skip to Main Content
1 de outubro de 2020 | 04:03 am

MAIS DE 30 ACUSADOS SÃO PRESOS NA BAHIA APÓS RECONHECIMENTO FACIAL

Tempo de leitura: < 1 minuto

33 procurados foram presos depois de reconhecimento facial

A Secretaria de Segurança Pública da Bahia usou o Sistema de Reconhecimento Facial para prender 33 acusados de crimes, durante os quatro dias de micareta de Feira de Santana. Os dados foram apresentados, nesta segunda-feira (29), no auditório do Presídio de Feira de Santana, pelo secretário da SSP-BA, Maurício Teles Barbosa.

Dentre os capturados estão pessoas com mandados por homicídio e tráfico de drogas. De acordo com o secretário, além das prisões, o destaque também vai para a ausência de mortes durante os festejos iniciados na última quinta-feira (25) e encerrados no domingo (28).

Mais de 1,3 milhão de foliões teve os rostos capturados pela nova tecnologia, o que gerou 903 alertas para as unidades policiais instaladas nos trajetos, resultando no cumprimento de 18 mandados e na captura de 14 pessoas por descumprimento de prisão domiciliar e de uma pessoa condenada.

No total, 35 mandados de prisão foram cumpridos, sendo 33 por meio da utilização da tecnologia e dois por meio da identificação feita por policiais. Também houve 11 prisões em flagrante e a apreensão de uma arma. O número de lesões corporais teve diminuição de 18 casos do ano passado, para 8 este ano.

Deixe seu comentário:

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Back To Top