skip to Main Content
5 de julho de 2020 | 01:07 pm

DEPUTADOS PEDRO TAVARES E LEUR DIZEM TER OBTIDO APOIO DE MINISTRA PARA PRODUTORES DE CACAU

Tempo de leitura: 2 minutos

Ministra, ao centro, recebeu comitiva baiana

O deputado federal Leur Lomanto Jr (DEM) e o deputado estadual Pedro Tavares (DEM), estiveram hoje (21/02), no Ministério da Agricultura, onde, em audiência com a ministra Tereza Cristina, obtiveram garantia de o apoio na luta pela reparação das dívidas dos produtores de cacau do sul da Bahia. Acompanharam os deputados o representante dos produtores de cacau, Rui Souza, o ex-deputado estadual Ewerton Almeida, do Instituto Pensar Cacau, e a vereadora Charliane Sousa, de Itabuna.

Os parlamentares relataram a decadência da produção do cacau, iniciada no final dos anos 80 com a disseminação da vassoura-de-bruxa, nas plantações e a crise econômica que o fato causou na região. Durante a reunião, eles ressaltaram os prejuízos sofridos pelos produtores a partir dos empréstimos concedidos pelo Governo, por meio da nota técnica da Ceplac e que, ao final se tornaram dívidas impagáveis.

Leur Jr. enfatizou a reação da ministra, diante dos relatos e o compromisso de apoiar a causa. “Conseguimos sensibilizar a ministra, que ressaltou a sua disponibilidade em agendar uma visita a região Sul do nosso estado a fim de conhecer mais de perto a realidade e nos ajudar nessa luta”, afirmou Leur Jr.

O deputado Pedro Tavares frisou o apelo para que o Governo Federal olhe pela situação e frisou a receptividade da titular. Ele “Vamos lutar pela renegociação das dívidas, já que os produtores não têm culpa e não podem pagar por um erro que não é deles. A região cacaueira quer continuar gerando emprego e renda, plantando e produzindo o cacau. Não pedimos um favor, mas justiça por toda a contribuição que a região sul do Estado da Bahia deu ao país”, enfatizou.

DELÍCIAS DA CULINÁRIA BAIANA NÃO DEVEM SER RISCADAS DO CARDÁPIO, DIZ NUTRICIONISTA

Tempo de leitura: 3 minutos

Acarajé não deve ser riscado do cardápio

Delícias da culinária baiana de influência africana como acarajé, feijoada e sarapatel, não devem ser riscadas do cardápio. Elas podem ser consumidas inclusive por pessoas com problema de excesso de peso, desde que com moderação, orienta a nutricionista Lorenna Fracalossi, do Núcleo de Obesidade do Centro de Diabetes e Endocrinologia do Estado da Bahia (Cedeba).

A nutricionista conta que um paciente comia acarajé com refrigerante todos os dias, e ela o orientou a consumir a iguaria uma vez por mês, e não tomar o refrigerante. A profissional destaca que as comidas de influência africana são muito calóricas.

Lorenna Fracalossi explica que os escravos comiam, mas trabalhavam pesado. “Mas quem come e volta para trabalhar sentado no ar condicionado, vai ganhar peso, sim. Alimentos da herança indígena também são bastante calóricos, como a farinha de mandioca, largamente usada na alimentação dos baianos”.

De acordo com a profissional, apesar da forte influência das culturas negra e indígena na alimentação, hoje os fast foods, associados aos refrigerantes, originários da cultura norte-americana (Estados Unidos) lideram no mundo o ranking da obesidade: são consumidos em larga escala pelos brasileiros, contribuindo para aumentar o contingente de pessoas com obesidade.

MUDANÇA DE HÁBITOS

Segundo Lorenna Fracalossi, o tratamento da obesidade, passa por mudança de estilo de vida. A mudança de hábitos alimentares deve começar com as compras . “As pessoas precisam ir mais às feiras, onde há maior abundância de frutas da estação e os preços são mais acessíveis, além de ajudar a economia local”.

Feijoada deve ser consumida sem exageros, segundo nutricionista

Ela destaca que o Brasil é um país rico em frutas e verduras que não vêm em pacotinhos (alimentos industrializados). E acrescentou que é preciso descascar mais frutas e abrir menos pacotinhos para ter mais saúde. Também é necessário observar as emoções porque quando a pessoa se aborrece tende a se vingar comendo alimentos calóricos como biscoitos e doces.

Leia Mais

MOTORISTA PERDE O CONTROLE DE CARRO E ATROPELA PEDESTRE NA CINQUENTENÁRIO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Carro descontrolado subiu na calçada

Um motorista perdeu, há pouco, o controle deste veículo Volkswagen CrossFox (foto), na Avenida do Cinquentenário, próximo a agência do Banco do Nordeste, no centro de Itabuna, e, por pouco, não provoca uma grande tragédia. O carro subiu na calçada, causando pânico em quem transitava pelo local. Um homem ainda não identificado foi atropelado.

