teve a história contada na produção documental em formato de vídeo “Memórias da PMBA”, iniciativa da Corporação para resgatar e valorizar personagens e feitos memoráveis da Polícia Militar da Bahia. Intitulado, “O Policial Militar de 100 anos”, o documentário ainda obtém relevante sucesso onde é exibido.
Em nota, a Polícia Militar da Bahia rendeu “todas as homenagens e o mais sincero reconhecimento ao exemplo de profissional e homem honrado que o Sgt PM Ref Pionório foi e continuará a ser através do seu legado como exemplo aos nossos milhares de profissionais”.

Esta publicação possui 0 comentários
  1. Grande Soldado,relevante serviço prestado ao povo baiano,uma vez que,expulsou da Bahia o bando de bandoleiros de estradas do Virgulino Ferreira,o rei do cangaço,o Lampião.
    Portanto,a maior homenagem a este infante ainda é pouco,este comentarista homenageia com louvor este ícone Soldado.
    Centenária milícia de bravo,altaneira na fé e no ideal,atravessaram da Pátria as fronteiras,tuas armas,tua gloria,teu fanal,força invicta da terra brasileira,na Bahia irrompeu varonil,desfraldando do Império a Bandeira das primeiras a surgir no Brasil. Pelejaste no Brasil e no estrangeiros,sob o Império e da República também, jamais derrota sofreram tuas armas,que aqui ou em plagas além,no Sul do País Norte ou centro,memorado são os seus brasões,seu heroísmo cantaram os pampas,teu denodo proclama os sertões,da Pátria é também tua história criada forte com a emancipação,o teu sangue regou o nosso solo,ajudaste a edificar a Nação,centenária doce milícia de bravo!
    Este comentarista teve uma grande honra em trabalhar com outro herói,Dr.delegado
    Pedro Marques de Sá,então titular da Delegacia de Furtos e Roubos de Jogos e Costumes de Itabuna,a mesma situava onde hoje funciona, Teatro Zélia Lessa,anexo
    a Escola Profissionalizante de Itabuna,centro da cidade.
    Sempre o Dr.Padro Marques de Sá,contava as aventuras de ter expulsado de Paulo
    Afonso e Região de Jeremoabo o bando de Lampião,o rei do cangaço da Bahia,que foi um tiroteio igual uma guerra e os jagunços correram fugindo debaixo de bala da Bahia.
    Que o Dr.delegado,Pedro Marques de Sá,sinta-se,homenageado como herói do povo da Bahia.
    “Heróis são aqueles que fazem um grande feito” Michel Foucault,1926-1984

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top