skip to Main Content
3 de abril de 2020 | 01:19 am

OPOSIÇÃO INDECISA

Tempo de leitura: 2 minutos

Marco Wense
 
 

Se espera uma inevitável chiadeira por parte de candidatos a deputado estadual e federal não eleitos ou reeleitos. ACM Neto, gestor de Salvador e presidente nacional do DEM, será responsabilizado pelas derrotas.

 
 
Como não bastasse a desistência de ACM Neto na disputa pelo governo da Bahia, deixando o oposicionismo a ver navios, tem agora a demora para compor a chapa majoritária encabeçada por José Ronaldo (DEM).
Certo mesmo só o deputado tucano Jutahy Júnior para uma das duas vagas ao Senado da República. O imbróglio continua em relação a outra vaga para a senatória e ao cargo de vice-governador.
A oposição precisa mostrar que está unida, sob pena do discurso do “já ganhou” da base aliada situacionista atrair os poucos prefeitos que estão na campanha do ex-alcaide de Feira de Santana. O feitiço virou contra o feitiçeiro.
A oposição a Rui Costa, mais especificamente ao PT, que tanto torcia por uma desavença na composição da chapa governista, vem sofrendo na própria pele a dificuldade em solucionar o impasse na formação do seu bloco.
Outro ponto que preocupa é o não crescimento do democrata nas pesquisas de intenção de votos. Aliás, uma derrota para Rui Costa, que não seja por uma diferença grande, mesmo com a fatura sendo liquidada logo no primeiro turno, já é vista como uma vitória.
Se espera uma inevitável chiadeira por parte de candidatos a deputado estadual e federal não eleitos ou reeleitos. ACM Neto, gestor de Salvador e presidente nacional do DEM, será responsabilizado pelas derrotas.
Concluo fazendo a seguinte pergunta: E se José Ronaldo resolvesse não disputar o Palácio de Ondina? A situação estaria bem pior. Quem seria o candidato?
Se a oposição deu azar com o recuo de ACM Neto, deu sorte com a coragem de José Ronaldo, sem dúvida a tábua de salvação do demismo, que mesmo pequena e frágil, pode levar alguns para a beira da praia.
Marco Wense é articulista político e editor d’O Busílis.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Back To Top