Com suspeitas de fraturas nas pernas, o pedestre foi socorrido por uma equipe do Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu).De acordo com testemunhas, o homem estava consciente. O motorista do carro, que teria passado mal ao volante, não sofreu ferimentos.

UFRB PUBLICA EDITAL DE CONCURSO PARA PROFESSOR

Tempo de leitura: < 1 minuto

As vagas são para o campus de Cruz das Almas

A Universidade Federal do Recôncavo da Bahia (Ufrb) publicou edital de concurso público para o preenchimento de vagas de professor efetivo, com dedicação exclusiva, no Centro de Ciências Agrárias, Ambientais e Biológicas no Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas, no campus Cruz das Almas. As oportunidades são para profissionais que possuem título de doutor.

As inscrições poderão feitas no período de 4 a 18 de março. A  taxa de inscrição será de R$ 200,00,  mas o candidato de baixa renda pode solicitar a isenção. Nesse caso, o interessado deve ser inscrito no cadastro único para programas sociais do Governo Federal (CadÚnico).O pedido feito no período de 4 de março a 5 de abril.

O concurso constará das seguintes etapas:  prova escrita, que será eliminatória e classificatória; prova didática  (eliminatória e classificatória) e defesa de memorial e prova de títulos. A prova escrita será aplicada no dia 11 de junho, a partir das 8h. Acesse o edital aqui.

ITABUNA: INCÊNDIO ASSUSTA MORADORES DO SÃO CAETANO

Tempo de leitura: < 1 minuto

Fogo avança rápido sobre a vegetação no São Caetano, em Itabuna

Moradores da região conhecida como final de linha do São Caetano, em Itabuna, estão assustados com a velocidade com que as chamas se propagam e consomem a vegetação em áreas próximas à subestação de energia da Coelba e à Cavalaria Montada da Polícia Militar. O local é utilizado como pasto, mas ainda preserva parte de Mata Atlântica. Nas proximidades, existem loteamentos habitados, além da Cavalaria.

O incêndio começou há quase uma hora, nesta quinta (21), e ameaça avançar sobre a região de mata. A região é bastante íngreme e dificulta a chegada de equipes que possam combater e controlar as chamas. Até as 16h, não havia equipe do Corpo de Bombeiros no local. Ainda não se sabe o que originou o incêndio.

ITABUNENSES ENFRENTAM FILA DE 1,5 KM NO PENÚLTIMO DIA PARA A BIOMETRIA

Tempo de leitura: 2 minutos

Últimos dias têm sido de longas filas no posto de atendimento no Fórum Ruy Barbosa

A fila para o cadastramento biométrico em Itabuna, nesta quinta-feira (21), foi a maior desde que o procedimento passou a ser obrigatório, no final do ano passado. Hoje, a fila começou em frente ao antigo Fórum Ruy Barbosa, na Praça José Bastos, seguiu pela Avenida Inácio Tosta Filho, passou pela Travessa Ruffo Galvão e chegou à rua Ruffo Galvão. O eleitor enfrentou cerca de 1,5 km de fila.

Eleitor enfrentou 1,5 km de fila no penúltimo dia para o cadastramento em Itabuna|| Foto Reprodução TV Santa Cruz

De acordo com o Tribunal Regional Eleitoral da Bahia (TRE-BA), o prazo para o cadastramento biométrico em Itabuna se encerra nesta sexta-feira (22) e não terá prorrogação. Quem não conseguir realizar o procedimento obrigatório, terá o título cancelado. A situação pode ser regularizada a partir de abril.

A Justiça Eleitoral informou que, até o início da manhã desta quinta-feira (21), cerca de 90 mil eleitores de Itabuna fizeram o cadastramento biométrico. O município tem mais de 155 mil eleitores registrados no Tribunal Superior Eleitoral (TSE). No sul da Bahia, além de Itabuna, o procedimento é obrigatório para os eleitores de Itapé e Jussari.

URUÇUCA: OBRAS DE ESCOLA DO CAMPO SERÃO RETOMADAS

Tempo de leitura: < 1 minuto

Escola do Campo em Uruçuca tem obras retomadas || Foto Divulgação

A Prefeitura de Uruçuca conseguiu retomar a obra da Escola do Campo Domingos Correia, que estava abandonada. O prefeito Moacyr Leite Júnior agradeceu a intervenção do deputado federal Paulo Azi (DEM-BA).

Segundo o prefeito, a retomada da obra foi possível devido ao “bom relacionamento com o deputado”, que interferiu no governo federal para a conclusão da escola. “A gestão municipal segue em frente na conclusão desta obra de grande importância para a comunidade daquela região, essencial para que estudantes e profissionais da educação possam ter um melhor conforto e ambiente mais propício para o processo educacional”, afirmou.

OLIMPÍADA DE LÍNGUA PORTUGUESA ABRE INSCRIÇÕES PARA MAIS UMA EDIÇÃO

Tempo de leitura: 2 minutos

Finalistas da 5ª Edição da Olimpíada de Português

A 6ª edição da Olimpíada de Língua Portuguesa (OLP) está com inscrições abertas. Lançada pela Fundação Itaú Social e Ministério da Educação, sob a coordenação técnica do Centro de Estudos e Pesquisas em Educação, Cultura e Ação Comunitária (Cenpec), a OLP tem o objetivo de apoiar os professores da rede pública no aprimoramento das práticas de ensino de leitura e escrita.

A Olimpíada prevê a realização, com orientação dos professores inscritos, de oficinas de produção de texto com os alunos do quinto ano do ensino fundamental ao terceiro ano do ensino médio. A partir daí, a competição passa por várias etapas, municipais, estaduais e regionais, até se chegar aos 32 estudantes vencedores na etapa nacional.

Os professores também recebem prêmios. O tema do concurso é O lugar onde vivo, um estímulo à reflexão sobre as realidades locais. Os professores das redes públicas estaduais e municipais podem se inscrever até 30 de abril. Acesse aqui a página da Olimpíada.

Leia Mais

CAIXA E UPB CAPACITAM GESTORES MUNICIPAIS PARA REDUÇÃO DE BUROCRACIA

Tempo de leitura: 2 minutos

Evento orientou prefeitos e técnicos

Para enfrentar a burocracia na gestão de contratos de repasse às prefeituras baianas, a União dos Municípios da Bahia (UPB), em parceria com a Caixa Econômica Federal, orientou gestores durante capacitação, realizada na manhã desta quinta-feira (21), no auditório da UPB, em Salvador. O evento teve como objetivo alinhar com os técnicos municipais o processo de repasse dos recursos, oriundos de emendas parlamentares e ministérios para a execução de obras diversas.

O presidente da UPB, Eures Ribeiro, destacou a importância da aproximação com o banco e apresentou no evento a experiência do município de Bom Jesus da Lapa, do qual é prefeito. Ribeiro afirmou que, para acelerar o acesso a repasses, a prefeitura pode dispor de um recurso reembolsável que serve de contrapartida na pactuação com o agente financeiro para o recebimento de emendas, a exemplo do Fundo Municipal de Manutenção de Obras. “É uma metodologia para fazer avançar os trabalhos de medição da obra e liberação do contrato junto à Caixa. O município faz o aporte no convênio para que o trâmite caminhe”, orientou.

O superintendente Regional da Caixa no Oeste, Francisco Ricardo, explicou que a intenção é “tornar mais célere os contratos e permitir ao município atender à demanda da população local”. O executivo convidou os gestores e técnicos municipais a tirar dúvidas sobre o andamento das obras durante o atendimento especializado que o banco oferece no evento. De acordo com o gerente Regional da Caixa em Salvador, José Anselmo Lopes, a capacitação e orientação técnica certificam “a parceria de longa data da Caixa com a UPB”. Segundo ele, quando o banco e os municípios fazem essa aproximação “há um entendimento melhor do processo”.

RECEITA FEDERAL INVALIDA CNPJs DE MAIS DE 3,3 MILHÕES EMPRESAS

Tempo de leitura: 2 minutos

Prédio da Receita Federal em Itabuna, no sul da Bahia

A Receita Federal declarou inapto o Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica (CNPJ) de 3.309.404 empresas, que deixaram de fazer a Declaração de Débitos e Créditos Tributários Federais (DCTF) por dois anos consecutivos entre 2013 e 2017.

A obrigação é anual e deve indicar o recolhimento ou isenção de 11 tributos federais como Imposto de Renda, Imposto de Produtos Industrializados, Contribuição para o PIS/Pasep e a Cide-Combustível.

A inaptidão do CNPJ invalida a inscrição da empresa, anula documentos fiscais, pode bloquear a movimentação de contas-correntes em bancos e responsabiliza sócios e administradores por eventuais débitos com o Fisco.

Antes de declarar a inaptidão, a Receita Federal procurou cada empresa contribuinte e avisou das pendências. As comunicações foram feitas entre agosto do ano passado e este mês (fevereiro). De todas empresas contatadas, apenas 116,8 mil entregaram a declaração em atraso e reverteram o processo de invalidade.

De acordo com o coordenador-geral de Arrecadação e Cobrança da Receita Federal, Marcos Hubner Flores, não foi feito um perfil das empresas consideradas inaptas e nem há um levantamento das razões para a não apresentação da declaração.

Ele não considera que a razão da omissão tenha a ver com a recessão econômica e o fechamento de empresas. “Por causa da crise econômica e de dificuldades financeiras, uma empresa pode deixar de recolher tributos, mas pode fazer as declarações”, explicou ao lembrar que em caso de dívida com fisco há possibilidade de negociação e reparcelamento de débitos.

De acordo com Hubner Flores, empresas que pediram falência também devem declarar débitos e créditos tributários.

Caso a fiscalização tributária cerifique que a omissão da declaração ocorreu em razão de fraude, os sócios poderão ser processados na Justiça e ter a dívida de contribuições e impostos em atraso da empresa vinculados aos CPF dos sócios. Da Agência Brasil.

Back To Top